Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Fonte de Alimentação eXtream FEX-38T12 de 380 W

       
 39.709 Visualizações    Testes  
 12 comentários

Mais um teste de uma da nacional eXtream, desta vez com o modelo FEX-38T12 de 380 W. Será que ela funciona bem? Vejamos.

Teste da Fonte de Alimentação eXtream FEX-38T12 de 380 W
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

Nós já testamos vários modelos de fonte de alimentação da nacional eXtream, que são fabricados pela Super Flower. Abaixo apresentamos um resumo da situação das fontes desta marca que testamos até o momento:

  • FEX-45T12 (450 W): Consegue entregar sua potência rotulada a 50° C, eficiência abaixo de 80%.
  • FEX-55T28 (550 W): Não consegue entregar sua potência rotulada a 50° C, mas consegue a temperaturas mais baixas, sem queimar. Eficiência abaixo de 80% em todos os padrões de carga.
  • FEX-65T28 (650 W): Não consegue entregar sua potência rotulada a 50° C, mas consegue a temperaturas mais baixas, sem queimar. Eficiência abaixo de 80% em todos os padrões de carga.
  • Aurora 700 W: Consegue entregar sua potência rotulada a 50° C, eficiência acima de 80% em algumas situações.

O padrão de nomenclatura das fontes da eXtream é simples: potência rotulada sem o último zero, seguida da letra T e da configuração da ventoinha: “12” para indicar uma ventoinha de 120 mm e “28” para indicar duas ventoinhas de 80 mm.

Como será que o modelo de 380 W desta marca se sai? Será que ela usa o mesmo projeto interno de suas “irmãs”? É o que veremos neste teste. A propósito, esta fonte é também chamada SF-380P12N.

eXtream FEX-38T12 de 380 W
Figura 1: Fonte de alimentação eXtream FEX-38T12 de 380 W.

eXtream FEX-38T12 de 380 W
Figura 2: Fonte de alimentação eXtream FEX-38T12 de 380 W.

A eXtream FEX-38T12 de 380 W é uma fonte relativamente curta, com 14,5 cm de profundidade, possuindo uma ventoinha de 120 mm em sua parte inferior. Ela não possui circuito PFC, sendo baseada na topologia meia-ponte.

Nenhum sistema de cabeamento modular é usado e apenas o cabo principal da placa-mãe vem com uma proteção de nylon, que parte de dentro da fonte. Todos os fios são 18 AWG, que é a bitola correta a ser usada. Os cabos inclusos são:

  • Cabo principal da placa-mãe com conector de 20/24 pinos.
  • Um cabo com um conector ATX12V.
  • Um cabo com um conector de seis pinos para placas de vídeo.
  • Um cabo com dois conectores de alimentação SATA.
  • Um cabo com dois conectores de alimentação para periféricos.
  • Um cabo com dois conectores de alimentação para periféricos e um conector de alimentação para unidades de disquete.

O número de cabos é adequado para um produto “de entrada” como este, embora preferíssemos ver mais um cabo com dois conectores de alimentação SATA.

Os cabos possuem 43 cm entre a carcaça da fonte e o primeiro conector do cabo. Cabos com mais de um conector possuem 14 cm de distância entre os conectores.

eXtream FEX-38T12 de 380 W
Figura 3: Cabos.

Vamos agora dar uma olhada no interior desta fonte de alimentação.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Artigos similares


Comentários de usuários


Não e de toda ruim pois custa muito menos que as da lidershit e faz o que esta escrito no rótulo, com pequenas mudanças ela tornará uma excelente fonte. Agora só falta a empresa usar esse artigo e evoluir seus produtos.

falou ae.PANAO.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Se ela fosse rotulada com uma potencia um pouco menor (uns 350W digamos) e custasse uns R$100,00 como falaram, era uma boa, mas não foi dessa vez :(

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Apesar de alguns defeitos é bom ver fontes nacionais melhores que essas bombas que tem por aí, a eXtream é uma das poucas marcas nacionais que eu boto fé em produzir produtos de qualidade, basta eles quererem melhorar um pouco mais e oferecer preços honestos que com certeza vão ter muitos clientes fíeis.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Creio que se custasse até R$120,00 ela seria uma boa escolha para o usuário que não pode gastar uns R$ 35,00 a mais numa CX400.

Mas se o usuário dela fizer uma boa refrigeração no gabinete a fim de diminuir as temperaturas de tudo, inclusive da fonte, certamente a eficiência chega aos 80%.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Na faixa de preço dela temos a OCZ SxS 400W, a Corsair CX400 e um pouco mais barata, a DSA-5060V. Com isso não acho essa eXtream uma boa solução, ela deveria custar menos de R$100.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Filtragem incompleta, famigerados capacitores CapXon que devem estufar após 1 ano de uso, potência inflada (350W na verdade), apenas 2 conectores SATA, projeto antiquado e caríssima. Dizem que a 3RSystem, de qualidade muito superior e 450W, deve custar o mesmo nas lojas. Fontes de primeira linha como a OCZ 400SXS ou Corsair 400CX custam quase a mesma coisa. Em resumo, produto excelente para enfeitar prateleiras de lojas.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Essa pode não ser a melhor fonte do mercado, mas pelo menos o importador não age como uma Powerstrike, uma Braview e uma Leadership, despejando tremendas bombas no mercado brasileiro, e batendo o pé dizendo que os produtos são de qualidade.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pequei essa fonte e tenho certeza que os capacitores dela não vão estufar após um ano de uso.

Estou gontando dela, pois trabalha sempre fria e atende com sobra configurações simples com placas de vídeo que puxam até 100W.

O único e real problema de ssa fonte pra mim é o preço, sem dúvida ela tá custando os olhos da cara.

Ela saiu por R$140,00 pra mim já que passei minha Akasa 350W em um negócio em que montei um PC pra um colega e ele disse que num dava mais de 100,00 em uma fonte daí passei a Akasa pra ele por R$100,00, passei por R$30,00 duas fonte genéricas novas e inteirei 10,00 mangos pra pegar a Extrean 380W.

Confesso que esperava bem menos dessa fonte, não acreditava que ela pudesse entregar mais de 300W, e nem que pudesse oferecer mais de 200W nas linhas de 12V.

Tá aí um produto que na falta de um melhor serve com competência para ser incluido em configurações simples que que o dono do PC tenha Pensamento imediatista de ou coloca uma fonte real na hora ou vai pra casa com uma genérica pra nela ligar uma 9500gt + uma dua-core da vida.

Com certeza com OCZ custando R$180,00 essa fonte não é minha recomendação pra quem vai montar um simples, mas com certeza é minha 1º opção na falta da OCZ 400W.

É um produto honesto, caro mais honesto que não coloca seu PC em risco e o alimenta com competência.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×