Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Fonte de Alimentação OCZ ZS Series 650 W

       
 25.719 Visualizações    Testes  
 11 comentários

A ZS é a mais nova família de fontes de alimentação da OCZ, com certificação 80 Plus Bronze e modelos entre 550 W e 750 W. Vejamos se o modelo de 650 W é uma boa opção.

Teste da Fonte de Alimentação OCZ ZS Series 650 W
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

A ZS é a mais nova família de fontes de alimentação da OCZ, com certificação 80 Plus Bronze e modelos de 550 W, 650 W e 750 W, sem sistema de cabeamento modular. Vejamos se o modelo de 650 W é uma boa opção de compra.

As fontes da série ZS da OCZ são fabricadas pela Sirfa.

OCZ ZS Series 650 W
Figura 1: Fonte de alimentação OCZ ZS Series 650 W

OCZ ZS Series 650 W
Figura 2: Fonte de alimentação OCZ ZS Series 650 W

A OCZ ZS Series 650 W mede 16 cm de profundidade e tem uma ventoinha de 135 mm localizada em sua parte inferior (Globe Fan RL4Z B1342512H).

Esta fonte não tem sistema de cabeamento modular, e todos os cabos são protegidos por acabamentos em nylon. Os cabos inclusos são os seguintes:

  • Cabo principal da placa-mãe com um conector de 20/24 pinos, 49 cm de comprimento
  • Um cabo com dois conectores ATX12V que juntos formam um conector EPS12V, 68 cm de comprimento
  • Um cabo com um conector de seis pinos para placas de vídeo, 62 cm de comprimento
  • Um cabo com um conector de seis/oito pinos para placas de vídeo, 62 cm de comprimento
  • Um cabo com quatro conectores de alimentação SATA, 39 cm até o primeiro conector, 8 cm entre os conectores
  • Um cabo com quatro conectores de alimentação SATA, 71 cm até o primeiro conector, 8 cm entre os conectores
  • Um cabo com quatro conectores de alimentação para periféricos, 62 cm até o primeiro conector, 8 cm entre os conectores

Todos os fios são 18 AWG, que é a bitola correta a ser usada.

A configuração de cabos é excelente, já que o produto vem com oito conectores de alimentação SATA e dois conectores de alimentação para placas de vídeo. Como você pode ver, esta fonte não tem conector para unidade de disquete e a distância entre os conectores de alimentação para periféricos e SATA é muito pequena.

OCZ ZS Series 650 W
Figura 3: Cabos

Vamos agora dar uma olhada no interior desta fonte de alimentação.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Essa série da Sirfa/HighPower é boazinha. A OCZ não teve medo de enviar nem o modelo de 550W para testes em alguns sites, e ele também se saiu bem, embora tenha sido considerada algo barulhenta. Eliminar o famigerado e inútil conector para floppy é também digno de elogio. Faltam modelos de menor potência, que deviam substituir a linha SXS2 e reerguer o bom conceito da OCZ. E parece que vem aí a série ZT, que será modular de baixo custo.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Faltou dar uma "revisada" antes de postar o teste, hehe. A figura 7 e a figura 9 estão trocadas... ta faltando o selo, e ultimo paragrafo da primeira pagina ficou meio estranho:

A configuração de cabos é excelente, já que o produto vem com apenas oito conectores de alimentação SATA e dois conectores de alimentação para placas de vídeo.

A não ser que você tenha sido irônico em dizer "apenas" oito conectores, kkkk

No mais, ótima fonte, pena custar meio caro.

Editado por =insane=

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Disquetes? O que é isso mesmo? Não sei como ainda fazem fonte com esse conector...se servisse para alimentar um leitor de cartões interno ainda teria lógica.

Ótima fonte, também concordo que deveriam fazer fontes dessa qualidade para menores potências.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Um ótimo produto com ótimos resultados. Para ficar "filé" só precisava ser um pouco mais barata. Mas a fonte ainda é novidade, é só esperar um pouco.

Parabéns ao CDH pelo teste.

Valeu!!!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
a ausência de um conector de alimentação para unidade de disquete (mas quem precisa de um, afinal?)

Certas placas de som utilizam este conector. (ex: Asus Xonar D2X, se não me engano)

Mas azar da empresa que colocar no mercado produtos utilizando este conector, ele realmente tem é que sumir.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Em resumo, a OCZ ZS Series 650 W é uma excelente fonte de alimentação e merece nossa recomendação.

Mas cadê o selo ? O Gabriel Torres esqueceu do selo!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Me parece ser uma boa fonte, mas por $90 e ter um conector PCI-E 6 pin e 6+2 pin? Sou mais essa:

XFX Core Edition 650 - $90

Além de ter 53A contra 43A da OCZ. E ser Seasonic contra Sirfa. Mas é boa a OCZ. O que a OCZ precisa para voltar a ter conceito alto é abandonar a FSP de vez e espero que esteja nesse caminho. Acredito também que o preço deve cair e se ajustar melhor ao mercado.

Editado por Kayke

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Essa série da Sirfa/HighPower é boazinha. A OCZ não teve medo de enviar nem o modelo de 550W para testes em alguns sites, e ele também se saiu bem, embora tenha sido considerada algo barulhenta. Eliminar o famigerado e inútil conector para floppy é também digno de elogio. Faltam modelos de menor potência, que deviam substituir a linha SXS2 e reerguer o bom conceito da OCZ. E parece que vem aí a série ZT, que será modular de baixo custo.

OCZ modular de baixo custo??? Já tem aí a Fatal1Ty e a ModXStream Pro. A OCZ não parece ser boa nisso não.

Além de ter 53A contra 43A da OCZ. E ser Seasonic contra Sirfa. Mas é boa a OCZ. O que a OCZ precisa para voltar a ter conceito alto é abandonar a FSP de vez e espero que esteja nesse caminho. Acredito também que o preço deve cair e se ajustar melhor ao mercado.

É uma praxe em toda a linha ZS, eles colocam 50 W a mais de potência combinada do que deveria colocar. Eles também poderia até ter colocado 50 W a mais na linha de +12 V, em uma fonte bem construída acredito que isso não seira problema.

Mas ao menos é uma fonte muito bem construída. Parabéns à OCZ.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×