Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Travamentos constantes - 10700k + RTX 2060


Posts recomendados

Uma boa noite a todos, 

 

No fim do ano passado montei um computador que suportasse jogos, o setup: 

Processador Intel Core i7-10700k 
Placa de Vídeo Nvidia Geforce RTX 2060 
Placa de vídeo Gigabyte B460M D2V 
SSD XPG Gammix S41 1 TB 
2 x Memoria RAM HyperX Fury 2666 MHz 8 GB 

 

Então, a máquina obtém, normalmente, bom desempenho nos jogos. Considero que seja um bom setup, tenho uma TV 4k e mesmo a rtx sendo uma placa de entrada das RTs, eu consigo fazer com que alguns jogos cheguem a 4k, mas tenho encontrado um problema bastante irritante.

 

Constantemente o jogo dá uma travada, não diria que é um stutter porque as vezes não é tão rápido e vai a 0 fps, ele cai de 60, 90, 120 fps para uns 20, 30 e fica assim por alguns segundos. Isso tende a acontecer com jogos onde muita coisa acontece rápido (Cyberpunk, Need for speed heat). Por ser uma placa-mãe B, mesmo com o processador K não faço overclocking. jogo sempre com o afterburner ligado e me incomoda o desempenho não ser constante alto e nem constante baixo, ele é sempre muito variável, com oscilações constantes no frame time.

 

Monitoro a temperatura da CPU e ela em altíssima carga chega a 80º C, GPU chega a 83 ºC, o que eu acho que são temperaturas ok. O que eu imagino é que ao subir a temperatura o desempenho caia de forma gradual, o que não acontece. 

A única coisa que consegui identificar é uma oscilação muito grande das frequências do processador. Ele tem um clock base de 3,8 GHz e tem turbo de 4,7 GHz (5,1 se fizer OC), porém nos momentos onde isso acontece, a frequência repentinamente cai para 797 MHz e volta depois de alguns segundos. O que poderia estar causando essa oscilação se as temperaturas estão estáveis? Uso uma coolerbox da Deepcool 120 mm² e mais 3 fans de 120 mm cada, totalizando 4 fans.

 

O sistema está no modo alto desempenho e a bios está toda no modo default. Agradeço desde já pela atenção.  

Adiciono aqui um vídeo do que acontece no cyberpunk, onde eu vario todas as configurações de gráficos e ainda assim continua acontecendo. anexo também prints do HWMonitor que mostra algumas informações.  

 

https://www.youtube.com/watch?v=gqbZfsuSAv0&ab_channel=IgorHenriqueGirão

WhatsApp Image 2021-04-05 at 22.57.55.jpeg

WhatsApp Image 2021-04-05 at 22.57.55 (1).jpeg

Link para o post
Compartilhar em outros sites
32 minutos atrás, Igor Girão disse:

Uma boa noite a todos, 

 

No fim do ano passado montei um computador que suportasse jogos, o setup: 

Processador Intel Core i7-10700k 
Placa de Vídeo Nvidia Geforce RTX 2060 
Placa de vídeo Gigabyte B460M D2V 
SSD XPG Gammix S41 1 TB 
2 x Memoria RAM HyperX Fury 2666 MHz 8 GB 

 

Faltou citar o item mais importante do setup.
Marca, modelo e potência da fonte.

 

32 minutos atrás, Igor Girão disse:

Ele tem um clock base de 3,8 GHz e tem turbo de 4,7 GHz (5,1 se fizer OC), porém nos momentos onde isso acontece, a frequência repentinamente cai para 797 MHz e volta depois de alguns segundos. O que poderia estar causando essa oscilação se as temperaturas estão estáveis? Uso uma coolerbox da Deepcool 120 mm² e mais 3 fans de 120 mm cada, totalizando 4 fans.

 

Famoso thermal throttling, recurso de segurança que faz com que o processador reduza a frequência afim de reduzir a demanda energética para conseguir manter-se operando.
No seu caso específico pelo mal dimensionamento da placa-mãe em relação ao processador utilizado.
Placa com apenas 4 fases para o VRM que não conta sequer com dissipação passiva nos mosfests da placa, modelos normalmente destinados a processadores de entrada como I3, no máximo i5 sem a sigla "K", se ainda for o caso de ter um gabinete mal refrigerado é receita para o fracasso.

É um componente muitas vezes negligenciado na hora da montagem do pc, mas é de extrema importância que seja bem dimensionado.

Vale lembrar também que processadores da linha "K" não são apenas liberados para overclock, mas também tem clock base e bost maior que suas respectivas versões normais, o que automaticamente gera maior demanda energética.

 

PS: Qual a marca e modelo do gabinete e quantas fans estão instaladas nele para refrigeração?


 

  • Curtir 3
Link para o post
Compartilhar em outros sites
15 minutos atrás, Igor Girão disse:

A única coisa que consegui identificar é uma oscilação muito grande das frequências do processador. Ele tem um clock base de 3,8 GHz e tem turbo de 4,7 GHz (5,1 se fizer OC), porém nos momentos onde isso acontece, a frequência repentinamente cai para 797 MHz e volta depois de alguns segundos. O que poderia estar causando essa oscilação se as temperaturas estão estáveis? Uso uma coolerbox da Deepcool 120 mm² e mais 3 fans de 120 mm cada, totalizando 4 fans.

Isso seria o VRM da placa-mãe, que é o circuito que alimenta o processador.. Convenhamos, no caso dessa placa-mãe, parece BEM simples e sem nenhuma refrigeração, pra um processador desse porte..

 

E aconteceria isso aí: o VRM esquenta a tal ponto que, ele precisa se resfriar e, pra isso, ele força uma queda no Vcore da CPU, o que corta a frequência.. O VRM esfria um pouco aliás, e tudo volta ao normal.. Repita o ciclo anterior várias vezes.. Sendo isso, cedo ou tarde, algo cede aí..

  • Curtir 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites
9 horas atrás, NIGHT FALL disse:

Faltou citar o item mais importante do setup.
Marca, modelo e potência da fonte.

é uma Corsair VS600 de 600 W

 

9 horas atrás, NIGHT FALL disse:

Famoso thermal throttling, recurso de segurança que faz com que o processador reduza a frequência afim de reduzir a demanda energética para conseguir manter-se operando.
No seu caso específico pelo mal dimensionamento da placa-mãe em relação ao processador utilizado.
Placa com apenas 4 fases para o VRM que não conta sequer com dissipação passiva nos mosfests da placa, modelos normalmente destinados a processadores de entrada como I3, no máximo i5 sem a sigla "K", se ainda for o caso de ter um gabinete mal refrigerado é receita para o fracasso.

É um componente muitas vezes negligenciado na hora da montagem do pc, mas é de extrema importância que seja bem dimensionado.

Vale lembrar também que processadores da linha "K" não são apenas liberados para overclock, mas também tem clock base e bost maior que suas respectivas versões normais, o que automaticamente gera maior demanda energética.

 

PS: Qual a marca e modelo do gabinete e quantas fans estão instaladas nele para refrigeração?

O Gabinete é um Aerocool Cylon RGB LED MID Tower ATX Preto (https://www.kabum.com.br/cgi-local/site/produtos/descricao_ofertas.cgi?codigo=94598&gclid=CjwKCAjwjbCDBhAwEiwAiudBy1RllILnhWDI0fqDfkYv5Sjh8kEnwURltkDNL87DV6XRe8MacplMdRoCHtsQAvD_BwE), instalado nele, além da cooler box, mais 3 fans. 2 na parte de baixo jogando o ar pra cima e uma atrás do coolerbox, puxando dele e jogando para fora do gabinete. 

 

Você saberia me indicar o upgrade mais barato para contornar a situação? Realmente agora fiquei preocupado até com a vida util do meu pc. Muito obrigado

9 horas atrás, RS Faria disse:

Isso seria o VRM da placa-mãe, que é o circuito que alimenta o processador.. Convenhamos, no caso dessa placa-mãe, parece BEM simples e sem nenhuma refrigeração, pra um processador desse porte..

 

E aconteceria isso aí: o VRM esquenta a tal ponto que, ele precisa se resfriar e, pra isso, ele força uma queda no Vcore da CPU, o que corta a frequência.. O VRM esfria um pouco aliás, e tudo volta ao normal.. Repita o ciclo anterior várias vezes.. Sendo isso, cedo ou tarde, algo cede aí..

Obrigado pela resposta! 

 

Vou repetir a pergunta feita para o night fall: Qual indicação de placa-mãe que contornaria o problema e não me faria gastar muito dinheiro? Não me importo muito com RGB ou mais conectividade do que o padrão 

Link para o post
Compartilhar em outros sites

cara

é a placa-mãe sim

pra um processador desse nível a Z490 creio eu que vai ser a única que vai aguentar esse bixo no máximo

 

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 horas atrás, Pepse disse:

cara

é a placa-mãe sim

pra um processador desse nível a Z490 creio eu que vai ser a única que vai aguentar esse bixo no máximo

https://www.kabum.com.br/produto/111820/placa-mãe-asus-tuf-gaming-z490-plus-wi-fi-intel-lga-1200-atx-ddr4?gclid=CjwKCAjwjbCDBhAwEiwAiudBy0HbGWOLtt_zbG8Wiw-voojkQ8UC75_eG87yAJwImOAPMjO024RuWRoCEYUQAvD_BwE 

 

Vocês acham que essa atende pra ter 0 problemas ao longo dos anos? 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, Igor Girão disse:

é uma Corsair VS600 de 600 W

 

A pergunta era apenas pra sanar qualquer dúvida relacionada a fonte.

 

5 horas atrás, Igor Girão disse:

O Gabinete é um Aerocool Cylon RGB LED MID Tower ATX Preto (https://www.kabum.com.br/cgi-local/site/produtos/descricao_ofertas.cgi?codigo=94598&gclid=CjwKCAjwjbCDBhAwEiwAiudBy1RllILnhWDI0fqDfkYv5Sjh8kEnwURltkDNL87DV6XRe8MacplMdRoCHtsQAvD_BwE), instalado nele, além da cooler box, mais 3 fans. 2 na parte de baixo jogando o ar pra cima e uma atrás do coolerbox, puxando dele e jogando para fora do gabinete. 

 

Esse gabinete é basicamente uma estufa, ele está basicamente cozinhando seu pc aos poucos.

As fans que estão na parte inferir do seu gabinete não tem a função de refrigerar todo o gabinete, mas sim de mas apenas os discos rígidos, até porque se notar a grade que fica abaixo deles é bem pequena.

Até mesmo seu M.2 está super aquecendo batendo picos de 63ºC.

Infelizmente a escolha de gabinete foi bem ruim.

 

5 horas atrás, Igor Girão disse:

Você saberia me indicar o upgrade mais barato para contornar a situação? Realmente agora fiquei preocupado até com a vida util do meu pc. Muito obrigado

Obrigado pela resposta! 

 

A solução mais em conta seria tentar colocar mais uma fan na parte frontal do gabinete pra ver se ela consegue inserir ar frio (Apesar de ser difícil pelo painel excessivamente restritivo).
E quanto ao VRM da placa-mãe, adicionar dissipação sobre os mosfests como o modelo abaixo.

 

https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1776552222-dissipador-de-vrm-para-placa-me-asus-prime-b450m-gaming-br-_JM

 

Porém isso seria uma tentativa de evitar o Thermal Trotling, mas não é garantido, pode ser que resolva, pode ser que não.
 

Se você optar em manter a placa-mãe, o ideal seria trocar o gabinete, pois como já citado, outros componentes do seu kit também estão sofrendo com altas temperaturas.

A solução definitiva e obviamente mais cara seria trocar ambos (placa-mãe e gabinete).

 

1 hora atrás, Igor Girão disse:

 

Sim, atenderia, porém como você não faz overclock não há necessidade de investir tanto em uma placa-mãe, uma B460 bem construída já resolve o problema em definitivo.

 

https://www.kabum.com.br/cgi-local/site/produtos/descricao_ofertas.cgi?codigo=114323

https://www.kabum.com.br/produto/114325/placa-m-e-msi-mag-b460m-mortar-intel-lga-1200-matx

 

Além da maior quantidade de fazes para o Vcore (12) contra apenas 4 da sua atual B460, existe dissipação ativa nos mosfets e a qualidade dos componentes é superior.

 

 

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, NIGHT FALL disse:

Esse gabinete é basicamente uma estufa, ele está basicamente cozinhando seu pc aos poucos.

As fans que estão na parte inferir do seu gabinete não tem a função de refrigerar todo o gabinete, mas sim de mas apenas os discos rígidos, até porque se notar a grade que fica abaixo deles é bem pequena.

Até mesmo seu M.2 está super aquecendo batendo picos de 63ºC.

Infelizmente a escolha de gabinete foi bem ruim.

Se eu trocar essas fans pra posição frontal, jogando pra trás, acha que pode melhorar? Ou até comprar mais fans pra isso. Quero que esse pc dure pelo menos uns 5 anos e acho que aquecimento pode ser um grande impeditivo. 

 

5 horas atrás, NIGHT FALL disse:

A solução mais em conta seria tentar colocar mais uma fan na parte frontal do gabinete pra ver se ela consegue inserir ar frio (Apesar de ser difícil pelo painel excessivamente restritivo).
E quanto ao VRM da placa-mãe, adicionar dissipação sobre os mosfests como o modelo abaixo.

 

https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1776552222-dissipador-de-vrm-para-placa-me-asus-prime-b450m-gaming-br-_JM

 

Porém isso seria uma tentativa de evitar o Thermal Trotling, mas não é garantido, pode ser que resolva, pode ser que não.
 

Se você optar em manter a placa-mãe, o ideal seria trocar o gabinete, pois como já citado, outros componentes do seu kit também estão sofrendo com altas temperaturas.

A solução definitiva e obviamente mais cara seria trocar ambos (placa-mãe e gabinete).

Acabei trocando a placa-mãe para uma z490, o modelo da ASUS mesmo que mandei, como as B460 estão por volta de 1000 reais e consegui essa por 1400, achei que valia a pena já ir um pouco além. Agradeço desde já por toda a ajuda, ao chegar, irei fazer os testes e ver se gerou o resultado esperado. Caso não, vou ver a questão do gabinete. 

 

 

Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Igor Girão

 

Eu acabei não respondendo mas, pra teste e validação, seria bom colocar uma fan apontada pro VRM da placa.. Ou um ventilador mesmo.. Se aumentar a circulação de ar ali, melhorar ou resolver o problema, poderia até ser um paliativo..

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Igor Girão disse:

Se eu trocar essas fans pra posição frontal, jogando pra trás, acha que pode melhorar? 

 

Na verdade o correto seria adicionar mais fans e não realoca-la. O problema é que o painel frontal é bem restritivo, pode ser que a adição de mais fans não tenha muito efeito, infelizmente a única forma de ter certeza é colocando e vendo o resultado.

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

troquei a placa pela Asus tuf z490, apesar de não ser topo de linha, possuía vrms suficientes para o meu uso, sem OC.

 

os travamentos pararam e fica minha dica pra quem for montar um pc: geralmente nos orientam a escolher placa-mãe só baseado no soquete e na frequencia das rams e nunca nos dizem o quanto ela pode causar throttling. 

 

Obrigado a todos que me ajudaram aqui. 

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
18 minutos atrás, Igor Girão disse:

troquei a placa pela Asus tuf z490, apesar de não ser topo de linha, possuía vrms suficientes para o meu uso, sem OC.

 

Placa bem preparada, são 12 fases para o Vcore contra apenas 4 da sua antiga, isso fora a qualidade dos componentes utilizados e o dissipador, não vai nem fazer esforço para empurrar seu i7.

 

22 minutos atrás, Igor Girão disse:

os travamentos pararam e fica minha dica pra quem for montar um pc: geralmente nos orientam a escolher placa-mãe só baseado no soquete e na frequencia das rams e nunca nos dizem o quanto ela pode causar throttling. 

 

Essa recomendação normalmente não é dada porque os próprios "profissionais" da área não sabem desse fator, pra muitos "placa-mãe é tudo a mesma coisa" e como você percebeu na prática, ela é de suma importância para o bom funcionamento do restante do kit.

 

Importante é sempre buscar informação antes de adquirir qualquer produto, isso evita dor de cabeça no futuro.

Abraço.

  • Amei 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisa ser um usuário para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Aprenda a ler resistores e capacitores

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!