Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Veja se seu processador e placa-mãe são compatíveis com o Windows 11 (TPM, fTPM)


         2.288 Visualizações    Programas    Vídeos    24 comentários

Comentários de usuários

Respostas recomendadas

Boa tarde, Gabriel, ótimo artigo e bem na hora certa.

 

Mas, como de praxe, o Windows 11 possui um truque que permite driblar este requisito de TPM. Eu, infelizmente, não irei ter o Windows 11, minha máquina não suporta, baixei o programa exigido pela Microsoft para verificar, o 'PC Health'.

  • Curtir 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

20 minutos atrás, Matheus Rodrigues disse:

Mas, como de praxe, o Windows 11 possui um truque que permite driblar este requisito de TPM.

 

Acredito que se a Microsoft está requisitando obrigatoriamente um módulo TPM, o Windows 11 fará uso dele para alguma coisa essencial no sistema e tentar burlá-lo poderá causar problemas na estabilidade do sistema operacional.

Pode ser que ainda não tenha acontecido nada por serem builds de teste que não possuem todos os recursos da versão final, mas quando esta for lançada, poderá surgir uma "enxurrada" de pessoas que fizeram esse truque e enfrentaram problemas.

  • Curtir 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

É uma forma de obrigar os clientes a atualizar seu hardware. A MS não quer mais ter que dar suporte a hardware LGA 775 e outras velharias.

  • Curtir 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

13 minutos atrás, Matheus Rodrigues disse:

@Rio McCloud na verdade, a Microsoft não irá exigir tanto, como no caso de módulos TPM, a empresa já até retirou o programa que permite verificar se é compatível do ar. Inclusive, o Adrenalina já fez um post sobre. Abraços. 

 

Num primeiro momento eles disseram que haveria um "hard floor" no qual seria exigido no mínimo módulos TPM 1.2. Depois acabaram removendo essa informação dizendo que estava incorreta e que seria necessário módulos TPM 2.0 para executar o Windows 11.

 

Eles removeram o download do PC Health Check para corrigir o aplicativo para que ele exiba informações mais claras sobre os requisitos necessários.

  • Curtir 2
  • Haha 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

aqui com meu ryzen 2700, so fiz habilitar o ftpm na BIOS e a instalacao se deu tranquilamente..

 

to com o windows 11 como meu sistema principal e ate entao, nenhuma queixa.. pensei q seria mais complicado de fato

  • Curtir 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Administrador

@Matheus Rodrigues @Rio McCloud Obrigado por todas as informações que vocês trouxeram. O sistema ainda está em fase de testes, e pode mudar até a versão final. Vamos monitorando! :) Se no lançamento do sistema as informações do vídeo estiverem obsoletas, eu removo e faço outro! rs. Agradeço se puderem ir mantendo não só a mim, mas a todos os demais usuários do Clube do Hardware informados sobre o progresso desse assunto através deste tópico. 😃

 

  • Curtir 2
  • Amei 4
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Coordenador
17 horas atrás, Rio McCloud disse:

Eles removeram o download do PC Health Check para corrigir o aplicativo para que ele exiba informações mais claras sobre os requisitos necessários.

Existe um de código aberto que estão usando enquanto isso: WhyNotWin11

Obs.: alguns antivírus estão acusando o programa de ser malware, mas creio ser falso positivo, pois o Bleeping Computer é um site especializado em segurança digital e creio que não recomendaria um programa malicioso sem testá-lo antes.

  • Obrigado 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

7 minutos atrás, mick 07 disse:

Existe um de código aberto que estão usando enquanto isso: WhyNotWin11

Obs.: alguns antivírus estão acusando o programa de ser malware, mas creio ser falso positivo, pois o Bleeping Computer é um site especializado em segurança digital e creio que não recomendaria um programa malicioso sem testá-lo antes.

 

Sim, eu cheguei a testá-lo. É a melhor opção no momento.

  • Curtir 1
  • Obrigado 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

A pergunta que não quer calar é: Migração gratuita do Windows 10 para o 11?

Quanto ao TPM, muitas placas são compatíveis, mas tem que ativar no BIOS primeiro. Lembrando, isto é um recurso da placa-mãe e não do processador.

Basicamente, quem tem Ryzen ou Intel 7ª geração pra cima tá tranquilo. A320 no caso dos Ryzen já possui este recurso (TPM 2.0).

Vi muita gente passando o scan mas não se atentando a este detalhe.

 

GPT, acho que placas Ivybridge pra cima e AM3+ pra cima já dão suporte no boot.

  • Curtir 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

5 horas atrás, Phoenyx disse:

Vi muita gente passando o scan mas não se atentando a este detalhe.

 

 

exatamente.. eu nem perdi tempo usando essas ferramentas, quando fui instalar o windows 11, de fato deu incompatibilidade no programa de instalacao.. reiniciei, fui na BIOS e como ja tinha essa opcao do ftpm, so fiz ativar.. voltei com a instalacao q se deu tranquilamente e cá estou rodando o windows 11 sem problema algum..

  • Curtir 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

 

Em 05/07/2021 às 17:35, Rio McCloud disse:

 

Num primeiro momento eles disseram que haveria um "hard floor" no qual seria exigido no mínimo módulos TPM 1.2. Depois acabaram removendo essa informação dizendo que estava incorreta e que seria necessário módulos TPM 2.0 para executar o Windows 11.

 

Eles removeram o download do PC Health Check para corrigir o aplicativo para que ele exiba informações mais claras sobre os requisitos necessários.

Na boa cara do jeito que respondeu fez parecer que foi fake news dele sendo que a MS realmente voltou atrás.

 

Se a MS fosse mesmo insistir nessa de exigir TPM pra rodar Windows a maioria não iria sair do Windows 10 e assim o 11 seria um segundo Vista.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

14 minutos atrás, TécnicoHardware disse:

Na boa cara do jeito que respondeu fez pareceu que foi fake news dele sendo que a MS realmente voltou atrás.

 

Não é. Olhe a página da Microsoft sobre os requisitos do Windows 11 e veja que o TPM 2.0 é necessário:

https://docs.microsoft.com/en-us/windows/hats-new/windows-11-requirements

  

14 minutos atrás, TécnicoHardware disse:

Se a MS fosse mesmo insistir nessa de exigir TPM pra rodar Windows a maioria não iria sair do Windows 10 e assim o 11 seria um segundo Vista.

 

TPM não é algo novo e muitos computadores o possuem, mesmo que desabilitado na BIOS. O que não concordo é sobre a compatibilidade apenas com processadores mais recentes por motivos de segurança, como os de oitava geração pra cima no caso da Intel. Apesar de eles terem dito que estão analisando a possibilidade de dar suporte para alguns processadores de sétima geração (veja aqui), ainda acredito que isso vai impedir muitos usuários de atualizarem para o Windows 11.

  • Obrigado 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

agora, ETC9007 disse:

@Rio McCloud Então eu acho que é um erro da microsoft, porque baixei o programa da microsoft, e disse que era compativel, esse cpu é de segunda geração né? Com clock baixo 1600AF não tem nada a ver com 1600 comum?

 

A questão não é clock ou poder de processamento, e sim recursos de segurança.

Não sei quando você fez esse teste, visto que o programa foi retirado para melhorias faz algumas semanas. Talvez na época que você fez esse teste não havia essa limitação de processadores, ou é um erro na página da Microsoft.

  • Curtir 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Phoenyx É isso

Em 08/07/2021 às 06:05, Phoenyx disse:

A pergunta que não quer calar é: Migração gratuita do Windows 10 para o 11?

Quanto ao TPM, muitas placas são compatíveis, mas tem que ativar no BIOS primeiro. Lembrando, isto é um recurso da placa-mãe e não do processador.

Basicamente, quem tem Ryzen ou Intel 7ª geração pra cima tá tranquilo. A320 no caso dos Ryzen já possui este recurso (TPM 2.0).

Vi muita gente passando o scan mas não se atentando a este detalhe.

 

GPT, acho que placas Ivybridge pra cima e AM3+ pra cima já dão suporte no boot.

Tentei dizer parecido para o @Gabriel Torres, ryzen 1600AF quando baixei o programa da microsoft deu como compativel só bastou eu ativar na placa-mãe fTPM. E o ryzen 1600AF seria um cpu de segunda geração! Não?

@Rio McCloud https://www.microsoft.com/pt-br/windows/windows-11 é agora eu vi aqui no site não da mais pra baixar o programa de teste, se meu cpu n for compatível é SACANAGEM da MICROSOFT! Mas a pergunta é 1600AF não é de segunda geração? 

@Rio McCloud TMP tem haver com placa-mãe ou processador? Eu entendi que tem haver com placa-mãe, mas agora tão falando que precisa de cpu na lista. É sério isso? 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

@ETC9007 1600AF é de segunda geração.

TPM é um recurso da placa-mãe, assim como boot por GPT.

 

Todo o seu conjunto tá de boa na lagoa para o Windows 11, quem tem que se preocupar são aqueles com configs mais antigas, sem BIOS UEFI, estes não vão rodar, não com as especificações exigidas até o momento.

  • Curtir 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

@ETC9007 Não sei, nem eles sabem, ainda estão avaliando o público alvo.

Em questão de proteções e etc seu CPU está totalmente apto, placa-mãe tmb. Seria um tiro no pé eles desconsiderarem CPUs Intel de 7ª geração pra cima, ou os Ryzen 1ª geração. Aliás, seria um tiro no pé eles não considerarem qualquer placa-mãe com BIOS UEFI na minha opinião (ou seja, equipamento de ~2013 pra cá, com suporte a GPT no boot, com suporte a versão inicial do TPM, BIOS interativa com suporte a mouse e animações).

 

O que ficaria de fora na minha opinião? Intel inferiores a 3ª~4ª geração (plataforma Core 2, Phenom e etc bye bye, valeu e obrigado, muito brasileiro ficará travado no Windows 10 e anteriores). Dependendo da placa-mãe até os FX ficariam de fora.

  • Curtir 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

@ETC9007 Como assim? Windows 10 terá suporte até pelo menos 2025. O problema é que o brasileiro é duro mesmo, tão usando PC Positivo de 2005 das Casas Bahia, não existia nem iPhone ainda, nem whatsapp, mas querem suporte para C2D e 2GB de RAM. Não rola.

E tem Linux aí tmb, pra uso normal em máquina fraca dá e sobra (eu utilizo Linux até pra jogar, mas a máquina é razoável).

  • Curtir 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisa ser um usuário para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Como se tornar um desenvolvedor full-stack

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!