Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Está com problemas no pendrive ou no cartão de memória? LEIA ANTES DE POSTAR


Posts recomendados

Agradeço a sua leitura, a ideia é reduzir posts repetidos sendo que tem a resposta aqui bem detalhada, vez ou outra eu mando a pessoa ler aqui, que bom que gostou.

Sim, um leitor sd simples vai ter dificuldade de enxergar um cartão sdhc,um leitor sdhc le o padrão antigo (a diferença é só a capacidade, até 2GB é SD, mais que isso é SDHC ou SDXC)

Teste com um leitor sdhc e veja se consegue manipular corretamente, falsificação eu descarto pois a sandisk tem pouca incidência, acho estranho vir com um leitor kingston, mas tudo bem.

faça seus testes e poste suas conclusões.

att

Obrigada pelas informações, terminei o teste no H2testw, o resultado foi o seguinte:

Warning: Only 31987 of 31988 MByte tested.

The media is likely to be defective.

1.9 GByte OK (3987392 sectors)

29.3 GByte DATA LOST (61521984 sectors)

Details:0 KByte overwritten (0 sectors)

0 KByte slightly changed (< 8 bit/sector, 0 sectors)

29.3 GByte corrupted (61521984 sectors)

0 KByte aliased memory (0 sectors)

First error at offset: 0x0000000078af8000

Expected: 0x0000000078af8000

Found: 0x0000000000000000

H2testw version 1.3

Writing speed: 2.31 MByte/s

Reading speed: 4.24 MByte/s

H2testw v1.4

Eu não tenho acesso a um leitor sdhc, estou pensando em coloca-lo no celular e então tentar algo, pode dar certo?

Obrigada novamente!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Preciso de uma ajuda com o programa usb flash security, instalei ele em um pendrive de 4Gb até ontem a noite tudo funcionava perfeitamente, porém agora plugo o pendrive no usb só aparece o link do site do fabricante do usb flash, não aparece mais o icone pra eu digitar a senha, não posso perder o que tem nele de forma alguma alguem pode me ajudar ?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • 3 semanas depois...

ola amigos, estou com um problema muito grave, tenho um micro sd sandisk de 32gb, sem querer fui formatar de um jeito diferente so pra colocar no meu cel galaxy s3, ai o programa do cel "link2sd" exigia duas particoes, uma fat32 e outra ext, para eu conseguir instalar os apps na memoria do cartao, fui por isso que começou a dor de cabeça, ai beleza, mas ai fui querer formatar de novo fat e fat32, uma hora parou e ficou ate agora em formato raw com apenas 30mb :cry: alguma luz? ja usei varios programa hp disk, testdisk, killdisk, sd formater entre outros, e windows e nenhum consegue, o programa que fez essa cagada foi o MiniTool Partition Wizard Home Edition, e agora pessoal? vou instalar linux ubuntu pra tentar formatar, o que vocês acham? o unico que da que esta protegido contra gravação é o sd formater, mais nao ta nao, ja desativei no regedit e na trava do cartao, E AGORA MEU POVO? tentar pelo linux???? :(

Como resolver problemas que vez ou outra incomodam você com o seu pendrive / cartão de memória?

Para algumas partes indico ferramentas, com os nomes dos programas além de serem gratuitos e leves para varias versões do windows numa pesquisa simples com o nome do programa, você facilmente achará opções para baixá-los na primeira página de resultados do seu buscador favorito.

Pendrive/cartão de memória tem driver?

A grande maioria dos modelos é compatível com a plataforma Windows, Linux e Macintosh, windows a partir do 2000 não se necessita de drivers adicionais, bastando apenas plugar aguardar o windows reconhecer e montar o dispositivo no explorer, mas se ainda usa o windows 9x (95, 98) essas versões precisam de um driver pro pendrive funcionar. Existe um driver genérico que resolve problemas de compatibilidade com os micros perdidos rodando windows 9x, pode baixa-lo nesse site: http://www.technical-assistance.co.uk/kb/usbmsd98.php. Alguns modelos menores (até 4GB) podem ter no site do fabricante o download do driver para windows 9x, só procurar diretamente.

No Mac e no linux também é plug and play, caso pegue uma máquina limitada (bloqueada) ou com uma distribuição antiga, veja aqui como montar manualmente o pendrive no linux, os comandos via terminal podem ser feitos também no Mac:

http://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2011/06/como-montar-manualmente-um-pen-drive-no-linux.html

Pendrive tem vida útil?

É calculado em ciclos de vida, que seria preencher sua capacidade total e depois formatar num dia, até 100 mil ciclos são mais de 27 anos, ou visualizar mais de 5 milhões de fotos e o hardware ali firme e forte, vamos dizer que a memória flash fez todos esse ciclos, o que acontece depois disso, simplesmente bloqueia sua gravação, mantendo assim os dados intactos, passíveis de recuperação, alertando no sistema operacional o erro de protegido contra gravação.

Uma nota de rodapé que surgiu ajudando outros membros no fórum seria a capacidade de armazenar dados e o mesmo ficar parado, conversei com o suporte da kingston por telefone e me passaram que pendrives dessa marca sem acesso largados podem ficar 10000 horas sem perder algum dado, isso em dias é um ano e dois meses quase, o ciclo de vida do pendrive conta ao gravar, formatar, ao acessar não, se lembrar de acessar de vez em quando, os dados se mantem muito bem obrigado por anos, não é oneroso espetar o pendrive no micro e fazer um acesso e depois ele voltar pra gaveta.

Como eles podem virar a dar problema ??

A falta de cuidado é a grande vilâ, os problemas mais comuns de acontecer no dia a dia seriam:

* quedas no chão ou mergulhados em liquidos (copos, privadas, poças d água) que acabam quebrando a proteção plástica, ficando o chip exposto a choques, eletricidade estática, podendo queimá-lo, existem alguns modelos que aguentam impactos tendo seu revestimento emborrachado como o Patriot Xporter XT, o Flash Voyager da Corsair ou o poderosíssimo Corsair Survivor de alumínio, se eventualmente não é cuidadoso um modelo mais parrudo em nível de proteção pode ser uma ótima ideia, ou pode revestir com fita adesiva em muitas camadas, usar com um cordãozinho, poucos modelos aguentam pancada.

* conectar em portas frontais de micros desconhecidos pois tem o risco da pessoa ter montado invertido a porta e queimar o seu pendrive, tomem muito cuidado, priorizem a porta traseira pra conectar o pendrive num computador estranho montado, caso queira saber como instalar corretamente veja esse tópico aqui da casa mesmo:

https://www.clubedohardware.com.br/artigos/939 , se o lugar que frequenta (lan house, laboratório de informática, acessa são paulo por exemplo) tem micros de marca essa preocupação é desnecessária, raramente se tem problemas desse tipo em máquinas de grife, mas tenha cuidado com micros montados, é um risco infelizmente.

* micro no chão, porta frontal e lateral ficando perto de um pé de mesa ou de carne e osso, ocorrendo a ruptura do conector. Para evitar isso ande com um cabo usb junto com o seu pendrive, custa menos de 10 reais um, acessório indispensável.

* falsificação é outro problema grave que eu abordo em outro tópico de uma forma mais completa e didática, caso queira mais detalhes e como tentar usar ele com alguma dignidade pode clicar no link aqui: http://forum.clubedohardware.com.br/outra-forma-arrumar/834932

* Usar um dispositivo multiuso como pendrive: Se tem um celular, um mp3 player decente, é possível usar bem a memória dele de armazenamento pra gravar dados pessoais, mas se são esses dispositivos que chamo carinhosamente de "mptreco" cuidado, eles não se dão bem como pendrive, com muitos erros de leitura e gravação, num efeito dominó corrompem os dados e recuperar desses dispositivos costuma ser muito difícil e caro, ideal é um pendrive, hd removível ou cartão de memória pra guardar suas coisas, eu já presenciei mp3 do tipo s4 de 128 MB guardando TCC de faculdade cópia única, eles pra tocar música tudo bem, mas como pendrive realmente esqueçam!!!!

* Não use o pendrive no chaveiro, se tem a chave muito pesada e o micro não tem a usb baixa ficar pendurada corre o risco de danificar a entrada usb do mesmo. Por isso novamente cito o uso de um cabo usb adicional.

* desconectar ele sem usar o recurso de remover hardware com segurança , clicando com o botão direito no ícone da usb no relógio ou desmontar a mídia como queiram denominar, caso pare de funcionar esse recurso no seu windows, baixe esse software: USB SAFELY REMOVE.

Sobre essa última, é uma meia verdade e rola uma mitologia, quiçá polêmica sobre esse assunto, prefiro recomendar que use o remover hardware com segurança mesmo com esse link abaixo, pois existe o risco de avaria caso seja desconectado com ele trocando dados no computador como perder sua partição e por tabela os arquivos, ou pior um dano físico como queimar e não funcionar mais, não custa nada e vale a leitura:

http://jefferson-ryan.blogspot.com/2009/04/o-mito-em-torno-de-remover-hardware-com.html

Não reconhece:

Coloquei no micro, escutei o "turum" e até tem o ícone da usb no relógio mas não aparece, o que fazer ?

De um botão direito em meu computador, escolha gerenciar, na próxima tela procure por gerenciamento de disco, vai aparecer ali o seu pendrive, botão direito nele, escolha “Alterar letra da unidade e caminho” e provavelmente funcionará, muitas vezes leitores de cartão internos como esse aqui, software de emulação de cd/dvd como o daemon tools criam unidades virtuais confundindo pendrives e unidades de rede.

Pode acontecer de ter desabilitado o suporte a usb naquele micro, então as portas ficam mortas bastando acessar a setup do micro e habilitar o suporte a usb, existem muitas placas mãe antigas que o suporte a usb fica desabilitado quando a bateria da BIOS está fraca.

Outros casos se vê a memória flash no gerenciador de dispositivos como dispositivo desconhecido, seleciona ele, remove e mande o windows detectar novamente clicando em Ação, verificar se existem novas alterações de hardware, é muito efetivo esse procedimento de forçar o sistema operacional a redetectar o dispositivo.

Mas conecto e não aparece nada!!!...

Veja se as portas usb do seu micro apresentam falhas, se você usa um hub usb (aqueles que tem várias portas como um desse aqui), tire ele e conecte direto no micro, esses hubs especialmente os mais baratos tem problema de não suportar carga falhando num processo de gravação de dados, desligar e ligar até queimar as portas (ou o pendrive/cartão) especialmente se é conectado um dispositivo que tenha uma tensão maior, como alguns pendrives de capacidade maior e hds removiveis com fonte, impressoras, nesses casos um hub usb com fonte é ideal, custa até 50 reais um modelo com 4 portas, apesar de alguns mais simples terem uma saída pra se conectar uma fonte de energia, poucos funcionam de forma eficiente, boa parte deles queimam facilmente as portas.

Um hub usb que recomendocom folga seria o modelo desse link:

http://www.boadica.com.br/dica/749/hub-usb-targus-ach81

Não sendo isso experimente reinstalar a controladora usb no micro caso perceba que qualquer dispositivo plugado na usb apresente dificuldades e já tenha testado ele anteriormente sabendo que funciona, procure pelo gerenciador de dispositivos em propriedades de sistema no painel de controle, procure as controladoras usb, remova e reinstale, lembrando que antes recomendei que fizesse esse caminho só no pendrive detalhe, faça isso sabendo o driver certo, que vem no cd da placa mãe, procurar uma versão atualizada também ajuda no site do fabricante, no mesmo menu pode encontrar o seu pendrive/cartão listado, botão direito nele e veja se consegue ativar (outra alternativa a se tentar com pendrive que não reconhece).

Seu micro pode ser relativamente antigo e não reconhecer unidades maiores que 4gb, o que resolve nesses casos seria atualizar a bios da placa mãe (se for possível) ou comprar uma placa usb pci 2.0, custa até 50 reais uma (óbvio que quanto mais portas mais caro), placas-mãe até 2003 podem sofrer desse problema quando se conecta um pendrive com capacidade acima de 4GB, pois nessa época estavam começando a surgir os primeiros modelos de 8 e 16 GB.

Se na sua casa você tem acesso, mas no seu trabalho não, simplesmente tem grandes chances de ser bloqueado usb no seu micro por politicas de TI, converse internamente e se realmente for necessário pras suas atividades, podem liberar esse recurso pra voce, tentar burlar isso só aumenta chances de ter dor de cabeça, toco do chefe e em último caso advertências e demissões, por regras configuradas no sistema operacional (Via GPO em micros windows ou por ferramentas de terceiros) o suporte a USB estar desabilitado em empresas ou não poder executar arquivos (especial os executáveis) dentro do pendrive, é sabido a vulnerabilidade em nível de segurança que unidades flash causam, sejam transmitindo malwares quanto roubo de informações, antes de tentar caçar uma ferramenta milagrosa ou sair brincando no registro do windows reveja seus conceitos e procure sua chefia.

Outro problema comum seria o pendrive/cartão de memória ligar e desligar pois não fica totalmente conectado, dificuldade no encaixe seja por estar laceada a porta ou ser muito apertada, isso pode ser compensado bastando apenas ter consigo um cabo usb desse tipo aqui:o usb macho femea, mas se perceber que pode ser algo no seu pendrive pode calmamente apertar com um alicate de ponta fina o conector ou os pinos metálicos internos, tome muito cuidado ao fazer isso.

Lentidão no pendrive/cartão:

O principal problema é achar que ele tem uma velocidade, mais na prática não é bem assim, a unidade tem uma taxa de leitura maior que a de escrita, ou seja, ele lê rápido e copia/grava devagar, busque essa informação no site do fabricante ou em reviews sobre ele, caso queira saber a velocidade de leitura e gravação do seu pendrive/cartão um software pra isso seria o h2test, além disso ele testa o pendrive/cartão pra saber se ele tem a capacidade prometida, no tópico sobre pendrives falsificados link acima eu comento como usar esse software passo a passo.

Aqui sites com ferramentas de medição de velocidade para pendrives e benchmark de alguns modelos:

http://www.usbperformance.com/

http://usbflashspeed.com/

As portas dianteiras do computador desktop não são tão potentes como as traseiras na transferência de arquivos, a diferença é gritante testando inicialmente isso, até notebooks também tem portas "dianteiras", alguns modelos a porta é linkada por um flat cable na sua placa mãe, e tem as tais portas energizadas, diretamente na placa mãe, nem adianta perguntar se x modelo tem porta energizada ou não, só consultar ou perguntar pro fabricante. Um acessório indispensável é um cabo usb (eu sei já falei dele), pegue um e ligue na porta traseira pra não se contorcer movendo micro pra lá e pra cá.

Existem linhas de memórias flash que priorizam o espaço e outras rapidez na transferência de dados, se numa câmera HD colocar um cartão lento, cada foto ou filmagem a câmera vai levar muito tempo pra gravar, correndo o risco de corromper a gravação e perder o arquivo. A grosso modo seria uma comparação de uma coisa voltada pro uso comum e profissional. Ou seja pesquise bem no site do fabricante antes de escolher uma memória flash.

Se percebe a dificuldade pra uma mídia usb lenta quando se move duma vez muitas pastas cheias de arquivos e subpastas, se verificar o espaço delas e mover um arquivo único de tamanho equivalente verá como é diferente, aí uma forma de compensar isso é não mexer no micro enquanto grava arquivos no pendrive/cartão de memória, priorizando a cópia de arquivos no sistema operacional.

A lentidão pode ser ocasionada por limitação no micro, especialmente se ele tiver mais de 5 anos de vida e ao espetar no micro lhe alertar “este dispositivo pode ser mais rápido”, significa que o micro tem portas usb 1.0, antigas e claro mais lentas nesses casos, se a setup do micro tiver esse suporte (consultar o manual do micro/placa mãe), verifique a controladora dela e reinstale os drivers caso seja mais recente o micro e tenhas portas 2.0, pode optar pela placa usb conforme mencionado anteriormente, as vezes ao usar portas dianteiras acontece de falhar e mostrar esse alerta, então não se desespere, conecte na porta de trás, reconfigure a bios do micro se acontecer com frequência esse alerta.

Se você tem o hábito de mover muitas coisas ou roda programas especialmente "versões portable", pode muito bem desfragmentar pelo próprio windows, botão direito na unidade de disco, propriedades, e em ferramentas desfragmentar, essa dica ajuda muito em cartões de memória em celulares, o acesso é bem rápido após fazer isso, ás vezes a formatação resolve, mas não é uma constante.

Sugiro esses programas para desfragmentar : Defraggler e JK Defrag (que mudou para my defrag, esse último tem uma opção para mídias flash, recomendo o seu uso), pois ao desfragmentar unidades flash consome alguns ciclos de uso, num quebra galho o defrag do windows ajuda, mas usando ferramentas próprias pra unidades flash é melhor.

Vírus, espaço que sumiu, sistema de arquivos RAW, some espaço, travado, não formata por windows e DOS, protegido contra gravação e formatei o windows com o pendrive conectado.

Esses problemas são os mais graves, proporcionalmente existem algumas soluções, mas em compensação podem mandar a unidade flash pro lixo.

O seu antivírus tem capacidade de remover malwares que se camuflam no autorun.inf da unidade flash, ao ter contato com um micro diferente, chegou em casa passa o antivírus e veja se detecta alguma coisa, é muito fácil infectar por essa forma, pra acionar rapidamente o antivírus no pendrive basta selecionar a sua unidade com o botão direito no meu computador ou no windows explorer e verá o ícone do seu Antivírus.

Mas eu passo antivírus e ele ainda continua lá, o que fazer?

Considere uma coisa: de que o tal virus pode ter infectado o micro (é uma possibilidade, não estou afirmando), então passe ele em todos os arquivos, limpe o cache e se certifique de não carregar nada na inicialização do windows no msconfig, tire os arquivos dele para não perder os dados, mova para outra pasta ou outro pendrive.

Veja no log do seu antivirus aonde ele fica, como geralmente fica camuflado vai no explorer, opções de pasta, na aba modos de exibição, habilite para mostrar todos os arquivos de sistema, e veja se acha o dito cujo e tente remove-lo manualmente, acredite funciona , se ele der um erro falando que não pode, pode acessar em modo de segurnaça e tentar remover, eu recomendo um software chamado Unlocker, esse programa é interessante pois se o windows estiver bloqueando um processo, seja uma cópia de arquivo, renomear, excluir, ele desbloqueia na marra e deixa você fazer o que quiser, até por exemplo deletar um arquivo sendo editado, algumas infecções se camuflam dentro da lixeira do pendrive/cartão. Lixeira você pergunta, sim, ela fica oculta e os malwares adoram se esconder lá, se digitar Recycled ou recycler na sua unidade flash vai ver a lixeirinha dele se for no explorer.

Outra forma é formatando, pelo windows botão direito na unidade, formatar, pelo DOS, format unidade letra do pendrive/cartão.

IMPORTANTE

Algumas infecções fazem os arquivos sumirem inicialmente e aparecem pastas com atalhos que pra variar ao serem executados infectam a máquina, não mostrando os arquivos, mas na verdade ficaram ocultos, via DOS (prompt de comando) é possível fazer ele mostrar tudo, pra que se apague manualmente os atalhos, faça backup dos dados e formate o pendrive, pra acessar o dos clique em iniciar/executar e digite CMD.

Acesse a letra dele e de enter

letra do pendrive/cartão: attrib -r -s -h -a /s /d e ao final enter, se a letra do seu pendrive é M, fica M:/attrib -r -s -h -a /s /d

Quando um processo de gravação dá errado seja por uma queda de energia ou uma desconexão dele antes da hora, acontece de corromper sua partição e o espaço sumir, ficando inacessível ou com o sistema de arquivos RAW, nesses casos o que ajuda seria o clássico comando chkdsk ou a ferramenta testdisk, pra esses casos vou linkar dois tutoriais do jean charles com o passo a passo de como proceder:

http://www.blooti.com.br/2009/06/problemas-com-pendrive.html (inacessível)

http://www.blooti.com.br/2010/01/pendrive-cartoes-de-memoria-recuperar.html (RAW)

Pode ocorrer outro problema ao mover um arquivo num belo dia, aparecer o erro de protegido contra gravação, alguns modelos de pendrive mais antigos e cartões sd tem uma trava fisica chamada HOLD ou LOCK que acionada, fica no modo somente leitura, então destrava e tente usar que conseguirá gravar normalmente...

Mas meu dispositivo não tem travinha.........!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

SABIA QUE IA DIZER ISSO DA TRAVINHA...rsrsrsrsrs acontece do pendrive/cartão funcionar em outro micro normalmente e só no seu dar esse erro de protegido contra gravação, mas em contrapartida esse erro é um dos piores pra resolver, pois tem um risco grande de ao consertar esse pendrive /cartão num belo dia ele voltar a dar o mesmo problema.

Vou fazer uma pausa aqui, um conselho que vou recomendar bastante daqui até o final do texto seria esse: TESTA EM OUTRO MICRO o pendrive/cartão, se ele acessar e reconhecer salva os dados pra não ser grande o prejuízo, aliás essa escolha fica por sua conta priorizar o pendrive com ou sem os dados, a origem desse erro eu comentei no começo do texto.

Uma dica seria criar um arquivo para forçar a destravar o windows pra aceitar gravação no pendrive que tanto ele insiste em falar que está protegida, abra o bloco de notas, copie o texto abaixo e salve como bloqueiapendrive.reg

REGEDIT4

[HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Control|StorageDevicePolicies]

“WriteProtect”=adword:00000001

Para desbloquear crie um novo arquivo chamado desbloqueiapendrive.reg:

REGEDIT4

[HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Control|StorageDevicePolicies]

“WriteProtect”=adword:00000000

Com os arquivos salvos e prontos, basta clicar 2x pra executá-los, verá que o ícone dele não será de um documento de texto e sim de uma janela com uma engrenagem amarela.

Pode mover esses arquivos e bloquear o pendrive para impedir infecções, mas pode criar o que destrava para verificar se consegue mover arquivos pra ele.

Outras alternativas se você já foi pelo windows e não conseguiu acesso nem formatá-lo, em suma o pendrive tá travado, existem programas que podem ser usados para tentar resolver, muitas vezes um não funciona, mas outro sim, com esses suas chances de recuperar, desbloquear, vacinar seu pendrive são bem efetivas:

HP USB Disk Storage Format Tool (um dos mais usados pra recuperar pendrive que não formata)

Flash desinfector

Penclean

Sd Formatter

HA202 Handy Steno 2.0 Repair Tool , e outros utilitarios que podem ser pesquisados aqui: http://usa.apacer.com/us/support/downloads.asp# filtrando por usb driveres e utility, uma outra versão pode funcionar, só baixar e fazer o teste.

Repair_v2.9.1.1

Panda USB and AutoRun Vaccine

Alguns deles o seu antivirus pode dar um falso-positivo e bloquear o programa de executar, nada que desabilitando temporariamente não resolva, outras situações sobra como opção deletar a partição da unidade e refazer a mesma, muitos programas conhecidos (partition magic e norton disk doctor por exemplo) simplesmente não reconhecem o pendrive (existem versões atualizadas que sim) a pessoa instala, abre animada e já se decepciona CADE A PORCARIA DO PENDRIVE????

Recuperei muito pendrive falsificado, travado, com partição perdida com o Paragon Partition Manager 2010, ele tem versão free, sendo bem simples de mexer, se cadastra no site, pega uma licença e instala o programa, você apaga, converte, edita unidades flash quanto hd, só escolher o que fazer e no final mandar aplicar, tome cuidado pra não mexer na sua hd !!!, no tópico que criei sobre pendrive falsificado comento como particionar por ele e pelo cd do windows xp: http://forum.clubedohardware.com.br/solucao-pendrive-falsificado/834932.

Aparelhos com saída USB

Ao usar aparelhos com saída usb (DVD, televisão, rádio de carro) e o pendrive não funcionar como deveria, antes de entrar em desespero leia o manual do aparelho ,procure confirmar a capacidade máxima que o aparelho reconhece, se os arquivos ficam na raiz ou em pastas sobressalentes, se reconhecem playlists, se carrega nome do artista, disco enfim, muitos aparelhos reconhecem no máximo 4GB, e se coloca um de 8 por exemplo ele não reconhece, o sistema de arquivos é sempre FAT, eles não reconhecem NTFS (por enquanto, quem sabe um dia)

Caso queira saber se o filme é compatível com o seu DVD player pode usar o compactchecker, nesse site abaixo fala mais dele e como usa-lo: http://ryan.com.br/wp/compatchecker/

Num micro você testou muitas dessas coisas e não funcionar absolutamente nada e falar MAS EU TENTEI DE TUDO, detalhe, o pendrive pode estar tão comprometido que os programas que citei podem dar erro no começo mas no final da sua execução, pondo no micro novamente adivinha o que pode acontecer: o windows avisa que precisa formatar, você formata e ele volta a ser utilizável :wub:. Por isso é importante o teste em outra máquina ou máquinas.

Seguem dois links de suporte de fabricantes de pendrive, muitas das dicas valem pra qualquer pendrive:

http://www.kingston.com/brasil/support/usbflashdrives/faq/General.asp

http://kb-pt.sandisk.com/app/answers/list/kw/u3%20flash%20drive/r_id/158/search/1/session/L3NpZC9ZVHhQZUEzaw%3D%3D/sno/0

Colocar mais uma dica aqui a respeito de quem usa um cartão de memória:

Não lê, não reconhece, talvez funciona em um micro, não, fica aquela dúvida de aonde está o problema, como a câmera digital aos poucos perdeu seu brilho e muita gente tem uma na gaveta, pela câmera você pode tentar ligar o cartão e formatar através da câmera, ou usar ela como um leitor, e tem resolvido muitos casos, se tem acesso a uma câmera digital, teste, usando a câmera como leitor pra garantir ao menos que se copie os dados, salvei um casal recém casado com as fotos corrompidas no cartão usando uma tekpix como leitor e não é piada pronta através desse método.

Caso ainda esteja com o pendrive travado, inacessível e precisa recuperar os arquivos, tem uma outra forma a se testar, baixe uma distribuição linux, grave num cd e boote seu micro por ela, é possível acessar os arquivos, basta copiar numa pasta no c: e tentar formatar depois, muitas distribuições são bem intuitivas de mexer, já cai na área de trabalho lembrando o windows, basta explorar e ver se dá certo, o gerenciador de partições (gparted) no linux também é eficiente pra particionar o pendrive caso não conseguiu via windows.

Outra forma de recuperar um pendrive travado seria dar um curto circuito nele ligado ao micro, tem que desmontar ele ficando só na placa, vou passar o link pra que vejam como é feito:

http://www.pendrivenet.com.br/dicas.asp?id_dica=672&chave_tecnica=uni

Tentem isso por sua conta e risco, esse procedimento ajuda muito com mptreco travado, e já vi casos que resolveu e depois voltou a dar erros de novo, então eu não recomendo, mas é uma tentativa antes de descartá-lo, outras pessoas sentam a chave de fenda nos contatos até piscar.

Se tem um problema com o conector do pendrive quebrado, achei um link da casa comentando como resolver pra acessar os dados dele:

https://www.clubedohardware.com.br/artigos/Flash-Voyager-da-Corsair-O-Inquebravel-Quebrou/1148/2

E não resolvendo sem chance, se tem arquivos a recuperar procure uma clínica especializada em recuperação de dados, para que verifiquem a possibilidade, muitas não cobram o orçamento.

Veja mais detalhes comentando sobre recuperação de discos nesse link do Uol Tecnologia: http://pud.im/pqm

Xp num pendrive?

http://forum.clubedohardware.com.br/resolvido-instalacao-windows/746096

Windows 7 num pendrive?

http://forum.clubedohardware.com.br/resolvido-criar-pen/884005

Caso não conseguiu resolver, entre em contato com o fabricante através dos meios disponíveis (website, email, telefone) e cobre o suporte, o atendimento não costuma ser complicado, e se precisar trocar já será instruído a como proceder, geralmente pedem a nota fiscal de compra pra mandar junto com o pendrive, e dependendo da loja, ela consegue intermediar esse meio de campo com o fabricante, bastando se informar melhor, como os procedimentos de RMA podem sofrer mudanças não irei aqui colocar um passo a passo.

Links dos principais (e melhores) fabricantes de pendrives e cartões de memória (na minha humilde opinião).

www.kingston.com.br

www.sandisk.com.br

http://patriotmemory.com/

http://www.corsair.com/

http://www.ocztechnology.com/

http://www.dane-elec.fr/index.php?lang=en

http://www.kingmax.com/

http://mymarkvision.com/

http://www.supertalent.com/home/index.php

Sumiu meus arquivos, o que eu faço?

Sentou num micro como faz regularmente, gravou os arquivos e foi colocar em casa e sumiu as cópias únicas daquele arquivo, como pode ter acontecido isso, eu acesso no explorer e ele fala que tem que formatar, mas se formatar eu posso perder os arquivos.

Uma unidade móvel tem uma grande chance de sofrer com perda de arquivos, pois se abre um canal energizado e ali no meio os fios pra transmitir essas informações, e se por algum motivo corta-se a energia pode-se perder a partição aonde está armazenado esses arquivos.

Teste inicialmente voltar para o micro que aconteceu o acidente e veja se ele acessa normalmente, se sim, passe os arquivos numa pasta e mova pra outro pendrive, se não sair do lugar, veja se um scandisk na unidade do pendrive não pode te ajudar, eu vou colocar novamente o link que comenta sobre isso:

http://www.blooti.com.br/2009/06/problemas-com-pendrive.html

Recuperação de dados não é brincadeira, tampouco uma ciência exata, se descobriu os programas de recuperação e viraram uma mania, já apareceram posts pedindo ajuda pois o gênio formatou a máquina, não fez backup e quer uma ferramenta mágica que conserte a babaquice que ele fez, tem casos e casos que se tem alguma chance de recuperar os dados perdidos.

Se o problema é lógico as chances podem ser maiores de recuperar arquivos, essas ferramentas milagrosas devem ser usadas com moderação, ao apagar um arquivo o sistema operacional não apaga completamente, apenas libera o setor que ele ficava pra receber dados novos, e quando se formata ele apenas mata a tabela de partição colocando outra zerada com lugares a se preencher, e a organização dos setores antigos pode ser restaurada, aqui estou indo bem resumidamente, beirando a contradição apenas para elucidar o entendimento, procurem depois por "destruição de dados" para uma explicação mais técnica sobre isso.

Ideal pra se garantir uma boa taxa de recuperação é que evite ao máximo manipular o disco, rodar no máximo 2 ferramentas diferentes, o Recuva, getdataback, mini tool partition wizard e o Rstudio são na minha opinião as melhores ferramentas, que chegam até onde outras ferramentas não vão, o recuva uma dica simples: habilite o modo profundo.

Ao pensar em rodar uma ferramenta de recuperação, aponte o destino do que for recuperado para outro disco, se não tomar esse cuidado simples, aumenta as chances de não ter muitos resultados, pois ele vai gravar em trechos que podem ter algo que eventualmente precisa, e apontando pra outro disco, pode-se ainda insistir com outra ferramenta ou a mesma caso não tenha vindo o mais importante por exemplo.

A ferramenta vai precisar acessar o disco inteiro, e nesse processo de rastrear, pode bagunçar o que pode ser recuperado, e nem sempre o que for recuperado vai estar legível, abrindo como antes, com os dois cliques. Como um quebra galho servem, mas não substituem um serviço profissional, que um laboratório pode oferecer, tem lanhouses que oferecem esse tipo de serviço muito barato, mas pegam meia dúzia de ferramentas e rodam no esquema "ver no que dá" e quando falham, se apegam a muletas verdadeiras para justificar o injustificável.

Casos de dano físico ou lógicos que os dados são realmente importantes (você deve analisar essa importância) melhor envolver ajuda profissional, pesquise na internet, peça indicações, muitas não cobram o orçamento e os valores estão começando a cair devido a demanda de pessoas se acidentando com seus discos, pra quem é cuidadoso se pode ter acidentes imagina com quem não é, e pra não sair do script, tem casos que são simples, outros não, por não ter um padrão pra resolver, mas ter pra dar problema, nem sempre o que funciona pra um funcionará pra outro.

Formatar pra poder acessar o pendrive e após isso contar que uma ferramenta recupere é um tiro no pé, e alguns sortudos conseguem recuperar o que precisam, mas não é uma constante, é mais seguro ter algum esquema de backup envolvendo cds, dvds, email, serviços de hospedagem de arquivo na nuvem, outros discos, o conceito principal de backup é a disponibilidade, e ter uma única cópia num pendrive é arriscado demais, numa falha terá uma crise de nervos, programe-se quanto a isso, dizem que existem duas pessoas, as que perderam seus dados num disco e as que ainda vão perder.

Repito, o básico do básico para se virar eu listei pra vocês, tendo outras ferramentas ou formas de resolver por favor me avisem aqui nas respostas, quero manter uma boa base aqui com a ajuda de quem para aqui e lê ok?

Um abraço pela sua leitura, e mais uma vez grato pelas manifestações carinhosas que venho recebido.

Se for copiar em seu site ou blog, fique a vontade mas cite a fonte, copypaste desconhecido é covarde e baixo.

Gostou? Compartilha no seu facebook ou twitterr

ola amigos, estou com um problema muito grave, tenho um micro sd sandisk de 32gb, sem querer fui formatar de um jeito diferente so pra colocar no meu cel galaxy s3, ai o programa do cel "link2sd" exigia duas particoes, uma fat32 e outra ext, para eu conseguir instalar os apps na memoria do cartao, fui por isso que começou a dor de cabeça, ai beleza, mas ai fui querer formatar de novo fat e fat32, uma hora parou e ficou ate agora em formato raw com apenas 30mb alguma luz? ja usei varios programa hp disk, testdisk, killdisk, sd formater entre outros, e windows e nenhum consegue, o programa que fez essa cagada foi o MiniTool Partition Wizard Home Edition, e agora pessoal? vou instalar linux ubuntu pra tentar formatar, o que vocês acham? o unico que da que esta protegido contra gravação é o sd formater, mais nao ta nao, ja desativei no regedit e na trava do cartao, E AGORA MEU POVO? tentar pelo linux????

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 4 semanas depois...
Se tem facilidade com o linux, o faça.

não resolvendo é o que falo aqui, teste em outro micro, e considere a possibilidade de trocar o cartão caso não dê certo.

att

Caro amigo comprei um pen de 32 gb e logo ao abrir percebí a falsificação. Ocorre que testando via h2testw já cheguei aos 13733 Mbytes e continua rolando. Será possível me indicar uma formatação ideal considerando que uso win 7. O detalhe é que o dispositivo e demasiado lento. Muito obrigado .

post-429318-13884963724463_thumb.png

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Caro amigo comprei um pen de 32 gb e logo ao abrir percebí a falsificação. Ocorre que testando via h2testw já cheguei aos 13733 Mbytes e continua rolando. Será possível me indicar uma formatação ideal considerando que uso win 7. O detalhe é que o dispositivo e demasiado lento. Muito obrigado .

O que quer não tem como implementar. Pois se já comprovou que é falsificado e leu o meu texto sobre falsificação vai entender porque "Não dá"

att

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • mês depois...

Boa tarde!

Primeiro, Parabens pelo trabalho que esta fazendo aqui! Ficou muito bom.

Tenho uma dúvida que esta me atormentando.

Fui instalar o windows em um notebook de uma amiga que tinha instalado nele o Mandriva/Linux.

Antes da instalação eu fiz um backup do disco de inicialização que o mandriva pediu em um penDrive meu.

Formatei o micro e instalei o windows sem problemas, mas agora meu pendrive de 8GB não abre em nenhum outro computador.

Ele faz o sinal de dispositivo reconhecido e aparece no meu computador mas quando vou abrir diz que é para inserir um disco na unidade(F).

O que pode estar acontecendo? e como resolvo isso?

Se poder me ajudar eu agradeço

Att.:

Marcm.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Boa tarde!

Primeiro, Parabens pelo trabalho que esta fazendo aqui! Ficou muito bom.

Tenho uma dúvida que esta me atormentando.

Fui instalar o windows em um notebook de uma amiga que tinha instalado nele o Mandriva/Linux.

Antes da instalação eu fiz um backup do disco de inicialização que o mandriva pediu em um penDrive meu.

Formatei o micro e instalei o windows sem problemas, mas agora meu pendrive de 8GB não abre em nenhum outro computador.

Ele faz o sinal de dispositivo reconhecido e aparece no meu computador mas quando vou abrir diz que é para inserir um disco na unidade(F).

O que pode estar acontecendo? e como resolvo isso?

Se poder me ajudar eu agradeço

Att.:

Marcm.

Quando a pessoa formata o micro com o pendrive espetado geralmente a partição está corrompida, formatando o dispositivo pelo sistema operacional, com ferramentas de terceiros, refazendo a partição são meios efetivos de se resolver a questão.

Todas as suas dúvidas estão comentadas aonde leu explicando o que pode ser feito, só testar com calma que vai resolver com certeza.

Grato pelas suas palavras de incentivo, e bem vindo(a) ao forum.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Olá, marcmira!

Primeiramente, quero parabenizá-lo pelo excelente trabalho aqui no fórum e aqui vai minha dúvida:

Tenho um computador com um Pentium Dual Core E2200 com 2GB de RAM com Windows 7 e ocorre que quando uso meu pendrive Cruzer 4GB da SanDisk ocorre uma lentidão enorme na abertura para visualização dos arquivos e isso é ainda pior quando uso meu modem 3G com cartão de memória de 4GB também da SanDisk classe 4, no qual chega quase a travar o Explorer no momento da abertura. Já verifiquei ambos e não há problemas relacionados a hardware em nenhum dos dois. O que me chama a atenção, inclusive, é que até meu celular tem problemas na conexão via USB, em qualquer uma das portas. Agora, um detalhe bastante relevante: tenho um hub de 7 portas da Bright e nem todas as portas estão todas ocupadas. Será que, indiretamente, o hub está provocando algum tipo de interferência nas portas?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • mês depois...

Olá, preciso mt de sua ajuda!

Tenho um sd d 8G e após pegar umas músicas com um amigo ele não abre mas em meu celular sempre q tento a informação q recebo é q tenho q formatá-lo porque ele está cheio. Tentei tb no computador e a situação piora porque o pc não reconhece, não aparece nada. Tenho umas fotos mt importantes nele, por favor me ajude!

Atenciosamente, Felipe Brayner.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Olá, preciso mt de sua ajuda!

Tenho um sd d 8G e após pegar umas músicas com um amigo ele não abre mas em meu celular sempre q tento a informação q recebo é q tenho q formatá-lo porque ele está cheio. Tentei tb no computador e a situação piora porque o pc não reconhece, não aparece nada. Tenho umas fotos mt importantes nele, por favor me ajude!

Atenciosamente, Felipe Brayner.

O que sugiro em boa parte dos casos é estender o teste com a memória flash avariada em outros micros, se possível com outro leitor (um celular, leitor de cartão), se reconhecer corretamente e aparecer os arquivos, salve o que precisa e depois formate o cartão para usar no seu celular.

Nunca vi esse tipo de erro de "formate pois está cheio" , mas como sistema operacional em celular dá erros variados, enfim.

O que pode fazer para resolver seu caso está no meu texto, você alega que não reconhece no micro, veja os primeiros parágrafos que comentam como fazer isso, uma ferramenta que ajuda em casos de partição da unidade flash corrompida se chama testdisk, ou chkdsk do windows, leia e faça seus testes.

Não formate o dispositivo para tentar rodar uma ferramenta de recuperação de dados, pode acabar dificultando o seu acesso e corromper tudo.

Se ver que está testando muita coisa e nada está resolvendo, aliando a infelicidade de dados importantes, procure um laboratório especialidado em recuperação de dados para reaver o que perdeu.

att e bem vindo(a) ao fórum

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom dia! Preciso urgentemente de uma ajuda.

Meu cartão de memória micro sd Multilaser 4gb está dando problemas. Bati umas fotos, e quando fui descarregar no note deu erro de sintaxe (nome/pasta inválida). Voltei o cartão pra câmera e só haviam 68 fotos, sendo que eu havia batido mais de 200.

Meu marido verificou nas pastas, pelo pc, e constam arquivos com 1 giga, totalizando uns 600 gb, sendo q o cartão é de 4gb. E as 68 fotos estão lá, dá pra vê-las, mas as outras não.

Alguém sabe o que está havendo?

Pois essas fotos são muito importantes, não posso perdê-las de jeito nenhum...

Aguardo alguma ajuda, se possível.

Muito obrigada

abs

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O que provavelmente aconteceu foi que corromperam os arquivos, não está claro se foi da câmera para o cartão, ou na transferência dos arquivos para o computador.

Pode tentar usar uma ferramenta de recuperação para testar se vem alguma coisa, cito nesse texto que leu o rstudio e o getdataback, pode não vir nada (essa possibilidade existe), se não vir nada, como enfatizou que as fotos são importantes, infelizmente prepare-se para sondar um laboratório especializado em recuperação de dados, seu caso é complicado.

boa sorte e bem vindo(a)ao fórum

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O que provavelmente aconteceu foi que corromperam os arquivos, não está claro se foi da câmera para o cartão, ou na transferência dos arquivos para o computador.

Pode tentar usar uma ferramenta de recuperação para testar se vem alguma coisa, cito nesse texto que leu o rstudio e o getdataback, pode não vir nada (essa possibilidade existe), se não vir nada, como enfatizou que as fotos são importantes, infelizmente prepare-se para sondar um laboratório especializado em recuperação de dados, seu caso é complicado.

boa sorte e bem vindo(a)ao fórum

Muito obrigada pela ajuda, realmente o R-Studio funcionou!!!!!! Depois de rodar vários programas sem sucesso, esse foi o que me salvou, estou com as fotos recuperadas, todas mantiveram o seu tamanho.

Incrível!!!!

Muito obrigada mesmo pela ajuda!

abs

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • mês depois...

Ola,preciso muito dee ajuda de vocês. Comprei um tablet, e ao colocar o cartao de memoria micro sd, percebi que o tablet nao segura ele.ele sai do aparelho. Desta forma nao consigo baixar aplicativos e nem atualizar os programas. Para atualizar preciso inserir o cartao sd.Acho que o problema e na entrada do tablet pois o cartao esta em perfeitas condicoes.queria saber se etem concerto e se fica muito caro? Me ajudem por favor.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

eu tenho um cartao micro sd de 8g no meu telefone...

ele sempre reconheceu 8g.

mais depois que eu formatei ele,

so reconhece 4gb, eu tentei formatar de novo mais não adianta.

so aparece 4gb

Releia meu texto, tem sugestões de ferramentas para formatar ou reparticionar seu cartão e voltar a usar com a capacidade perdida, como por exemplo o sd formatter.

att e bem vindo(a) ao fórum

Ola,preciso muito dee ajuda de vocês. Comprei um tablet, e ao colocar o cartao de memoria micro sd, percebi que o tablet nao segura ele.ele sai do aparelho. Desta forma nao consigo baixar aplicativos e nem atualizar os programas. Para atualizar preciso inserir o cartao sd.Acho que o problema e na entrada do tablet pois o cartao esta em perfeitas condicoes.queria saber se etem concerto e se fica muito caro? Me ajudem por favor.

Se o cartão não tem encaixe físico, melhor coisa que faz é procurar se informar com a loja aonde comprou se conhecem alguma assistência técnica para reparar o seu aparelho, como quebra galho pode usar um leitor de cartão na saída usb.

não tenho como responder quanto vai custar e se seriaq caro ou não, confira isso diretamente ao fazer seu orçamento.

att e bem vindo(a) ao fórum.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Olá Parabéns pelo tópico.

Meu problema é o seguinte:

Tenho um Xperia Play que utiliza um cartão de memória de 16Gb. Nunca tinha tirado ele do celular, apenas uma vez quando fui transferir mp3 para o computador de outra pessoa. Só que quando coloquei ele novamente no celular aparece a seguinte frase: O cartão SD já pode ser removido com segurança. E todos os arquivos, jogos pré instalados, músicas e etc.. estão inacessíveis. Usei um pendrive que lê cartão de memória no meu computador. E ele mostra que o meu cartão está vazio. Será que tem como recuperar?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Visitante
Este tópico está impedido de receber novas respostas.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Ebook grátis: Aprenda a ler resistores e capacitores!

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!