Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Tito Fisher

Membros Plenos
  • Total de itens

    213
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%
  1. Ola. Não pode !! Isso seria uma resposta ao pé da letra, considerando a real equivalência das especificações. Dependendo do uso que se faz de um componente ele pode ser substituído por alguma coisa parecida, mas determinados circuitos podem não se adequar e acabam prejudicando toda a malha envolvida. Tipo assim, se um transistor estiver ali apenas para corte ou acionamento de alguma coisa a tolerância é grande. Já nos casos que requeiram parâmetros de ganho ou de frequência bem definidos já é outa conversa, bem como a observação dos limites funcionais de corrente e tensão . Bem, use esse site para localizar algum componente 'próximo' das especificações do elemento a substituir . https://alltransistors.com/ Basta digitar o nome dele, e no final da página vai ter uma opção de cross-reference com base nas principais características. '_'
  2. Ola. A resposta já foi dada , seu circuito está exatamente como o amigo @Ricardo S Ferreira explicou. Nota que na sua descrição das fotos diz :" O posição "I" significa "CHAVE LIGADA" fechando os contatos e colocando em curto a sua porta USB . Vou rascunhar rapidinho aqui um diagrama de como deveria ser o circuito , já vou postar , peraê ... '_'
  3. Ola, novamente ! Informação errada essa do site, desconheço o propósito de divulgarem algo incoerente. Por partes , foi dito 'suportar o Watts' , então se traduzindo 'watts' como a relação entre corrente e tensão temos que ... cada painel fornece tensão nominal de 37V por 8,78A = 325W , certo ? Ligando 2 paineis em paralelo terá 37V por 17,7A = 645W, certo ? a controladora tem no manual ... Max PV open circuit = 50 Volts ( vamos considerar os 37V do painel, que independente de quantos sejam ligados em paralelo vai manter a tensão em 37V) e ... Rated charge/discharge current = 45A . ( por precaução vamos considerar uma folga e limitar isso em 40A para ela gerenciar ) Usando a mesma formula , P= V * I ... 37V * 40A = 1480 Watts Esses 1480 Watts entregues por 4 painéis estaria bem abaixo do máximo , que lhe informaram , vamos considerar como potência funcional, já que a potência nominal seria 50 * 45 = 2250W . Mas ,,, os painéis não fornecem 10A cada, eles fornecem apenas 8,78A então temos que P = 37 * (8,78A de cada um dos 4 painéis ) fica 1299Watts. ........... Quanto a sua intenção de ligar painéis com potencias diferentes é altamente 'não recomendado' , exceto nos casos onde consiga equalizar as somas das malhas série/paralelo . Isso chega a ser um certo desafio devido as especificações dos painéis oriundos de fabricantes diferentes que não permitem calculos redondos de tensão e corrente . Tipo assim, voce poderia ligar em paralelo a um 325W algum outro par já em série com 2 paineis que espelhassem a mesma relação de tensão e corrente do painel maior. Muito difícil de se conseguir tal combinação. Alguns instaladores fazem 'adaptações' para tentar nivelar a malha, mas fuja desse tipo de oferta. Abcs
  4. Opa. De onde veio a informação de que esta controladora só suporta duas placas do modelo que voce possui ?? (veja, teoricamente...) Se cada painel fornece 37V com corrente max de 9A voce pode ligar em paralelo quantos painéis desejar até se aproximar do limite de CORRENTE que a controladora se dispõe a gerenciar. No caso a controladora é 45A então quatro painéis de 9A dariam 36A com folga . Minha calculadora pode estar errada, sei lá ... '_'
  5. Ola. Vou deixar minha contribuição simplinha também : Caso tenha calculado o consumo do circuito na faixa dos 3A então eu usaria uma fonte de 5A. Acontece que as fontes ( chaveadas ou mesmo de trafo ) tem sua vida útil abreviada se usadas perto da potência máxima, comparando grosseiramente a um carro cujo contagiros marca um teto de 7000 rpm e voce rodar quase o tempo todo com o pé no fundo, ali pelos 6 mil giros. '_'
  6. Ola. Acredito que antes de fazer a pergunta voce não pesquisou aqui neste site sobre algum circuito semelhante. Leia este post : https://www.clubedohardware.com.br/forums/topic/1181906-acionar-rel%C3%A9-com-um-pulso-e-mant%C3%AA-lo-acionado/ Tem o que você precisa, talvez precise alguma modificação mas já é um bom começo . '_'
  7. Ola. Nem precisa criar uma entrada auxiliar caso o seu aparelho não tenha. voce pode simplesmente usar um transmissor bluetooth-FM e sintonizar nele o que pretende ouvir a partir do celular ou de qualquer outra origem. Os transmissores bluetooth veiculares tem um preço bem acessivel, e o que voce vai precisar é apenas uma fonte 12V que suporte ele. '_'
  8. Ola. Vou tentar deixar minha contribuição simplinha : Naquela época não havia muita interação entre os pesquisadores espalhados por institutos do planeta, isso até por imposição dos respectivos governos que pretendiam monopolizar cada descoberta. ( não sei se hoje ainda funciona assim ...) Pois bem.... O nome Teorema de amostragem de Nyquist-Shannon homenageia Harry Nyquist e Claude Shannon, mas .... o teorema também foi descoberto independentemente por E. T. Whittaker, por Vladimir Kotelnikov e por outros. É assim também conhecido pelos nomes Nyquist – Shannon – Kotelnikov, Whittaker – Shannon – Kotelnikov, Whittaker – Nyquist – Kotelnikov – Shannon e o teorema cardinal da interpolação. cronologicamente agora : A fórmula remonta aos trabalhos de E. Borel (publicada em 1898) e Edmund Whittaker ( publicada em 1915 ), porém foi citada a partir de trabalhos de J. M. Whittaker (em 1935, filho do outro Whittaker ) e recebeu doravante a entitulação de "teorema de amostragem" de Nyquist-Shannon por Claude Shannon em 1949. Nota-se que o Shannon era americano, e como tal ele possuia o "direito" de escolher o nome que quisesse, já que em 1949 ( final da Segunda guerra mundial ) os Estados Unidos fizeram de si o centro do planeta, estabeleceram a sua moeda como referencia, o seu idioma como referencia, e criaram mais um monte de coisas fora do escopo deste forum. Vamos aos detalhes dos demais. Félix Édouard Justin Émile Borel (1871 - 1956) foi um matemático francês e político. Como matemático, ele era conhecido por seu trabalho de fundador nas áreas de teoria de medida e probabilidade. Edmund Taylor Whittaker (1873 - 1956) foi um matemático inglês que contribuiu amplamente para a matemática aplicada, a física matemática e a teoria das funções especiais. John Macnaghten Whittaker ( 1905 - 1984) foi um matemático britânico e vice-chanceler da Universidade de Sheffield de 1953 a 1965. Esse é filho do E.T. Whittaker Claude Elwood Shannon (1916 - 2001) foi um matemático americano, engenheiro elétrico e criptógrafo conhecido como "o pai da teoria da informação". Harry Nyquist (1889 - 1976) , foi um engenheiro eletrônico americano nascido na Suécia que fez importantes contribuições para a teoria da comunicação. Vladimir Aleksandrovich Kotelnikov ( 1908 - 2005 ) foi um pioneiro na teoria da informação e na astronomia de radar da União Soviética. '_'
  9. Ola. Acredito que se voce postar o seu circuito vai ficar beeeemmm mais fácil o pessoal confabular as possibilidades de implementação, enxergando o que voce tem em mãos. Existem várias formas de se fazer isso, então para que não fiquemos atirando às cegas e as respostas não coincidirem com a sua implementação a solução vai demorar um pouco mais. Concorda ? '_'
  10. Opa. Aqui tem um ponto de partida.
  11. Sim, É possível !!! '_'
  12. Ola. Para carregar as baterias de notebook FORA do respectivo aparelho voce vai precisar de um aparelho tipo esse aqui : http://www.promessaofer.com/products/profissional-universal-notebook-laptop-carregador-de-bateria-externa-com-toda-conectores-para-quase-todas-as-baterias-de-laptop-novo/ Outra opção caso voce tenha intimidade com circuitos é bolar seu próprio adaptador para fazer a interface entre o carregador sugerido no post anterior e o plug da bateria em questão, suponho que deseje carregar mais de um modelo porém todas FORA do respectivo aparelho Identificar os polos de na bateria e fazer o aparato com um conector tipo esse da imagem abaixo
  13. Ola. As baterias de notebook são packs de baterias 3.7V ligadas entre si no modo série/paralelo de modo a suprir determinada autonomia de uso. E dotadas de um circuito BMS para proteção dos limites de carga e descarga. Como disse o Sr @BCP as tensões de carga podem ser diferentes dependendo do modelo, então o recomendado seria um carregador do tipo universal com seleção de tensão conforme o modelo de aparelho/bateria a carregar. Tipo esse aqui : https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-789710937-fonte-carregador-universal-notebook-laptop-samsung-hp-compaq-_JM voce comentou também no post sobre carregar power bank, se for desses standard para celular eles são carregados com 5Vcc fornecidos por quaisquer portas USB ou pelos carregadores de celular que todo mundo tem algum jogado em uma gaveta. '_'
  14. Bem, eu já fiz alguns testes nesse quesito e inverti a entrada, alimentei com 110V o secundário e obtive algo perto de 10V no ex-primário. O consumo foi muito abaixo do que seria com a ligação original. Minha ideia seria então retirar esse primário original que é de alumínio e enrolar outro fio ( de cobre ) de modo a obter tensão x corrente dentro do desejado. Creio que não precisaria desmontar o núcleo para fazer esse novo enrolamento, vou ver se acho alguma tabela com a relação de área do núcleo e bitola do fio para levar adiante a ideia! De repente dá até pra vender trafos 18+18 com 10A bem abaixo do valor praticado no comércio ! ( foi brincadeira isso de vender, eu faço tudo isso apenas por hobby ! )
  15. Esta citação do Sr @albert_emule me fez pensar um pouco ... A princípio foi desanimadora, mas meu conhecimento de mecânica automotiva foi útil para interpretar a mensagem como um incentivo. Então fiz a engenharia reversa do ' motor movido a solenóide' e iniciei um protótipo do que seria um gerador V8. Enrolei bobinas com fio de bom calibre e posicionei em torno de uma árvore de manivelas de modo que os 8 pistões ( providos de imãs de neodímio ) estivessem todos em posições diferentes dentro de sua respectiva bobina quando o dispositivo recebesse força motriz no eixo principal. O resultado foi gratificante, geração de 6 volts com 10 amperes de corrente a uma rotação em torno de 150 rpm. !!!! Postarei mais resultados no decorrer da experiência, e reitero minha gratidão pelo apoio recebido. '_'

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×