Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Fonte 14V com transformador de microondas


Posts recomendados

Estou desenvolvendo um projeto de uma fonte de 12 a 14 volts com um transformador de microondas, fiz o enrolamento do transformador com cabo 6mm e obtive 12.85 no secundário (se for o caso, consigo enrolar mais voltas) e retifiquei essa tensão com 4 diodos de 200A, e consegui 10.5V meu objetivo com esta fonte, é utiliza-la para carregar baterias, fazer eletrólise, eventualmente ligar alguns aparelhos como módulos de som (nada muito grande), colocando um capacitor para filtrar o ripple, (450v 680uF) a tensão subiu bastante (20.85V sem carga e 18V com carga) fugindo do esperado, o que eu poderia fazer para manter essa fonte em 14V mesmo filtarada e retificada?

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Você aferiu essas tensões na escala contínua ou alternada? Qual é a tensão da saída do transformador a vazio (medida em escala alternada)? Qual é o modelo desses diodos utilizados? Qual será o valor de corrente utilizado na sua fonte?

Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Lucasflores um carregador de bateria não é tão simples, precisa ter um circuito para analisar a resistência da bateria e diminuir a carga.

Pode reparar que equipamentos profissionais, como uma furadeira sem fio por ex, tem um carregador caro e geralmente grande, enquanto as amadoras usam uma fonte comum e demoram muito mais para carregar.

O carregador de um aparelho mais simples vai injetar energia na bateria sempre o minimo possível para ela não superaquecer e estragar, enquanto em um aparelho mais robusto  vai injetar o máximo possível que a bateria aguenta. mas se ela aquecer ele diminui o ritmo da carga.

 

Outro ponto a se observar é que quando a bateria está descarregada ou próximo de carregar completamente a carga precisa ser mais fraca, no "meio do caminho" é que se pode carregar ela com mais força.

Eu tenho o pé atras com carregador de bateria, sempre coloco algo pra carregar no chão e longe de coisas que podem pegar fogo, para a carga de bateria eu sugiro você comprar um carregador profissional.

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membro VIP
41 minutos atrás, Lucasflores disse:

680uF) a tensão subiu bastante (20.85V sem carga e 18V com carga) fugindo do esperado, o que eu poderia fazer para manter essa fonte em 14V mesmo filtarada e retificada

Aqui no forum tem algumas fontes assim. Destaco uma parrudona que o amigo faller fez há alguns anos e tá bem rodada por aqui. Tô com preguiça de procurar agora...

Como relação aos 680uF ... o pessoal usa considerar 1000uF pra cada amper...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Lucasflores disse:

colocando um capacitor para filtrar o ripple, (450v 680uF) a tensão subiu bastante (20.85V sem carga e 18V com carga) fugindo do esperado, o que eu poderia fazer para manter essa fonte em 14V mesmo filtarada e retificada?

Quanto ao capacitor, 450V é muito e 680uF é pouco.

Pra essa fonte, no mínimo uns 20000uF. 

A tensão de trabalho entre 25 e 50V. Se colocar muito alto, o capacitor não funciona bem. 

 

Quanto a tensão de saída, o correto é montar um regulador. Mas essa não é uma coisa muito simples pra esse tipo de fonte, pois a alta corrente complica. 

 

A solução é diminuir as espiras do trafo, deixando com uns 15V sem carga. 

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quanto ao carregamento da bateria,  poderia utilizar uma lâmpada em série no positivo que vai para a bateria?  Para carregar a bateria e a lâmpada ir apagando Conforme vai carregando,  para não enfiar tanta coisa de uma só vez na bateria. 

 

E essa tensão de 15v sem carga seria depois dos diodos?  Já em DC? 

 

 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
14 minutos atrás, Lucasflores disse:

Quanto ao carregamento da bateria,  poderia utilizar uma lâmpada em série no positivo que vai para a bateria?

Aí vai desperdiçar energia acendendo a lâmpada a toa... 

16 minutos atrás, Lucasflores disse:

essa tensão de 15v sem carga seria depois dos diodos?  Já em DC?

Sim, com os diodos e os devidos capacitores. 

 

Eu tenho uma fonte dessas que uso pra carregar bateria (somente automotiva) a diferença é que meu trafo é de no break. 

Uso somente os diodos, sem capacitor. Também coloquei um timer pra não ficar muito tempo ligado. 

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito interessante o timer,  eu quero implementar em minha fonte um interruptor térmico,  que quando atingir 100° por exemplo,  desligue o trafo mas permaneça com a ventoinha ligada reafriando o mesmo,  irei continuar o projeto e lhes conto mais,  acredito que também vou usar somente os diodos,  aí para som eu compro uma fonte chaveada automotiva mesmo, a solução no meu caso,  creio eu ser aumentar mais espiras no secundário,  a fim de obter maior tensão após retificar,  ai sim ficará bom. 

 

 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
46 minutos atrás, Lucasflores disse:

a solução no meu caso,  creio eu ser aumentar mais espiras no secundário,  a fim de obter maior tensão após retificar,  ai sim ficará bom

Não. Na verdade deve diminuir. 

 

Embora com somente os diodos o valor que você vê no multímetro é de 10V, este é apenas uma média. 

Na verdade a tensão fica oscilando num valor entre 0V e 20V, quando você põe o capacitor ele fica carregado durante o momento zero, aí o seu multímetro consegue enxergar os 20V. 

Esse valor de 20V é o que chamamos de tensão de pico. 

 

Seu trafo deve ter uma tensão de no máximo 11VAC antes dos diodos, aí a tensão de pico na saída vai ficar na casa dos 14V.

 

Sendo só pra recarregar bateria automotiva, pode deixar sem capacitor mesmo, pois elas preferem assim. 

Só reparar que o alternador do carro não tem capacitor, somente os diodos, a bobina e um circuito que mantém a tensão fixa em 14V. 

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Certo então, irei remover algumas espiras para deixa-lo com 11V no secundário então, assim carregando a bateria com seus picos de 14V e pouco.

 

Vai ficar bom para as aplicações que pretendo utilizar (carregador, eletrólise...), e na questão de carregar as baterias, para não jogar tudo de uma só vez, o que eu poderia fazer?

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
  • Quem está navegando aqui   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: ebook Redes Wi-Fi

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!