Vídeo: como calcular a potência da fonte de alimentação

       
 39.896 Visualizações    Vídeos  
 18 comentários

Aprenda a calcular quantos watts seu computador consome para saber qual é a fonte de alimentação que você deverá comprar.

Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Nesse videotutorial mostramos como você pode calcular a potência necessária para a sua fonte de alimentação, para que você compre a fonte de alimentação ideal para a sua configuração.

Nota: nossos videotutoriais são Full HD, portanto você pode assistir em tela cheia com a maior qualidade possível; não se esqueça de modificar a configuração de resolução do vídeo clicando no ícone de engrenagem.

Editado por

Compartilhar

1 pessoa curtiu isso



Comentários de usuários


Olá, o link está direcionando para a página home do CdH. Onde localizo este vídeo?

 

Abraço!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Gabriel, eu acho que pra manter a fonte no sweet spot de eficiência não precisa ser muito mais que o que a calculadora informa pois é muito raro ficar com a máquina usando 100% da CPU e GPU a não ser que você esteja fazendo bitcoin mining. 

 

Além disso eu acho que essas calculadoras já estimam bem acima do real. Por exemplo, no meu caso essa calculador fala que eu preciso de uma fonte de 750W (5820K OC 4GHz+ e 2x GTX 970). Mas rodando Prime95 ao mesmo tempo que Uningine Heaven, o Corsair Link conectado na fonte (HX850i) fala que eu estou usando uns 450W. Ainda não consegui fazer passar de 500W de jeito nenhum. 

 

Na minha opinião, acho mais negócio investir em eficiência e qualidade da fonte do que potência extra. No meu caso, por exemplo, a fonte por ser muito eficiente, até 350W a ventoinha não é acionada, ou seja, na maior parte do tempo, a minha máquina é totalmente silenciosa.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Widelux realmente havia um erro, que acabei de corrigir, obrigado! Pode acessar agora que o vídeo está funcionando 100%!

 

@idlebot o problema que temos é que quando generalizamos sempre tem o diabo do usuário que é exceção reclamando... Para a maioria dos usuários "comuns" você tem razão, mas temos de dar uma recomendação mais genérica em nosso vídeo para alcançar também aqueles que estão montando PCs gamer e que vão jogar direto.

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Após calcular, me recomendaram usar 607w (sendo o mínimo de 557w). Uma evga de 600watts bronze 80p ja aguenta bem pessoal?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@idlebot

Mas considerando que a eficiência da fonte é maior em 50% da carga, faz sentido pega uma fonte com folga.

Sim, claro, mas o meu ponto é que na maior parte do tempo que o computador está ligado você não está usando nem 20% do máximo possível da máquina. Por exemplo, neste exato momento respondendo esse post, o Corsair Link está falando que eu estou usando 80W. Então, no meu caso a calculadora online fala que eu preciso de uma fonte de 750W, eu tenho uma fonte de 850W mas muito raramente eu estou no sweet spot de eficiência, ou seja usando entre 340W e 510W. Só jogando mesmo entro nesse range. A única justificativa mesmo (bem fraca, eu admito) é a do silencio na caso da minha fonte. :) E talvez a tranquilidade de saber que tem folga para ficar brincando com upgrades e overclock a vontade. 

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu uso critério de 20% a mais do recomendado na calculadora, pra mim. Uma config de 500W eu considero 600W. Até porque eu adiciono, tiro cooler, ás vezes tem 5 ou 6 HDs espetados no pc, tem upgrades, etc. Também acho uma fonte de 800W no segundo exemplo que deu 484W um exagero, mas sabe lá o que o cara vai fazer com sua config depois, ainda mais comprando uma Wisecase por exemplo rsrsrs que de boa não tem nada.

Editado por Math.Pi
2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Gabriel Torres

 

Obrigado pelo vídeo, pois em um outro tópico recentemente criado por um usuário do CdH eu mencionei que tinha calculado com os componentes dele, mas que não tinha entendido muito bem alguns campos, e parece que você "pegou no ar" esta necessidade/dificuldade que talvez não seria só a minha, ou já tinha engatilhado esse assunto e calhou a atender essas dúvidas. Com certeza ajudou bastante.

 

Abraço.

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Uma pena que a versão gratuita da calculadora não mostra a corrente recomendada em cada uma das linhas(3.3v, 12v, 5v, ,-12v,-5v )...

 

Faz anos que eu uso essa calculadora....

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Nesse vídeo o Ronaldo Buass entrevista um engenheiro de fontes da corsair, muito interessante... e nesse exato momento:

https://youtu.be/asy7acgeHpE?t=10m40s

Ele pergunta ao engenheiro se ele recomenda alguma calculadora de potencia sobre fontes... vale a pena conferir não somente esse trecho como o vídeo completo, onde eles abordam resumidamente o funcionamento de fontes.

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Widelux hehehe eu vi que era uma dúvida comum aqui no fórum, por isso fiz o vídeo. Obrigado pelos elogios.

 

@padreqdedo e pessoal

 

Eu conheço BEM o Jonny. Ele é meu amigo. Ele é quem me explicou como testar fontes e me vendeu o testador de fonte que temos. Podem assistir e confiar que o cara (Jon Gerow a.k.a. Jonny Guru) é fera. Ele é o dono do site http://www.jonnyguru.com

 

Abraços.

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Gostei muito do tutorial, já uso à algum tempo estas calculadoras mas sempre com um pezinho atrás, se estava fazendo tudo certinho, agora fico mais tranquilo...

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Widelux hehehe eu vi que era uma dúvida comum aqui no fórum, por isso fiz o vídeo. Obrigado pelos elogios.

 

@padreqdedo e pessoal

 

Eu conheço BEM o Jonny. Ele é meu amigo. Ele é quem me explicou como testar fontes e me vendeu o testador de fonte que temos. Podem assistir e confiar que o cara (Jon Gerow a.k.a. Jonny Guru) é fera. Ele é o dono do site http://www.jonnyguru.com

 

Abraços.

 

@Gabriel Torres Eu entendo perfeitamente que a opinião foi e é pessoal. Mas linkei o vídeo porque achei que poderia ser um complemento ao assunto do artigo, não querendo de forma alguma criticar sua escolha quanto a calculadora. ;)

Editado por padreqdedo
1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Acho muito difícil um PC estar até com 90% "a todo vapor" dependendo da configuração.
Exemplo... Eu tenho três HDs e um drive DVD+RW. Uso o 7 e o XP um em cada HD sobrando um HD só para jogos.
Numa configuração assim, não imagino como eu estaria com o drive de DVD rodando, os três HDs em uso, jogo aberto e etc...

O CPU, RAM, HD é o essencial. Uma pessoa com uma configuração 'popular' que basicamente se resume em CPU + 1 pente de RAM + 1 HD + 1 DVD+RW, assume-se que usa 100% de constância, entretanto, não ao mesmo tempo. A calculadora exibe o cálculo com base em TUDO rodando a "todo vapor". A pessoa teria que estuprar o PC pra conseguir essa proeza ou a menos que o PC dela seja usado para pesquisa de cálculos matemáticos de física quântica.... rsrsrs

Eu assumo que meu PC usa tudo no máximo à 75% alternadamente dependendo da demanda.

Editado por Yarkan

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Gabriel Torres Eu entendo perfeitamente que a opinião foi e é pessoal. Mas linkei o vídeo porque achei que poderia ser um complemento ao assunto do artigo, não querendo de forma alguma criticar sua escolha quanto a calculadora. ;)

 

Pode ficar sossegado que eu entendi perfeitamente bem o motivo: ele fala que existem calculadoras mas que ele pessoalmente prefere calcular na mão. Ambas técnicas são válidas, mas acho o uso de uma calculadora algo bem mais prático! :)

A calculadora exibe o cálculo com base em TUDO rodando a "todo vapor". 

 

Não é verdade. A calculadora por padrão vem configurada com uma carga de 90%, como explicado no vídeo. Mas entendo o que você quis dizer.

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu uso esse site tem pelo menos uns 7 anos, é muito bom..  Cheguei a ter licença de uso profissional até reparar que o uso livre também era ótimo e suficiente para o que se pretende. 

Como busco a demanda de pico de uma config eu suprimo a parte do capacitor aging pois a calculadora tem um vício de cálculo ***** ai.. Se não usares o capacitor aging ela te dará matematicamente o somatório das potências individuais de cada componente usado, sacados de uma base de dados, que é o realmente importante dessa calculadora. Soma todas as demandas individuais e multiplica pelos 90% do System Load, como deve ser e como esperamos que seja..

 

A resultante é realmente a demanda estimada de pico de sua config e não haverá de mudar por nada se não mudares os componentes ou aplicares OC, por exemplo..

 

Note agora que se usares 10% de aging ela, a calculadora, multiplicará a demanda totalizada por 1,10, nos retornando uma demanda falsa, 10% maior.. Demanda nenhuma aumenta só pelo fato de que desejamos que nossa fonte dure mais...

Se colocarmos 30% de aging ela tomará a real demanda, tirada do somatório das demandas individuais e multiplicará por 1.3, dando uma demanda 30% maior.. Ora, até meu cachorro sabe que a demanda é única e imutável e não depende da idade da fonte ou de quanto ela vai durar..

 

O que agora eu faço com essa demanda de pico (sem aging por favor).. Agora eu, de modo conservador, na busca do potência alvo para a nova fonte, divido essa demanda de pico por 70% (0,70) para ter 30% de folga ou 75% (0,75) para se ter 25% de folga no dimensionamento da nova fonte..

 

Duas considerações:

- Essa calculadora e sua concepção datam de tempos remotos quando a imensa maioria das fontes nem tinham PFC ativo, eram de retificação normal...  Esse tipo de retificação estressa imensamente os capacitores de entrada a ponto de se ter de compensar com sobre potência na hora da compra para garantir a mesma potência após dois a três anos de operação...

Fontes com PFC ativo provêm uma retificação bem mais leve, suave, sem muito stress. Os capacitores envelhecem sim, perdem sua capacitância mas são enormemente poupados com fontes com PFC ativo. Não necessitam de tamanha compensação..

 

- Os 25 a 30% de folga na hora do cálculo da capacidade da nova fonte são capazes de compensar essa perda bem menor na capacitância dos eletrolíticos da fonte, sem nenhum problema..

 

Portanto é um conselho que dou, esqueçam o aging e terão melhores dados de demanda e melhor dimensionamento da fonte...  E notem, essas afirmativas que faço são baseadas em muitas e muitas montagens e dimensionamento de fontes todas aferidas em suas demandas de pico com uso de dois medidores de potência que uso, o Kill-a-Watt e o JNX-2000..

 

No mais parabéns ai amigo GT por mais essa imensa colaboração ao pessoal do fórum...

4 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu é quem agradeço mestre @faller por explicar essa história do "envelhecimento dos capacitores" que tem na calculadora, pois eu realmente não havia entendido completamente como entrava na conta, e você explicou magnificamente... Abraços e mais uma vez, obrigado por toda a sua ajuda.

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora