Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
AlexSandroJAP

Proteção contra picos

Recommended Posts

Olá senhores, estou começando a montar meu escritório (em casa mesmo) e terei nele: 2 Notes, 1 Multifuncional, 1 Modem para Banda Larga, 1 Roteador sem fio, 1 Telefone sem fio. O caso é o seguinte, estou planejando a parte elétrica e gostaria de saber como ficaria mais confiável e seguro contra picos e oscilações de energia. Não entendo nada e pesquisando vi que talvez não seja possível colocar tudo isso num No-Break (minha ideia inicial). Como aconselham eu fazer?

1 No-Break para os notes e 1 Estabilizador para demais componentes ou filtro de linha, ou tomadas separadas.

Agradeço qq ajuda

Alex Sandro

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Defina picos! :)

Existe no meio que estuda proteção elétrica de equipamentos certas nomeclaturas que de início parecem confusas, mas que após estuadas passamos a entender melhor, de qualquer forma não entrarei muito em detalhes, apenas passarei o básico:

Pico é definido por uma elevação rápida, de alta frequência, com um retorno ao estado normal em tempo rapidíssimo. Esse pico é o suficiente pra queimar uma fonte. Esses picos podem ser gerados principalmente por descargas elétricas, como também manobras na rede elétrica feitas pela CIA Elétrica, motores elétricos de alta potência, etc, mas sem dúvida o pico mais danoso é o causado por raios.

Um outro tipo de disturbio que as pessoas confudem com "picos" são oscilações na tensão: sobre-tensão ou sub-tensão. Essas oscilações são caracterizadas por serem de variação lenta e sustentada, podem durar milesegundos como podem durar horas. O seu nível de dano vai depender da duração, nível de elevação ou queda e suceptibilidade do próprio equipamento alimentado - fontes chaveadas ou fontes usadas em praticamente qualquer eletrônico hoje em dia possuem uma fonte de natureza chaveada, enfim. Fontes chaveadas suportam oscilações de forma elegante, até certo limite. Conservadoramete falando, elas suportam trabalhar 20% fora da sua faixa nominal, isso se tivermos falando daquelas fontes bem ruinzinhas mesmo. O tempo de sustentação da oscilação tb define o tempo que a fonte suporta.

Bem, não vou entrar nos detalhes de como as fontes reagem e o que causam problemas, mas vamos ao lado prático, já que você está planejando uma instalação elétrica bem feita.

O primeiro ponto a se concentrar é lá na entrada da sua casa, no medidor de luz. Perto desse ponto existe um aterramento o do neutro da rede e esse pode e deve ser reforçado, já que a CIA Elétrica faz um aterramento bem chinfrin ali. Basicamente você vai fazer um aterramento que servirá tanto para o neutro como aterramento de segurança da residência, ambos partirão desse mesmo ponto. Esse aterramento é conhecido como aterramento padrão TN-S, equipotencializado. Recomendo adicionar umas duas barras de cobre a mais e inteliga-las todas com esse aterramento atual, se possivel - pra não entrar mais em detalhes da execução do mesmo, veja aqui:

http://www.equipedeobra.com.br/construcao-reforma/14/artigo67889-1.asp

do ponto dentro da caixa do medidor ou caixa de derivação, se existir, ligue o aterramento novo ao ponto onde o neutro está aterrado e derive um novo fio - cor verde ou verde e amarelo desse ponto pra dentro de casa. Esse fio será usado nas tomadas, chuveiros, etc, aterrando todos.

A fiação da casa, pras tomadas, devem ser no mimo de 2.5mm. O fio principal do medidor até a caixa de disjuntores no minimo devem ser de 6mm, recomendo 10mm se a rede for 110-127V, se a instalação do medidor não for muito antiga, de muitas décadas atrás, use a mesma bitola entregue pela Cia Elétrica até o medidor, geralmente 6mm.

Na caixa de distribuição ou disjuntores, defina os circuitos - 1 circuito é comandado por um disjuntor. Basicamente o ideal é um circuito pras tomadas, outro pra iluminação e outro pro chuveiro. Pode-se usar um circuito separado pra ar-condicionado, torneiras com aquecimento elétrico se existitirem, etc. Tenha em mente que equipamentos de alto consumo como chuveiros, devem ter um circuito próprio, com fiação de bitola maior e um disjuntor dimensionado corretamente pra potência desses aparelhos e pro fio utilizado. Chuveiro usa-se pelo menos fiação 4mm em 220V e 6mm em 110-127V.

Pulando o basicão da fiação, voltamos aqui com as proteções.

Por norma, o tipo de proteção contra raios deve basicamente deve conter os ítens:

1 - aterramentos equipotencializados

2 - Protetores anti-surto em níveis ou cascata.

3 - Todo fio elétrico que entre a residência deve ser protegido com protetores apropriados e coordenados ou seja, o protetor primário deve ser coordenado com os secundários e terceários. Detalherei um pouco sobre os íntens acima:

Aterramento, o mais importante na proteção contra raios.

O único local seguro pra ser desviado a forte energia de um raio é pra terra e que pra isso seja feito de forma ideal, algumas coisas precisam ser feitas corretamente.

Primeiro tenha em mente que quanto mais longe o protetor dos eletrodos de aterramento, pior seu desempenho na proteção. Por isso normas nacionais e internacionais exige a instalação dos protetores primários bem perto do aterramento principal da residência e o local ideal pra se tê-lo é perto do medidor de luz, ponto esse onde a energia entra à residência.

A função da proteção primária e conter, digamos 80%, do grande surto de energia e desvia-lo pra terra, pra que o protetor (que mostrarei depois) seja eficiente nessa tarefa, ele deve ser instalado dentro ou ao lado da caixa do medidor de luz, em cada fio fase, após o disjuntor principal e ligado no aterramento (neutro/terra). Quanto mais grosso foi o condutor pra esse terra e menor a distância, melhor o desempenho do protetor. Os fios que saem do protetor e ligam ao ponto de emenda com o aterramento devem ser curtos, não mais que 50cm e com fios de bitola minima igual às do condutor fase.

Após instalado o protetor nesse ponto, vem a proteção local, após a tomada. Essa pode ser um bom filtro de linha com proteção anti-surtos ou um nobreak com boa proteção anti-surtos.

Você pode ter o mesmo tipo de proteção instalada na entrada da energia, na caixa de disjuntores, essa viraria a proteção secundária e a tercearia seria apos a tomada. O ideal é que exista pelo menos a proteção primária e a do ponto de uso, após a tomada, entretanto. No quadro de disjuntores, além dos protetores do fio fase, pode e devem ser usado protetor pro condutor neutro fazendo ponte entre Neutro e Terra de segurança.

Linhas de TV à cabo e Telefone tanto podem como devem ter protetores primários e no ponto de uso lembrando que, o aterramendo usado em ambas proteções, de rede de força como de sinal, devem ser o mesmo e que esses protetores primarios estejam num ponto mais proximo possivel do barramento de equipotencialização principal, pra evitar Diferenças de potencial.

Todo equipamento deve ter protetores em suas portas de entrada, elétrica e sinal - energia, rede, telefone e coaxial e idealmente que todos os protetores usem o mesmo fio terra.

Protetores primários:

Força:

http://www.clamper.com.br/produtos_linhas.asp?linha=&tipo=3&titulo=VCL%20(DPS)

foto_vcl_uso_geral.jpg

Sinal:

Telefone:

http://www.atera.com.br/dispprod.asp?COD=PROTCT10851

%5Cpromocao%5Cprotct10851.JPG

Os protetores locais você já conhece e não colocarei aqui.

Sei que minha mensagem pode ter ido além das informações que você tenha pedido, mas você disse que tava planejando a rede elétrica, então decidi já fazer um resumo de como tornar uma rede elétrica segura tanto pro usuário como pros equipamentos. É claro que tudo deve ser feito seguindo padrões de execução corretos e de preferência por um profissional certificado. Se quiser posso dar mais detalhes sobre o assunto, mas respondendo sua pergunta principal:

Qual a utilidade você enxerga num nobreak pra notebook, sendo que o mesmo possui bateria interna? As fontes dos notebooks são bem robustas e feitas pra operarem dentro de uma grande margem de oscilação, de 100-240V sem contarmos a faixa tolerante das mesmas, isso aqui seria o ideal pra você ligar os notes, inclusive quando for leva-los pra outro local:

http://www.atera.com.br/dispprod.asp?COD=PNOTEPRO - esse é um tipo de proteção de ponto de uso muito boa pra notebook e portatil.

Pras outras coisas você pode até por um nobreak, recomendo os da marca APC. A linha telefonica você pode e deve ligar no protetor do proprio nobreak ou filtro de linha caso prefira um filtro de linha. O nobreak no seu caso é util porque ter um telefone sem fio, caso falte luz, nao ficara sem telefone, vai manter tb o roteador banda-larga ligado tb pra nao perder conexão pros notebooks e se quiser pode ligar a impressora tb. Uma marca muito boa de nobreaks é a APC. So pra telefone, impressora e ADSL, um APC 600VA tá de bom tamanho, você vai conseguir pelo menos 1 hora de energia com ele so nesses equipamentos.

E resumindo, um protetor desse de notebook que indiquei ou um bom nobreak ou mesmo um bom filtro de linha, vai te proteger contra picos. Mas picos como expliquei no inicio tem varias origens e magnitudes diferentes. Oscilações tb são variadas e as próprias fontes muitas vezes lidam bem com elas, principalmente as dos notebooks. Se você usar só um filtro no local com boa proteção anti-surtos, estará protegido até certo patamar, mas como disturbios elétricos são vários e de magnitudes variadas, só um produto não faz milagres, por isso o motivo de toda essa minha mensagem.

Bem, se quiser mais ajuda e detalhes, fotos, dicas, links, podemos continuar aqui. Tenho todos as proteções citadas acima...

T+

Editado por _rau_

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom, já que se dispôs a ajudar eu vou aproveitar. Deixe-me aprofundar mais pra você entender o cenário lá em casa, ou melhor, lá no apartamento. Trata-se de um apto e logo na entrada tem o quadro de disjuntores com a divisão que você comentou ser legal (1 p/ chuveiro, 1 p/ iluminação, 1 p/ tomadas e ainda tem um para a cozinha e lavanderia [feitos pela construtora]), no quarto em que estou montando o escritório têm algumas tomadas, porém próximo ao local da mesa tem apenas uma que esta ligada com o fio de aterramento (porém não sei dar detalhes da distância que esta a barra de aterramento - estou no 2º andar). Pensei em no-break porque embora sejam notes, passei a ter o habito de não usa-lo com bateria sem necessidade (em meu outro note isso fez reduzir muito a vida útil dela) então eu teria um respaldo. Tenho estabilizador, mas por medo de correr risco com os equipamentos não consigo confiar tanto nele. E outro lance que tenho bastante dúvida é quantos aparelhos posso ligar em um no-break, por exemplo eu poderia ligar todos esses equipamentos em um no-break da apc, inclusive os notes? Preciso de algo seguro para poder deixar ligados 24 hrs / dia.

Vi o filtro de note que indicou ("Protetor de Notebook APC pro C8 PNOTEPRO rede/fax/lan

"), mas como usaria ele? Ele vai entre a fonte?

Vou parar pois já fiz muitas perguntas (rs), e mais um vez muito obrigado.

Alex Sandro

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O estabilizador é lento, comparado com a velocidade da energia elétrica em descargas e picos...

e no-break só é útil para quedas de energia...

O melhor sistema para picos é o proposto pelo _rau_...

Não é tão barato, mas vale a pena...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Outro detalhe, como tenho "Net", vêm tudo por um único cabo (do coaxial vai para o modem e do modem saem cabos para banda larga e telefone).

Alexsandro,

Não é uma prática comum no nosso país usar protetores no sistema de cabo coaxial de TV/Internet à cabo na casa do usuário, mas possivelmente a NET aterra a blindagem do cabo coaxial em algum ponto de sua rede externa, mas isso pode virar um problema com a presença de outros aterramentos, vai haver loops de aterramento, diferenças de potencial entre os terras.

As normas exigem que todos os aterramentos sejam equipotencializados em um ponto único e esse ponto ideal é a entrada onde passam todos os cabos. Veja um exemplo de uma pessoa radio amadorista fez em sua casa, se não me engano nos EUA

Veja que no fundo há uma placa metálica, de cobre e todos os protetores, essas caixinhas prateadas, têm sua carcaça aterrada, dentro desses protetores há varistores, centelhadores à gas, diodos, tudo protegendo todas entradas em um ponto unico de aterramento. Ai tem a proteção de suas antenas de radio amador, internet ADSL e energia elétrica:

437541588_9b903e6873_b.jpg

Não precisa ser uma coisa "chique" como essa ai da foto, podemos adaptar à nossa realidade. Mas no seu caso o ideal é que você tivesse um centelhador nesse cabo coaxial tendo o envolucro do centelhador aterrado - os centelhadores vêm com um parafuso pra ligar ao aterramento. Na parte de baixo da foto, onde tem varios cabos semelhantes, dá pra ver os centelhadores em cada cabo de antena, são os pequenos e quadradinhos.

A situação complica quando o cabo coaxial entra num ponto distante do aterramento principal, do ponto de equipotencialização. Mas quando a intenção é proteção perto do ideal ou o mais ideal possivel, há que se tomar medidas previstas pelas normas nacionais, inclusive internacionais onde tomo referências tb, não adianta confiar num protetorzinho local apenas no que tange descargas elétricas - isso é o que qualquer fabricante de nobreaks, estabilizadores, etc quer q nos acreditemos - mas sim. alguns desses principalmente filtros protetores são parte da proteção, mas não é um sistema completo de proteção.

Pergunto, de que adianta proteger a linha de energia se o cabo que traz internet passa pelo poste e está sujeito à picos provocados por raios do mesmo jeito? Podem dizer que só o modem ou o receptor de TV vai queimar e a net troca nesse caso, mas eu digo que não, dependendo da intensidade, esse surto elétrico pode se "acoplar" ao sinal elétrico de rede, pelo cabo de rede ligado ao modem ou no caso do receptor, algumas pessoas ligam o receptor de TV numa placa de TV no PC e por esse caminho um surto pode vir tb.

Ter um aterramento da rede AC (aterramento neutro presente em praticamente todas as instalações residenciais) depois um aterramento separado pras tomadas e ainda por cima a possibilidade do cabo da TV à cabo estar com sua blindagem aterrada em outro ponto separado, as portas está abertas pra DDPs causarem problemas. Talvez em primeiro momento não acontece nada, no máximo uma perda de desempenho de algum tipo, mas no caso de uma descarga elétrica elevar o potencial de um desses terras em relação ao outro, tensão vai ser conduzida entre esses terras e o estrago tá feito.

Novamente, segundo normas internacionais e nacionais tb, o aterramento precisa se de ponto unico, na impossibilidade esses terras devem ser interligados - quando maior a distancias entre esses pontos de interligação, maior as chances de DDPs. O ideal é que todas as linhas estejam com seus terras equipotencilizados em pelo menos um ponto em comum. Protetores de ponto de entrada e de ponto de uso devem ser usados. Protetores de telefone, TV e energia local, devem ter seu aterramentos unificados pra novamente evitar DDPs.

Pra quem souber inglês, esse documento faz uma sintese legal das normas americnas relativas à proteção contra raios em residências:

http://www.lightningsafety.com/nlsi_lhm/IEEE_Guide.pdf

Complicado e relativamente dispendioso, sim! Se a pessoa acha que não precisa disso tudo ainda existe a sorte e a probabilidade da queda de uma descarga elétrica pra compensar o risco. ;)

Só pra não deixar passar, um sistema desse completo, numa residência, já contando ai o serviço de alvenaria que as vezes é preciso, num passa de 1000 reais. Meu exemplo:

Protetores anti-surto Clamper 275V 40kA: 75 reais cada, foram 3, 1 pra cada fase, total: R$ 225

Reforço do aterramento existente e equipotencialização:

Duas hastes de cobre + Cordoalha + Fio + Conectores + Caixas de inspeção + serviço de alvenaria porque precisei quebrar a parede, piso da area da frente da casa onde fica o medidor de luz:

R$ 250,00

Protetor Telefônico Labramo de alta capacidade de proteção, pra banda larga - Esse não tá aqui em casa, mas sim em outro ponto onde tenho uma linha telefonica que manda o sinal via Wi-fi pra minha casa. Dependendo de como as coisas andarem, esse protetor irá pra minha casa...

R$ 63 reais já com frete.

Protetores locais que eu já tinha:

Protetor anti-surto APC Importado: 175 reais. Ele inclui proteção pra cabo de rede, coaxial, telefone e energia.

Nobreak APC com proteção anti-surto:

R$ 200

Total: 850 reais que não foram gastos de uma vez. Fui adequanto as proteções aos poucos e ainda faltam algumas coisas.

Se vale a pena o investimento? Depende do pensamento e dinheiro disponivel de cada um. Podem achar paranoia, mas eu acho que vale a pena o gasto pra se ter uma segurança maior. Alguns podem alegar q é melhor deixar queimar e arrumar ou comprar um equipamento novo, tá mas só o tempo perdido com conserto e dinheiro gasto, ja vale a pena, ja que as proteções são pra muito tempo de uso e numa eventualidade elas estarão lá. Um protetor desses de entrada de energia, mesmo tomando umas boas descargas, duram uns 10 anos ja que uma descarga direta é algo difícil de se acontecer e dificilmente ultrapassar a capacidade do protetor - claro depende do nível de incidência de raios na região. De qualquer forma, um protetor desses de entrada sai mais barato que qualquer conserto - 75 reais não é nada e a maioria das casas só possuem uma fase mesmo, aqui como possui 3 fases, tive que gastar 3 vezes esse valor nessa proteção primária.

Editado por _rau_

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bark e Rau obrigado pelo retorno.

Então levando em consideração que moro em apartamento e esse lance de aterramento não vai será possível, preciso fazer o que mesmo? Seria comprar:

Protetores anti-surto Clamper 275V 40kA

Protetor Telefônico Labramo de alta capacidade de proteção

Protetor anti-surto APC Importado

Nobreak APC com proteção anti-surto

Estou esquecendo de algo? Seria pedir muito pra você me passar os modelos e marcas certinho pra eu não errar na hora da compra? Ah, e tb que aguentem a quantidade de equipamentos q irei ligar.

Abraços e muito obrigado

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Pensei em no-break porque embora sejam notes, passei a ter o habito de não usa-lo com bateria sem necessidade (em meu outro note isso fez reduzir muito a vida útil dela) então eu teria um respaldo. Tenho estabilizador, mas por medo de correr risco com os equipamentos não consigo confiar tanto nele. E outro lance que tenho bastante dúvida é quantos aparelhos posso ligar em um no-break, por exemplo eu poderia ligar todos esses equipamentos em um no-break da apc, inclusive os notes? Preciso de algo seguro para poder deixar ligados 24 hrs / dia.

Vi o filtro de note que indicou ("Protetor de Notebook APC pro C8 PNOTEPRO rede/fax/lan

"), mas como usaria ele? Ele vai entre a fonte?

up

Alex Sandro

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

AlexSandroJAP,

As baterias do nobreak também não duram pra sempre, a média é de 2 anos.

No seu caso como se trata de um apartamento, o que esta a sua disposição, provavelmente, é a instalação de um protetor no cabo coaxial da net e um protetor antisurtos na tomada do PCs.

O protetor para cabo coaxial não sei indicar, esperamos outros colegas do fórum indicar-nos.

Para rede elétrica, talvez um protetor da APC para ligar os notebooks (novamente, aguardo a recomendação de outros colegas do fórum), um nobreak para os outros equipamentos (modem...), se é que você acha necessário que eles fiquem ligados quando houver quedas de luz, caso não ache necessário, apenas o protetor antisurtos é suficiente.

Usar o notebook sem bateria e ligar em um nobreak, isso eu não faria. Levando em consideração as desvantagens de um nobreak e a vida útil das baterias, acredito que tanto as do nobreak quando a do notebook possuam uma vida útil próxima.

Talvez ainda seja possível instalar um DPS no quadro de entrada do seu apartamento, mas não sei se isso é recomendado.

PS: Não use estabilizadores!

Abraços,

Leonardo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

leohartmann, valeu pela dica, no ponto em que estou qq ajuda é muito valida. E por ser leigo nessa área estou precisando de ajuda com modelos a comprar, por exemplo esse de anti-surto.

Agora só por curiosidade, porque não utilizar estabilizador?

Abraços,

Alex Sandro

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Por que não usar estabilizadores?

Tirando alguns surtos provocados por raios, nossa rede elétrica é estável o suficiente para que todos os equipamentos vendidos atualmente funcionem perfeitamente. (proteção para esses surtos? protetores antisurto, filtros de linha).

Fontes chaveadas trabalham com uma tolerância mínima de 20% (por favor alguém confirme, fiquei na dúvida) para mais ou para menos na tensão nominal delas, isso é, uma fonte para 120v trabalha no mínimo entre 96v e 144v. Uma boa tolerância. Fote chaveada é toda fonte que não possui aquele transformador enorme, isso é, fonte de pc, notebook, modem adsl (a maioria), monitores, tvs, dvd player, etc.

Um estabilizador de tensão não possui capacidade de corrigir surtos de tensão e variações rápidas da tensão.

A cada tlec do estabilizador ele desliga a saída e rapidamente a liga de novo, causando um pequeno surto de tensão.

Já estava esquecendo, estabilizadores podem reduzir a vida útil do que você ligar nele.

Resumindo, estabilizadores de tensão são inúteis.

Mando essa lista de tópicos para você ler, todos falam sobre estabilizadores e detalham tecnicamente tudo isso que falei.

http://forum.clubedohardware.com.br/boa-fonte-substitui/430112

http://forum.clubedohardware.com.br/voce-ja-viu/482317

http://forum.clubedohardware.com.br/como-tornei-util/492673

http://forum.clubedohardware.com.br/220-volts-110/493279

http://forum.clubedohardware.com.br/estabilizador-esquentando-demais/569073

http://forum.clubedohardware.com.br/resolvido-existe-relação/580512

Acho que era isso que tinha para dizer,

Abraços,

Leonardo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Bark e Rau obrigado pelo retorno.

Então levando em consideração que moro em apartamento e esse lance de aterramento não vai será possível, preciso fazer o que mesmo? Seria comprar:

Protetores anti-surto Clamper 275V 40kA

Protetor Telefônico Labramo de alta capacidade de proteção

Protetor anti-surto APC Importado

Nobreak APC com proteção anti-surto

Estou esquecendo de algo? Seria pedir muito pra você me passar os modelos e marcas certinho pra eu não errar na hora da compra? Ah, e tb que aguentem a quantidade de equipamentos q irei ligar.

Abraços e muito obrigado

Primeiramente gostaria de dizer que os protetores citados por mim foi um exemplo meu, de como uso aqui, de como pude fazer aqui. Nessa questão de sistemas de proteção e protetores, a coisa é variada, o mercado oferece diversas soluções, você não precisa seguir à risca as mesmas marcas e produtos que eu citei, mas existem procedimentos de execução pra eficiência desses produtos, principalmente a proteçao primaria, mas sem conhecer as peculiaridades do local, da instalação elétrica, difícil dizer dar indicações exatas, o que quis fazer foi dar uma visão geral, por cima, de como funciona a coisa.

Apartamento é complicado mesmo e sem aterramento não adianta muita coisa você comprar um protetor primário Clamper ou o protetor telefonico labramo. Aliais, tem que se analisar a situação do seu medidor de luz e o aterramento local do neutro, baixo do medidor, algo creio difícil pra você fazer, nem sei como é o acesso dos moradores ao medidor de luz de um prédio, do condomínio, mas com certeza o síndico ou alguém responsável não te deixaria mexer ali. difícil dizer até se há um aterramento local do neutro e se o mesmo tem acesso fácil. O que te recomendo nesse caso é a contratação de um eletricista certificado e especialista em instalação de proteção anti-surto primária. Onde achar um? Não sei bem te dizer, mas no site da Clamper - www.clamper.com.br talvez o suporte deles possam te responder. Muitas vezes lojas representantes da Clamper possuem eletricistas que entendem do assunto tb. A propria Clamper tem dado curso pra eletricistas em todo Brasil, então acho q eles podem te ajudar nessa parte te dando referência de algum eletricista certificado que passaram pelo curso deles.

Lembrando novamente um ponto, todos os protetores devem estar instalado referenciados em cima de um mesmo ponto de aterramento, se não não adianta! Não adianta você por exemplo comprar um protetor telefonico e um pra energia e ambos estão em ponto terra diferentes. Num mundo de eletronicos como hoje, que são multiconectados - telefone, energia eletrica, tv á cabo, tudo num mesmo aparelho, as proteções se tornaram mais exigentes, precisando estarem coordenadas, equipotencializadas, etc.

O protetor pra cabo coaxial, um centelhador, de nada serve sem aterramento.

Não sei indicar uma loja no nosso pais onde vende centelhadores pra cabo coaxial do tipo usado em TV à cabo, nao sei se usam cabo RG-6 como TVs via satelite Sky... mas em www.hyperlinktech.com, você acha tudo que você quiser em termos de protetores pra sinal - antenas, sistemas wi-fi, telefone, etc, infelizmente você teria que importar por esse site, eles vendem pro mundo inteiro...

Agora indo lá pra cima, no seu apartamento. Sem aterramento, proteger as linhas de sinal é difícil, se você tivesse aterramento ao menos nas tomadas a coisa ja facilitaria usando um protetor desse tipo, se ai for 110-127V:

http://www.atera.com.br/dispprod.asp?COD=P8T3V

Esse protetor engloba proteção telefonica, proteção pra cabo coaxial e proteção eletrica contra picos causados por raios e outras causas. Claro, é um protetor local, mas de qualquer forma, tem alta capacidade de proteção em relação aos modelos comuns do nosso mercado. Um desses vale mais do que não ligar nada ou um estabilizador no que tange a proteção contra raios. Claro que ele não é imune à tudo, mas ajudaria bastante.

A sua proteção telefonica é totalmente dependente de um aterramento, já que os componentes que protegem a linha telefonica joga tudo em cima do fio terra. A proteção pra cabo coaxial dela nao tenho certeza se seria eficiente sem aterramento, mas creio q ela protegeria alguma coisa ainda mesmo sem ele. Ja a proteção de energia é bem generosa em cima do aterramento do neutro, desviando qualquer pico pra esse ponto.

A eficiência de um protetor local só é comprometida por um fator, o tamanho da fiação até o ponto de descarga do excesso de energia. Esse inclusive é um ponto crucial pra eficiência de um protetor primário na rede. Como o protetor primário é responsável por desviar pra terra uma carga imensa de energia, se longe dos eletrodos de aterramento, as caracteristicas indutivas e impeditivas da fiação vão diminuir a eficiência. Felizmente digamos se um raio cair na fiação da rua, grande parte da sua energia será dissipada no proprio fio antes de chegar á sua tomada, aliviando o trabalho do protetor local, mas a fiação pode ir pro saco em casos extremos. A intensidade da energia do raio que chega á tomada varia de caso pra caso, de situação pra situação, difícil e complexo analisar isso.

O que você pode fazer no momento é comprar um nobreak pros seus equipamentos que precisam ficar ligados durante uma queda de luz e pros notebooks você usaria um protetor desse APC indicado no link acima. Quanto as proteções primárias, essa novamente eu recomendo você consultar alguém do local que entende disso pra avaliar a possibilidade da instalação dos mesmos pra você.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

_rau_ e Leonardo obrigado pelas dicas.

beleza _rau_, irei comprar esse protetor que você indicou e por enquanto ficarei só nisso mesmo, nem mesmo o no-break irei comprar pois na minha cabeça esta tudo meio confuso, são muitas informações. A tomada que irei ligar os equipamentos tem o fio de aterramento, só não sei onde ele vai, e o mais importante como você disse, qual a distância dele e a tomada. Agora uma última dúvida, esse protetor que me indicou, ele protege as 8 tomadas? Pois alguns apenas protegem 3 ou 4 tomadas. E por fim, no-break consome muita energia (por estar ligado 24 horas)?

Abraços,

Alex Sandro

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu creio ser o principal culpado da confusão, joguei muita informação aí atrás. Se há alguns anos atrás alguém chegasse e falasse isso comigo eu ia ficar boiando. Mas depois que estudei e continuo estudando sobre esses assuntos de proteção e qualidade de energia, desejo que os outros saibam as mesmas coisas e esqueço que levei algum tempo pra começar a ter uma visão mais global da coisa e q os outros precisam do mesmo tempo ou mais pra entender.

Bem, esse protetor protege todas as tomadas, você pode ligar o cabo coaxial nele tb, ele ja vem com cabo coaxial e telefonico pra fazer as conexões com o modem e telefones.

Sobre o fio terra nas tomadas, ele vai no "terceiro" pino da tomada, se ele está disponivel, mas apenas não esta conectado á tomada, conecte-o no pino vago da tomada. Tem o esquedo o direito e o pono terra que fica deslocado abaixo dos pinos normais. Existe uma ordem correta e um teste básico pra saber se esse aterramento tem ao menos continuidade que depois posso te ensinar.

Sobre o nobreak, ele consome relativamente pouco. Geralmente eles têm uma eficiência de 90% ou mais. Ex:

Se o nobreak está fornecendo 100watts, quer dizer que 10% são gastos nele mesmo. Calculando quanto da isso em um mes, 24/7.

10 watts x 24 horas = 240W.

240W x 30 dias = 7200W

7200 / 1000 = 7.2Kw/h

7.2Kw/h x R$ 0,40 = R$ 2,88

Esse é o total gasto no mês se o preço do Kw/h ai for 0,40 centavos.

Editado por _rau_

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Puxa Rau, beleza mesmo!!! Fiquei interessado em como testar o terra que você comentou, se puder me ensinar ficarei muito contente. E resumindo fazerei exatamente isso: comprar esse filtro e ligar tudo nele, ai ficarei aguardando sua proxima aula (rs) referente ao modo certo de ligar e testar o terra, pode ser? Ah, poderei ligar todos os meus equipamentos neste filtro (indicado no link anterior)? Ou ele tem limite de equipamentos ou tensão?

Abraços e mais uma vez obrigado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bem, você tinha dito que ai tem um fio terra, primeiramente, onde você viu esse fio? Dentro da caixinha da tomada? Esse fio tá solto? De que cor ele é?

A primeira coisa a ser fazer é ter em mãos uma chavinha de teste de fase, o nome dela é chave neon e custa bem baratinho, 5 reais você acha em qualquer casa de material elétrico ou camelô. A chavinha se parece com essa foto que achei pelo google que por "coicidência" tá no album de um dos caras mais entendidos no assunto de energia e fontes aqui do forum, o faller:

chaveneon.jpg

Essa chavinha tem um uso simples, simplesmente você toca a ponta dela no fio e toca seu dedo no topo da chave, se acender uma lampadazinha dentro dela, é porque esse fio tem potencial ou seja, dá choque, tem energia apenas esperando um caminho pra fechar o circuito, pra ela fluir. Então, se você tocar a chave nesse fio que você acha se o terra e acender, tem energia nele, então não é o fio terra. Os outros dois que estão ligados na tomada se chamam Neutro e o Outro fase. O neutro é um fio terra, mas o neutro tem corrente constantemente passando por ele, ao contrário do fio terra propriamente dito. O outro fio da tomada é o fio fase, o fio q tem potencial, dá choque.

Tendo essas informações em mãos você vai precisar de uma tomada "tripolar" ou 2P+T (dois polos + terra), como essa:

NEMA5-15.jpg

Aproveitando a imagem acima, já está ilustrado a ordem correta das polaridades. É dessa forma ai que tem que ficar pras proteções funcionarem eficientemente.

Com tudo ligado, aos testes pra saber se o terra tem continuidade. Veja q esse teste não diz a eficiência do aterramento, mas sim se ele tem continuidade ou seja, se o fio realmente tá aterrado.

Material:

Lampada incandescente, um bocal e fios pra fazer algo desse tipo:

lampadateste.gif

Com essa lampada na mao, você liga ela normalmente, nos buracos neutro e fase da tomada, a lampada deve acender normalmente. Depois você deve pegar a lampada e ligar os fios da forma que um entre no buraco do fio fase e a outra ponta do fio no buraco do fio terra. Se acender, significa q esse aterramento tem continuidade. Se acender fraco ou mais fraco entre Fase e Terra, indica q esse aterramento está deficiente, com alta impedância e não serve de muita coisa, podendo até gerar mais problemas do que tivesse sem ele e se não acender nada, esse terra é inexistente.

Bem, o segundo teste precisaremos de um multimetro básico na escala de medição ACV (Tensão de corrente alternada). Coloque na escala com valor ACV mais próximo do valor da tensão nominal, geralmente 200V pra medir uma tomada 110V. As vezes o multimetro ao invés de vir com as letras ACV, vem um simbolo "~" nessa escala.

Bem, com o multimetro em mãos, mede-se a tensão da tomada entre Fase+neutro, pega o valor e anota num papel. Agora com a lampada ligada entre Fase e Terra, mede-se novamente e anota-se o valor. você pode fazer a primeira medição com a lampada ligada tb...

A diferença entre esses valores deveria ser nula, se nula indica provavelmente um aterramento equipotencializado, o que é correto, mas tb pode indicar que o fio terra ta ligado no terra do neutro num ponto errado da rede, dentro da propria residencia por exemplo, isso só um eletricista pra te confirmar. Se der uma diferença pequena, de 1 á 10V, o aterramento é regular e até poderia ser ligado no seu PC, mas não é tão eficiente como deveria.

Sobre o filtro, ele aguenta até 15A ou seja, cerca de 1500W em equipamentos. Com certeza suporta todos os seus equipamentos. O limite de tensão dele é 127V. Limite esse sustentado, mas ele suporta variações acima disso e irá começar a proteger em variações mais altas e em picos. Se a variação for muito alta e sustentada, o filtro irá se queimar pra proteger seu equipamento, nessa condição, o LED verde se apagará, indicando que a proteção se sacrificou pelos equipamentos. Num pico veloz e de energia muito alta, com um raio, o filtro pode se queimar tb pra proteger o equipamento.

EDITADO:

Queria lembrar que esse filtro protetor da APC q você vai comprar, ele vem com um LED q já te indica a presença do aterramento e inversão de polaridade da tomada. Ao ligar e o LED vermelho dele se acender, indica duas coisas, na verdade tres:

1 - Falta de aterramento

2 - Neutro e Fase em posições invertidas

3 - Sobrecarga da fiação neutra da rede

O LED só se apaga se as três condições forem sanadas. O LED pode se acender mais fraco quando há uma diferença maior que 3 volts entre Neutro e Terra.

Editado por _rau_

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Então, a tomada que esta lá já é essa tripolar e nela esta ligado o fio que acho q deva ser o Terra. Não, ele não esta solto não. Ele é verde. Agora estou no trabalho, mas irei testar o Terra com a chave neon, porém esse outro teste não sei como faze-lo, já que demanda equipamento mais difícil acesso pra mim. De qq forma pelo que entendi o filtro que você indicou irá me dizer se esta ou não válido o aterramento, certo? Outra coisa, se não estiver certo o aterremento você comentou que então é melhor nem usa-lo, é isso mesmo? Ai se eu desligar o fio verde o filtro terá alguma serventia ou estará apenas servindo pra aumentar o numero de tomadas?

O melhor de tudo isso é que estou quase me tornando um Engenheiro Elétrico rs

Abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Srs boa tarde!

Desculpe meter o bedelho na conversa, é que vi que a gelera deste tópico manja da coisa! ;:):):)

Tenho uma dúvida...

Vou fazer uma rede elétrica em que vou ligar entre 7-10 pcs (só os pcs e monitores).

Ai é que bate a dúvida, devo usar disjuntores de quantos amperes nessa rede???

Grato!

Abs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Então, a tomada que esta lá já é essa tripolar e nela esta ligado o fio que acho q deva ser o Terra. Não, ele não esta solto não. Ele é verde. Agora estou no trabalho, mas irei testar o Terra com a chave neon, porém esse outro teste não sei como faze-lo, já que demanda equipamento mais difícil acesso pra mim. De qq forma pelo que entendi o filtro que você indicou irá me dizer se esta ou não válido o aterramento, certo? Outra coisa, se não estiver certo o aterremento você comentou que então é melhor nem usa-lo, é isso mesmo? Ai se eu desligar o fio verde o filtro terá alguma serventia ou estará apenas servindo pra aumentar o numero de tomadas?

O melhor de tudo isso é que estou quase me tornando um Engenheiro Elétrico rs

Abraços

O filtro de linha continua protegendo mesmo sem o fio terra.

Mas se a tomada que você vai ligar ele já esta instalada e tem o pino do terra e a construtora do prédio for "boa" e essa é a instalação original do prédio (não foi feita por nenhum morador antigo do apartamento) é bem provável que esteja correto.

Abraço

Leonardo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Então, a tomada que esta lá já é essa tripolar e nela esta ligado o fio que acho q deva ser o Terra. Não, ele não esta solto não. Ele é verde. Agora estou no trabalho, mas irei testar o Terra com a chave neon, porém esse outro teste não sei como faze-lo, já que demanda equipamento mais difícil acesso pra mim. De qq forma pelo que entendi o filtro que você indicou irá me dizer se esta ou não válido o aterramento, certo? Outra coisa, se não estiver certo o aterremento você comentou que então é melhor nem usa-lo, é isso mesmo? Ai se eu desligar o fio verde o filtro terá alguma serventia ou estará apenas servindo pra aumentar o numero de tomadas?

O melhor de tudo isso é que estou quase me tornando um Engenheiro Elétrico rs

Abraços

A cor está correta e provavelmente seu prédio tem uma instalação relativamente nova e com fio terra, não aconselho mexer então.

O segundo teste é fácil de fazer, um multimetro baratim você encontra em algumas eletricas e camelos tb, por 20 reais mais ou menos.

Mas espera o filtro chegar e ligue ele, se a luz acender, verifique com a chaviha se a polaridade fase e neutra estão ligadas da forma correta, se tiver e a luz continuar acesa, o aterramento ta desligado em algum ponto ou nao existe mesmo.

Srs boa tarde!

Desculpe meter o bedelho na conversa, é que vi que a gelera deste tópico manja da coisa! ;:):):)

Tenho uma dúvida...

Vou fazer uma rede elétrica em que vou ligar entre 7-10 pcs (só os pcs e monitores).

Ai é que bate a dúvida, devo usar disjuntores de quantos amperes nessa rede???

Grato!

Abs

Os disjuntores só são parte da instalação e sua função é a proteção da fiação e não dos equipamentos diretamente.

10PCs bem parrudos consomem por volta de 2 à 3A no máximo pra uma rede 220V e de 4-6A em 110V. Esse valor maximo é pra PCs muito parrudos mesmo. Se for um PC mediano, dificilmente ele passara de 2A.

Vamos tomar 2A como exemplo em uma rede 220V.

2A x 220V = 440W.

440W x 10 Pcs = 4400W.

4400 / 220 = 20A - logo o disjuntor do local deverá ser de ao menos 20A.

A fiação pra aguentar 20A precisa usar fios 2.5mm. Fios 2.5mm aguentam em média 25A máximos sem maiores aquecimentos. Acima de 25A já é recomendado fio 4mm.

Fios que se aquecem demais além de risco, provocam maior consumo elétrico.

Há que se considerar que cargas eletronicas exigem mais de todo sistema elétrico devido à sua não linearidade no consumo ou seja, a corrente fica em defasagem com a tensão, isso gera um maior estresse em todo sistema eletrico. Pra 10Pcs e até um pouco mais, uma fiação 2.5mm aguentaria bem, mas se há intenção de adicionar mais PCs, recomendo logo usar pelo menos uma fiação 4mm. Aí é 110 ou 220V ou dividir a instalação em circuitos diferenciados. Mas se bem que todos os circuitos convergirão pra uma fiação apenas que é a fiação do medidor. Essa deve ter fio 6mm pra cima. Em instalações 110V os fios principais que vêm do medidor devem ser maiores como 10mm é mais recomendado se for compartilhada com chuveiros e outro eletrodomesticos, isso pra um cliente de classe residencial ou comercial que tenha uma rede só pra aquele estabelecimento, sem compartilhar com um prédio inteiro.

Se for uma LAN house, aproveita e contrata os serviços de um bom eletricista pra realizar um aterramento pela segurança dos proprios usuarios, ja q você estará lidando com pessoas e qualquer choque que venha a causar um problema de saude ou bate a na madeira tres vezes, vir a causar uma morte, vai evitar indenizações e coisas do tipo.

O filtro de linha continua protegendo mesmo sem o fio terra.

Mas se a tomada que você vai ligar ele já esta instalada e tem o pino do terra e a construtora do prédio for "boa" e essa é a instalação original do prédio (não foi feita por nenhum morador antigo do apartamento) é bem provável que esteja correto.

Abraço

Leonardo

Não bem da mesma forma, ja que a proteção telefonica e coaxial ficarão inativas sem o fio terra, ja que esse protetor é dependente dessa linha.

Além disso ele tem varistores entre Fase-Terra tb, além dos Fase-Neutro e Neutro-Terra.

Sobre o aterramento, tem razão, pode ter sido algum morador que fez, mas se todas tomdas tiver o fio terra e o prédio não é muito velho, as chances sao de que tenha sido feito corretamente. Até se o predio for velho, ja q ele pode ter passado por uma reforma eletrica. O programa Casa Segura tem feito campanhas e pesquisas em varios predios, acredito que na regiao de São Paulo, avaliando a situação das instalações principalmente prediais...

Editado por _rau_

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Diferença nenhuma, na verdade tem uma pequena diferença nos componentes usados na proteção de linha telefonica, mas na minha opinião não justifica a diferença de preço. Outra, o modelo indicado por mim antes a APC coloca ele no mercado Audio/Video, mas é só pra diferenciar mercadologicamente, porque na pratica são iguais. Eu so tinha indicado esse porque o outro ta em falta, mas parece que vai chegar em 8 dias como ta escrito la.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ai amigo boa tarde!

Esta instalação q vou fazer será sim em uma lan, vou colocar mais 7 pcs!

porém será provisório, a dona vai mudar a loja de endereço em breve!

Mais de qq forma usarei fios de 2.5 e disjuntores de 20A. Lá vou usar 110v (2 disjuntores, um pra cada fio. Está correto?)

Quanto ao outros cuidados como proteções, eles estão bem descritos acima :):):)

valeu pela aula!

Abs.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

você só usa disjuntores no fio fase, nunca se usa disjuntor na fiação neutro.

Se ai é 110V e você colocar um disjuntor 20A, esse circuito vai suportar por volta de 2200W, ainda seguro pra um fio 2.5mm q você poderia elevar até 4000W no máximo pra manter a segurança ainda da fiação.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×