Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Teste da placa de vídeo ASUS ROG Strix GeForce RTX 2060 OC

       
 11.135 Visualizações    Testes  
 8 comentários

Testamos a ASUS ROG Strix GeForce RTX 2060 OC, uma das placas de vídeo mais topo de linha baseados no mais recente chip da NVIDIA. Confira!

Teste da placa de vídeo ASUS ROG Strix GeForce RTX 2060 OC
Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

Conclusões

Os modelos mais simples da GeForce RTX 2060 chegaram ao mercado trazendo, por um lado, um excelente desempenho para a faixa de placas de vídeo intermediário, mas por outro, preços mais salgados do que os consumidores esperavam para esta categoria.

A ASUS ROG Strix GeForce RTX 2060 OC, sob o ponto de vista de preço, é menos atrativa, por custar (nos EUA) cerca de 20% a mais do que os modelos básicos baseados no mesmo chip.

Obviamente, nossos testes mostraram que ela é mais rápida do que o modelo de referência (Founders Edition) em vários testes, chegando a ser 6% mais rápida em certos jogos. Isso se deve, claro, ao overclock de fábrica, além da excelente dissipação térmica. Segundo o programa HWMonitor, o seu clock chegou a um máximo de 1.980 MHz durante o uso; a Founders Edition, só para termos uma referência, chegou no máximo a 1.890 MHz. A temperatura máxima da ASUS ROG Strix GeForce RTX 2060 OC, também medido pelo HWMonitor, chegou a meros 66 graus Celsius, isso com a temperatura ambiente em 25 graus Celsius.

Mas o que realmente destaca a ASUS ROG Strix GeForce RTX 2060 OC é a sua robustez, afinal ela é praticamente a ROG Strix GeForce RTX 2070 OC com dois chips de memória a menos e o chip configurado como RTX 2060. Se a versão superior já era excelente em termos de projeto elétrico e de refrigeração, neste modelo (que tem TDP inferior), podemos dizer que há um superdimensionamento, o que, sem sombra de dúvida, torna este modelo perfeito para quem quer praticar overclock.

Assim, se você procura um modelo de GeForce RTX 2060 que seja simples e barato, esqueça a ASUS ROG Strix GeForce RTX 2060 OC: há outros modelos bem mais em conta. Porém, se quer uma placa com refrigeração de sobra para aguentar overclock ou simplesmente não se preocupar com aquecimento em situações mais extremas e de quebra quer controlar ventoinhas ou fitas RGB através da placa de vídeo, este é o modelo certo.

Editado por Rafael Coelho

Compartilhar

  • Curtir 4


  Denunciar Artigo

Artigos similares


Comentários de usuários


Interessante ver que a menos potente da série RTX já é overkill para jogos atuais, mostrando o quanto as placas estão evoluídas, ao contrário de alguns anos onde até a mais poderosa placa de vídeo era difícil acompanhar certos jogos específicos. Lembro na época que em Crysis 3 era necessário SLI de placa topo de linha para rodar no ultra.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
11 minutos atrás, Steeveantonichen disse:

Ótimo review @Rafael Coelho

Apenas uma correção: Os gráficos de Shadow of the Tomb Raider e de Rainbow Six Siege estão trocados!

Corrigido, obrigado!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Seria interessante usar o Afterburner/Riva Turner ao invés do fraps e também mostrar os 0.1% e 1% low destes testes.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
2 minutos atrás, le007 disse:

Seria interessante usar o Afterburner/Riva Turner ao invés do fraps e também mostrar os 0.1% e 1% low destes testes.

É verdade, ainda estamos estudando como trocar nossa metodologia.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Excelente artigo.

 

Mas acho que seria legal vermos testes também em resoluções 4K. Eu tenho uma TV 4k e gostaria muito de saber qual o rendimento de uma vga dessas. Pois tenho uma 1060 de 6gb e me interessei quando fiquei sabendo do lançamento dessa 2060. Mas fico com pé atrás de comprar e não ter um rendimento legal em 4k.

 

Parabéns e obrigado.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
52 minutos atrás, Rodrigo Gomes do Nasciment disse:

Excelente artigo.

 

Mas acho que seria legal vermos testes também em resoluções 4K. Eu tenho uma TV 4k e gostaria muito de saber qual o rendimento de uma vga dessas. Pois tenho uma 1060 de 6gb e me interessei quando fiquei sabendo do lançamento dessa 2060. Mas fico com pé atrás de comprar e não ter um rendimento legal em 4k.

 

Parabéns e obrigado.

Até agora, nós rodamos os testes de placas de vídeo topo de linha em Full HD e 4K, e básicas/intermediárias apenas em Full HD pois elas não são destinadas a resoluções mais altas. Mas vamos repensar isso nos próximos testes.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pena que está cara demais! E as outras 2060 de entrada disponibilizadas no Brasil parecem ser feitas totalmente de plástico. Esta geração "mid range" encareceu muito e possui baixa construção no geral.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×