Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Fabio Passeti

Transformador queimando

Recommended Posts

Olá pessoal fico muito agradecido se alguém puder me ajudar pois já queimei um trafo de 350,00 e agora consegui dinheiro pra comprar outro pois o anterior já havia passado da garantia e eu nem tinha usado ele se usei 4 vezes foi muito e por cerca de uns 5 minutos em cada vez .

 

Agora consegui comprar outro e fiz uns testes aqui porém queimou também sorte que esta na garantia e amanhã vou trocar mas eu gostaria de saber se estou fazendo algo errado , se falta alguma coisa ou o trafo é ruim .

 

O que eu quero fazer :

 

Fiz uma maquininha para fazer quadros pequenos de acrílico , ela usa Fio de Níquel Cromo de 1mm cerca de 1,30M de comprimento , um Dimmer de 1500W 220V , um Amperímetro que mede até 50A e um Transformador que recebe 220V e passa para 50V com 50A .

Ligação :
 

Liguei a rede 220V no Dimmer , do Dimmer foi para o Transformador na parte dos 220V , a onde saí 50V com 50A do Transformador liguei no Amperímetro pra ir verificando a Corrente que estava saíndo do Trafo e em seguida para o fio de Níquel cromo com 1,3M .

 

Outra forma de mostrar a Ligação :

 

REDE 220V ---> DIMMER 220V/1500W ---> ENTRADA TRAFO ---> SAÍDA TRAFO ---> AMPERÍMETRO ---> FIONÍQUEL

                                                                                 220V                     50V / 50A             MEDE ATÉ 50A          CROMO                    

O que acontece :
 

Ligo e tudo começa a funcionar normalmente o fio esquenta até 270°C normal até então já que ele aguenta até 1200°C , coloquei um Multímetro na saída do Transformador para ir acompanhando a Tensão que ia de 3V até 25V , a corrente ficava em torno de 30A até 35A no máximo , na saída do Trafo  pro fio de Níquel Cromo .
  Depois de uns 40 minutos começou a subir um cheiro forte de queimado a força deu uma caída rápida e eu ouvi um estalo alto , a força voltou ao normal mas o Trafo queimou , coloquei a mão nele e estava super quente , isso aconteceu igualzinho da última vez com o outro Trafo .

Agradeço muito quem puder me ajudar obrigado.

 


Fiz um pequeno desenho também mostrando a ligação .


dimmer_176_zps44540598.png

Editado por Tendou_Souji
Favor, não utilizar Títulos e/ou Textos inteiramente em caixa alta(maiúsculo)no Fórum. Obrigado!.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esse seu amperímetro mede corrente AC? O seu trafo é de center tap ou comum? por exemplo, 25+25V 50A? ou é somente uma saída de 50V 50A?

 

Assumindo que você ligou realmente a rede 220V na entrada 220V do trafo, me parece que você esta sobrecarregando este trafo, daí ele aguenta um tempo até a alta temperatura romper o isolamento dos fios e queimar o trafo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Fabio Passeti    1
  • Autor do tópico
  • Então , ai em cima eu acabei de postar um desenho da ligação que eu fiz , o meu Trafo entra 220V A.C e saí 50V A.C  com 50A assim disse o Rapaz que fez ele hoje  , agora não sei te dizer se meu amperímetro mede corrente A.C eu sei que ele está medindo aqui e funcionando  :P .

     

    center tap ou comum não sei dizer   :confused: .

     

    O que eu posso fazer pra não queimar ? tem alguma solução isso  ? Obrigado pela atenção . 

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Na saída do seu trafo tem dois fios ou três? Se puder postar fotos detalhadas do trafo e suas ligações talvez também ajude.

     

    Para determinar a corrente exigida pelo fio teríamos que saber qual sua resistência ôhmica do seu fio de níquel e a tensão de alimentação. Com seu multímetro talvez consiga medir essa resistência do fio.

     

    Uma coisa é certa, se o trafo esquentar de queimar a mão, pode desligar que esta sobrecarregado. Ele pode aquecer bastante, mas penso que não a ponto de queimar a mão... 

     

    Como eu testaria: Primeiro ligar o somente o trafo sem o fio de níquel, só o trafo em vazio e testar sua tensão na sua saída, se estiver correta ligar o fio de níquel a saída do trafo e imediatamente ler a tensão de saída do trafo. Neste cenário a tensão não deve cair muito, deve ficar muito próximo dos 50V medidos em vazio. Se cair demais é grande a chance de estar sobrecarregado.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Fabio Passeti    1
  • Autor do tópico
  • Na saída do seu trafo tem dois fios ou três? Se puder postar fotos detalhadas do trafo e suas ligações talvez também ajude.

     

    Para determinar a corrente exigida pelo fio teríamos que saber qual sua resistência ôhmica do seu fio de níquel e a tensão de alimentação. Com seu multímetro talvez consiga medir essa resistência do fio.

     

    Uma coisa é certa, se o trafo esquentar de queimar a mão, pode desligar que esta sobrecarregado. Ele pode aquecer bastante, mas penso que não a ponto de queimar a mão... 

     

    Como eu testaria: Primeiro ligar o somente o trafo sem o fio de níquel, só o trafo em vazio e testar sua tensão na sua saída, se estiver correta ligar o fio de níquel a saída do trafo e imediatamente ler a tensão de saída do trafo. Neste cenário a tensão não deve cair muito, deve ficar muito próximo dos 50V medidos em vazio. Se cair demais é grande a chance de estar sobrecarregado.

     

     

     

     

     

    Na saída do trafo são 2 Fios , a resistência ôhmica pelo multímetro está de 8 a 11 Ohms a tensão estava em torno de 30V no dimmer todo aberto .

    Aqui as fotos que consegui tirar :

     

    2014-06-21005243_zps6c2b24ef.jpg

     

     

    2014-06-21005451_zpsafffb330.jpg

     

     

    Vou pegar outro que está na garantia e fazer este teste vou ligar até sem o Dimmer pra ver se da diferença .

    Outra coisa aqui em casa tem a casa da minha prima só que as fiações são juntas então fica tipo 2 Chuveiros , 2 Geladeiras etc ... isso pode ter ocasionado a sobrecarga do transformador ?

    O estranho é que nessa ligação que eu estava fazendo a rede é ligada primeiro no Dimmer pra depois ir pro Trafo se fosse pra queimar ia queimar o Dimmer também né ? 

    Editado por Fabio Passeti

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Tem algo de estranho ai então pois se o fio de níquel tem resistência ôhmica de 8 ohms, mesmo ligando na tensão total de saída do trafo, 50V não deveria sobrecarregar o trafo, pois 50V / 8ohms = 6,25A. 6,25 Amper esta bem distante do máximo prometido pelo trafo (50A). Alguma coisa esta errada aí, você mesmo disse que o amperímetro marcava em torno de 30A, tem certeza que a resistência do fio é essa mesma? você mediu essa resistência com o fio desligado do trafo certo? 

     

    você disse: "a tensão estava em torno de 30V no dimmer todo aberto", você quer dizer que na saída do dimmer esta 30V, é isso? Eu quis dizer a tensão na saída do trafo em aberto, não do dimmer. Naquele teste que eu disse ali em cima, faça sem o dimmer, só com o trafo na rede.

     

    você diz 2 chuveiros e 2 geladeiras na mesma rede de 220V?! Neste caso não, quando digo sobrecarregar o trafo é puxar mais corrente do que ele pode fornecer. Neste caso puxar mais que 50A deste trafo, fazendo-o superaquecer e queimar. E não, o dimmer não necessariamente queimaria, depende do limite de cada um. 

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    victhor393    290

    Eu não acho que usar um dimmer na entrada de um transformador seja uma boa ideia. Talvez aí esteja seu problema, a forma de onda produzida pelo dimmer está fazendo o núcleo do transformador esquentar.

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    cesardelta1    449

    Eu não acho que usar um dimmer na entrada de um transformador seja uma boa ideia. Talvez aí esteja seu problema, a forma de onda produzida pelo dimmer está fazendo o núcleo do transformador esquentar.

    O @victhor393 disse tudo!

     

    O dimmer diminui a tensão, se diminuir a tensão na entrada do trafo, ele vai esquentar muito.

    O certo é colocar o dimmer na saida do trafo, creio que o fio com 1,30Mts não deve consumir uma corrente tão grande.

     

    Outra observação importante a ser feita é: se você ligou o trafo para 220v, a tomada tem que ser 220v, se ligar o trafo para 127v, a tomada tem que ser 127v.

    caso contrario o trafo queima mesmo.

    O dimmer é fabricado para no máximo 220V, mas você pode liga-lo em qualquer tensão a baixo dessa, só não pode a cima de 220V.

    Editado por cesardelta1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Fabio Passeti    1
  • Autor do tópico
  • O dimmer diminui a tensão, se diminuir a tensão na entrada do trafo, ele vai esquentar muito.

    O certo é colocar o dimmer na saida do trafo, creio que o fio com 1,30Mts não deve consumir uma corrente tão grande.

     

    Outra observação importante a ser feita é: se você ligou o trafo para 220v, a tomada tem que ser 220v, se ligar o trafo para 127v, a tomada tem que ser 127v.

    caso contrario o trafo queima mesmo.

    O dimmer é fabricado para no máximo 220V, mas você pode liga-lo em qualquer tensão a baixo dessa, só não pode a cima de 220V.

     

     

    Quando eu comprei o dimmer o rapaz da loja de resistências disse que se eu liga-se o dimmer em uma tensão que não fosse 220V ele não ia fazer efeito por isso liguei os 220V primeiro no Dimmer pra depois passar pro Trafo só que isso altera a tensão na entrada como vocês disseram .

    Aqui estão as 3 ligações possíveis que vi na internet e fiz um desenho de cada uma :

    1_zpsa99c7006.png

     

     

    2_zpsc6dabd26.png

     

     

    3_zpsc067ff4b.png

     

     

     

    O estranho é que neste artigo aqui :

    http://www.newtoncbraga.com.br/index.php/artigos/54-dicas/931-construa-um-variac.html

    Mostra o dimmer na entrada do trafo vou dar uma lida com calma .

     

    Achei outro aqui :

     

    http://forum.clubedohardware.com.br/topic/561774-dimmer-entrada-transfomador/

    Editado por Fabio Passeti

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Moley    16

    Tem certeza que esse ser trafo é para 50A? estou achando muito pequeno para uma tensão de 50V

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Fabio Passeti    1
  • Autor do tópico
  • bom disse o rapaz que fez que é 50A , terça-feira vou buscar o trafo pra fazer uns testes rápidos .

    Outra coisa , será que essa ligação tem que funcionar com D.C. indo da saída do trafo para o fio de Nicromo ?  ou o A.C é normal desta ligação ?

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    cesardelta1    449

    Cara, me perdoe, o dimmer pode sim ser usado na entrada.

    O trafo é um abaixador de tensão 1:4.4 então ele irá baixar a tensão proporcionalmente a entrada, e com a queda da tensão também ocorre a queda da corrente, sendo assim não haverá sobrecarga do secundário.

     

    O dimmer já é outro caso,  dependendo do tipo de fabricação dele, pode ser que não funcione bem em outra tensão.

     

    Veja se não tem mau contato nos polos do fio de NiCro, mau contatos em grandes cargas elevam a corrente.

     

    Também achei esse trafo muito pequeno para 50A

    Editado por cesardelta1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Fabio Passeti    1
  • Autor do tópico
  • O pior é que tem um Amperímetro ligado antes do fio de Nicromo pra medir a corrente constantemente e ela não passa dos 30A  senão o ponteiro dele ia travar no final ou queima-lo e ele não medir mais eu acho .

    Editado por Fabio Passeti

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Fabio Passeti    1
  • Autor do tópico
  • achei um vídeo , da pra ver o Trafo da máquina eu acho que essa ligação do vídeo está em A.C   e não   D.C  .


    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    cesardelta1    449

    você pode usar AC, como a carga é resistiva não há necessidade de retificar.

    Você também diz que a corrente chega a 30A, pra te ser sincero, me parece que esse seu trafo não tem mais que 15A, estimando pelo tamanho dele.

     

    Faça o seguinte teste:

     

    Ligue ele em vazio, sem carga nenhuma e meça a tensão com precisão, marque até os milivolts.

    Depois coloque uma carga de uns 15A e meça novamente a tensão, vá marcando em um papel para não esquecer.

    A carga pode ser uma resistencia de chuveiro dentro de um balde com agua

     

    Vá aumentando a carga até que a tensão caia em torno de 10% da tensão original em vazio.

     

    Quando a tensão cair 10%, você saberá que seu trafo suporta uma carga com essa corrente de pico.

     

    OBS: o trafo não pode trabalhar muito tempo desse jeito, ele tem que trabalhar no maximo  com uma queda de 2V a menos que sua tensão nominal e mesmo assim ele esquentará bastante.

    Editado por cesardelta1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Foi o exatamente o teste que eu tinha dito pra 

     

    você pode usar AC, como a carga é resistiva não há necessidade de retificar.

    Você também diz que a corrente chega a 30A, pra te ser sincero, me parece que esse seu trafo não tem mais que 15A, estimando pelo tamanho dele.

     

    Faça o seguinte teste:

     

    Ligue ele em vazio, sem carga nenhuma e meça a tensão com precisão, marque até os milivolts.

    Depois coloque uma carga de uns 15A e meça novamente a tensão, vá marcando em um papel para não esquecer.

    A carga pode ser uma resistencia de chuveiro dentro de um balde com agua

     

    Vá aumentando a carga até que a tensão caia em torno de 10% da tensão original em vazio.

     

    Quando a tensão cair 10%, você saberá que seu trafo suporta uma carga com essa corrente de pico.

     

    OBS: o trafo não pode trabalhar muito tempo desse jeito, ele tem que trabalhar no maximo  com uma queda de 2V a menos que sua tensão nominal e mesmo assim ele esquentará bastante.

     

     

    Este teste mesmo que eu já havia dito pra ele fazer, mas faça-o sem o dimmer somente o trafo e a carga, de modo a descobrir qual corrente este trafo suporta.

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    albert_emule    1.106

    O @victhor393 disse tudo!

     

    O dimmer diminui a tensão, se diminuir a tensão na entrada do trafo, ele vai esquentar muito.

    O certo é colocar o dimmer na saida do trafo, creio que o fio com 1,30Mts não deve consumir uma corrente tão grande.

     

    Outra observação importante a ser feita é: se você ligou o trafo para 220v, a tomada tem que ser 220v, se ligar o trafo para 127v, a tomada tem que ser 127v.

    caso contrario o trafo queima mesmo.

    O dimmer é fabricado para no máximo 220V, mas você pode liga-lo em qualquer tensão a baixo dessa, só não pode a cima de 220V.

     

     

    Me desculpe aí cara mais dimmer corta os semiciclos da senoide. Muitas vezes não de forma totalmente simétrica. Muitas vezes mais para um semi-ciclo do que para o outro. Isso faz o núcleo do trafo ficar sujeito a correntes DC, o que faz ele saturar por corrente de magnetização bastante elevada.

    Ao saturar a corrente na bobina se eleva muito e queima por não suportar a corrente.

     

    Outro fato é que Dimmer ao reduzir a tensão não mantem a forma da onda. Faz o corte da senoide no ângulo da fase. Isso cria inúmeras harmônicas. Só ajuda a saturar o trafo.

    Se der uma lida no que é Transformada de Fourier, verá que qualquer onda diferente de senoidal, só é diferente de senoidal pois é composta de muitas harmônicas.

    Onda sem harmônica é sempre senoidal pura.

     

    Outro fato é que amperímetros comuns não medem a corrente corretamente se a onda não for senoidal de onda pura.

    Vão apresentar erros que podem atingir 40% menos que a corrente real.

    Só um amperímetro TRUE RMS poderia medir corretamente a onda não senoidal, como é o caso da onda do dimmer que é composta de muitas harmônicas. 

    • Curtir 3

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    cesardelta1    449

    Me desculpe aí cara mais dimmer corta os semiciclos da senoide. Muitas vezes não de forma totalmente simétrica. Muitas vezes mais para um semi-ciclo do que para o outro. Isso faz o núcleo do trafo ficar sujeito a correntes DC, o que faz ele saturar por corrente de magnetização bastante elevada.

    Ao saturar a corrente na bobina se eleva muito e queima por não suportar a corrente.

     

    Eu imaginava que afetaria em algo, so nao sabia explicar como porque, e como nao achei nenhuma literatura, me atenho ao mais "logico"

     

     

     

    Outro fato é que Dimmer ao reduzir a tensão não mantem a forma da onda. Faz o corte da senoide no ângulo da fase. Isso cria inúmeras harmônicas. Só ajuda a saturar o trafo.

    Disso eu sabia, mas não imaginava que era tão danoso.

     

     

     

     

    Se der uma lida no que é Transformada de Fourier, verá que qualquer onda diferente de senoidal, só é diferente de senoidal pois é composta de muitas harmônicas.

    Onda sem harmônica é sempre senoidal pura.

     

     

    Isso eu não tinha ideia, vou ler a respeito.

     

     

    Amigo Albert, estou sempre aprendendo com você, obrigado pelas explicações.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    albert_emule    1.106

    Eu imaginava que afetaria em algo, so nao sabia explicar como porque, e como nao achei nenhuma literatura, me atenho ao mais "logico"

     

     

     

    Disso eu sabia, mas não imaginava que era tão danoso.

     

     

     

     

    Isso eu não tinha ideia, vou ler a respeito.

     

     

    Amigo Albert, estou sempre aprendendo com você, obrigado pelas explicações.

     

     

    Veja o resultado que a soma de duas formas de ondas harmônicas numa onda fundamental faz:

     

     

    mit-fastfouriertransformlg.jpg

    Onda do Dimmer com muitas harmônicas.

     

    art0071_05.jpg

    Veja o que ocorre com um motor de indução quando é alimentado com tensão contendo diversas harmônicas:

    2ª harmônica = 120Hz, duas vezes 60Hz

    3º harmônica = 180Hz  três vezes 60Hz e assim sucessivamente.....

    • Curtir 2

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    cesardelta1    449

    @albert_emule

     

    #Pergunta off topic#

    Isso me deixou pensando...

    No caso, esses dimmer's não são indicados para uso em motores CC, pois eles usam Triac?

    Seria indicado o uso de um PWM para controlar a rotação?

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    albert_emule    1.106

    Os dimmers com triac são indicificados para lâmpadas incandescentes e para motores universais.

    Motores de indução não. Certamente vai queimar rsrsrs por causa daquelas harmônicas.

    O motor universal não se importa com harmônicas, pois ele até funciona em DC. 

     

    Este tipo de dimmer com TRIAC ou SCR não funcionar em tensão DC. Logo não podem controlar motor DC.

    Para motores DC se usa PWM. 

    • Curtir 2

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Estava deixando a parte do dimmer junto ao trafo para o final pois eu sabia como ele funciona, ceifando os semi ciclos da senoide, criando uma onda distorcida para o trafo e portanto, fazendo o amperímetro não ler corretamente a corrente mas não estava 100% certo dos efeitos danosos dele ao trafo. O colega @albert_emule já nos instruiu esclarecendo também as minhas dúvidas, e portanto acredito que seja isso que esta queimado o trafo. Neste caso basta fazer o teste indicado anteriormente SEM o dimmer. Se tudo correr bem acrescente o amperímetro em um segundo teste e veja se agora ele medira certo a corrente.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Fabio Passeti    1
  • Autor do tópico
  • Obrigado pessoal todos muito inteligentes  :D !

     

    Vou fazer o seguinte , terça meu Trafo fica pronto ai vou liga-lo somente a rede 220V e deixa-lo por cerca de 2 a 3 horas ligado medindo a tensão na entrada e na saída .

     

    Após , vou ligar o Amperímetro e a carga(Fio Nicromo) e continuar acompanhando as tensões de entrada e saída junto com a medição do amperímetro .

     

    O único problema é que sem o Dimmer a coisa vai esquentar absurdamente  muito ai acho que só vai poder ficar ligado por cerca de 2 minutos apenas só pra medir a corrente .

    Assim está correto ? 

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×