Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Por Dentro do Apple III


     41.345 visualizações    Outros    13 comentários
Por Dentro do Apple III

O Hardware

O Apple III era baseado em um microprocessador 6502, o mesmo usado nos computadores Apple II e Apple II Plus (o Apple IIe e o Apple IIc usavam o processador 65C02). Esse microprocessador também foi usado em outros microcomputadores da época, como o Commodore 64, o Commodore VIC-20, o Atari 400 e o Atari 800, só para citar os mais famosos. O 6502 era uma versão “capada” do processador Motorola 6800. O 6502 foi originalmente desenvolvido pela MOS Technology, mas também era licenciado e fabricado por outras empresas. No caso do Apple III, o fornecedor do 6502 era a Synertek.

O Apple II usava o 6502 “original” rodando a 1 MHz, mas no Apple III o processador trabalhava a 2 MHz. Portanto, do ponto de vista de poder de processamento, o Apple III era duas vezes mais rápido do que o Apple II. O Apple III original usava o processador 6502A, que rodava a 2 MHz. O Apple III revisado e o Apple III Plus usava o processador 6502B, que poderia funcionar até 3 MHz, mas o seu clock foi fixado em 2 MHz, portanto usar um processador “mais rápido” neste caso não fazia sentido. Nos microprocessadores de 1970 e início de 1980, uma letra após o “nome” do processador indicava o clock máximo suportado (o que não significa que o processador trabalharia a este clock).

O 6502 poderia acessar apenas 64 kB de memória (RAM e ROM), mas através da técnica de chaveamento de bancos, o Apple III poderia acessar até 512 kB de memória RAM, embora ele viesse com 128 kB (versão original) ou 256 kB (versão revisada e o Apple III Plus). Os chips de memória estavam localizados em uma placa de expansão instalada na placa-mãe. Na versão de 256 kB, 32 chips de 64 Kbits eram usados (64 Kbits x 32 = 256 kB).


Figura 6: A placa-mãe do Apple III (versão revisada)


Figura 7: A placa de memória


Figura 8: A placa-mãe do Apple III sem a placa de memória

  • Obrigado 1

Comentários de usuários

Respostas recomendadas

Esse modelo não está funcionando? Gostaria de ve-lo funcionando com o sistema e os programas.

Vocês poderiam desmontar micros PC antigos anteriores aos 486 seria interessante também para entender a história dos Pcs

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Você disse ser possível colocar um SSD no Apple III, no caso, a taxa de transferência ficaria limitada a quantos MB/s? (ou Kb/s... :P)

E uma curiosidade, quanto tempo demora o boot de um Apple III?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Administrador
Esse modelo não está funcionando? Gostaria de ve-lo funcionando com o sistema e os programas.

O meu Apple III está funcionando sim, o problema é que eu comprei no eBay sem os disquetes; estou correndo atrás disso e quando estiver com os disquetes, eu vou criar um vídeo e atualizarei o tutorial, obrigado pela força.

Vocês poderiam desmontar micros PC antigos anteriores aos 486 seria interessante também para entender a história dos Pcs

Com exceção do PC original da IBM, não faz sentido desmontar computadores da linha PC, pois desde o início cada usuário montava o seu próprio micro. Não faria sentido desmontar um computador hoje, faria? Pois é.

Você disse ser possível colocar um SSD no Apple III, no caso, a taxa de transferência ficaria limitada a quantos MB/s? (ou Kb/s... :P)

E uma curiosidade, quanto tempo demora o boot de um Apple III?

O boot é rápido e farei o vídeo assim que tiver os discos. A taxa de transferência é a mesma do ST-506, tenho que pesquisar para saber, mas é na ordem dos KB/s.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Gabriel, parabéns pela iniciativa de pegas computadores e video-games antigos para reviews, realmente algo muito legal. Ja tem alguma previsão para pegar o famoso Macintosh? Tô curioso para ver se vem o tal papelzinho que a Apple mandava com ele, acho que tinha o nome dos caras que trabalharam nele.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Administrador

O Macintosh original, também conhecido como Macintosh 128K, será o próximo tutorial do nosso museu. Estou tentando seguir uma ordem cronológica, então os próximos serão publicados na seguinte ordem (obs: pode ser que eu intercale com algum video game, o próximo video game a ser analisado será o Intellivision):

Macintosh 128K (primeiro Macintosh)

Macintosh 512K

Macintosh Plus

Macintosh SE

Macintosh SE/30

Eu queria fazer primeiro o tutorial do Apple Lisa (que foi depois renomeado como Macintosh XL), pois foi lançado em 1983, antes do Macintosh, mas o problema é que por ser muito raro, ele é caro para burro (mais de mil dólares no eBay). Estou tendo paciência para achar um com preço módico...

Abraços e obrigado pela força!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Quando li sobre trocar o hd por um tipo de leitor de memoria flash, na hora eu me lembrei dos flash cards que o pessoal tem fabricado para usar nos video games antigos( nintendinho, master system, game gear, mega drive, super nintendo,n64...), usando a memoria sd para simular os cartuchos e rodar os jogos(roms) diretamente nos consoles...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Muito legal essas matérias dobre videogames, computadores e coisas antigas, da uma saudade em certas coisas. No caso desse Apple, eu nem cheguei a ter, então no mais é apenas para conhecimento meu mesmo.

Na 1º pagina, onde fala sobre as ventoinhas, é interesante a preocupação com que Jobs tinha com tudo, não é a toa que muita coisa nova acabou surgindo por intermédio dele, e hoje estamos vendo isso retornar com alguns processadores, apesar que na época, com os incriveis 02MHz de clock, era algo que esquentava muito mesmo :lol:

Uma coisa que me deixa impressionado, é o fato de como as coisas evoluiram, este HD de 5 Mega!!! olha o tamanho que era, e hoje em dia, tudo super pequeno, um pendrive mesmo, lembro que os primeiros Pcs que lembro ter mexido, era com HD de 2Gigas!!!, hoje nem se vende mais pendrive de 2 Gigas ^_^

Voltando a ventoinha e as "ideias antigas" estão reparando como está em moda lançar computadores que se utilizam da TV ??? Um exemplo seria o raspberry pi, que promete várias coisas e nem ventoinha tem, com aqueles processadores ARM e tal, não sei o que isso pode ocasionar a longo prazo, mas, são idéias de ontem que estão voltando hoje de novo.

Uma pergunta em particular, alguem ainda programa para esses computadores??? ter eles em uma coleção é legal, eu mesmo tive um MSX até pouco tempo, mas usar ele é diferente, com as unidades SSD tudo ficou mais fácil mas será que vale realmente a pena desenvolver algo assim???

A meu ver, poderia ser feito uma "retro-engenharia" nesses bichinhos não??? vi a algum tempo atás um site onde ensinava a montar um PC-XT do zero com peças atuais, me empolguei bastante, mas no entanto estou por algum tempo fora da area de hardware em especifico, e pelo que li na reportagem, não é nada impossivel, afinal são todos circuitos que encontramos no mercado a venda, exceto alguns componentes mais criticos, e ai moraria o problema, seria legal estudar a parte lógica principalmente daqueles clones que existiam por aqui na época da reserva de mercado

Partes do PC-XT

http://vintage-pc.tripod.com/solidstatedisk.html

Grande abraço, espero novas reportagens assim.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Administrador
10 horas atrás, André Luiz Loureiro Varajão disse:

Otima matéria mas seria interessante revisar a parte que os computadores da Apple só vieram e ter ventoinha depois que o Jobs saiu da Apple.

 

O Mac SE e o SE/30 por exemplo já tem ventoínhas em sua placa analógica e, por sinal, fazem um bom ruído.

 

O Macintosh SE foi lançado em 1987. Steve Jobs saiu da Apple em 1985.

 

Abraços.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisa ser um usuário para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

 

GRÁTIS: ebook Redes Wi-Fi – 2ª Edição

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!