Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Elias Augusto Farias

Circuito PWM com sensor LM35 e LM555

Posts recomendados

Bom dia galera, gostaria de umas dicas sobre um circuito que estou montando. Tenho um circuito simples para geração de um sinal PWM, e o duty cycle dele é variado pelo resistor. Bem, estou tentando fazer a variação dele pela resposta da temperatura do LM35, provavelmente terei que fazer um comparador de tensão ou um AOP, pois como a temperatura pode variar pouco, o duty cycle não vai mexer muito na saida, isso ainda estou vendo, mas o problema atual é conectar o LM35 junto com o LM555, para que ele gere o sinal PWM na saida a partir da reação do LM35. Já tentei algumas formas, olhei datasheet, mas não deu certo. Peço que não mandei fazer usando Arduino kkkkkk, pois esse projeto é para realizar uma comparação entre os dois métodos(Arduino e Protoboard). Ficou muito grato se alguém puder me dar uma luz. Obrigado :) .

ciruito.PNG

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Com o 555 complica um pouco porque tem que variar a resistência em cada lado do diodo. 

Uma ideia meia boca seria substituir o potenciômetro por transistores e ligar na saída do operacional. 

Eu já faria diferente, iria descartar o 555 e usaria somente os amplificadores operacionais. Com um LM324 se faz o Pwm e a amplificação da tensão do LM35 pra corresponder a faixa de tensão que você deseja. 

O circuito com AmpOp consiste de um oscilador dente de serra ou triangular, um comparador de tensão e um amplificador de ganho. 

Ideia meio semelhante aos amplificadores classe D. 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
17 minutos atrás, Renato.88 disse:

oscilador dente de serra ou triangular, um comparador de tensão

images?q=tbn:ANd9GcSS98Fl72FvoPV9JKno7xbprefiro dente de serra.

 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa tarde pessoal. Agradeço as dicas. Pena que não estou conseguindo simular, fiz vários exemplos no Proteus, mas mostrava erro de modelo, então habilitei uma opção lá que tirava esse erro(encontrei no Google), mas mesmo assim não dava nem tensão de saída.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Usando o pino 5 do CI555 como pino modulante do PWM.

 

Precisa fazer um astável com um 555 na frequência do PWM. Esse sinal vai disparar um segundo 555 na configuração mono-estável. Esse sim vai ter o pino 5 modulado pelo sinal do LM35.

Mas como o sinal do LM35 fornece 10mV/ºC, em 100º de variação, o sinal de saída do LM35 só vai variar 10mv/ºC x 100ºC = 1000 mV, ou 1,0 volt. Este valor é pequeno frente ao necessário para modular todo o PWM. O delta (Ton/T) só vai modular uma pequena parte dele. Vai precisar amplificar o sinal do LM35. Pior ainda. O sinal na entrada do pino 5 do 2º 555 possui níveis de atuação, que não começam em 0 volt. Então vai precisar somar um valor de tensão constante no sinal do LM35.

Parou por aí? Nããão!!! 

O delta (Ton/T) não vai variar desde 0 até 100%, pois este pino modulante (5) não foi projetado para tal.

 

Conclusão:

Esqueça este circuito com 555. Use, por exemplo, um CI TL494, que já te fornece um PWM interno e outras coisas mais.

Provavelmente, na saída do LM35, ainda será necessário um ganho e um sinal cc somado a ele mas isso aí é um pouco fácil, porque o TL494 também possui dois amplificadores operacionais cujas saídas atuam diretamente e integralmente no delta (Ton/T) do PWM. E a saída ainda tem um drive de alguma potência.

 

Quase todas as fontes de PC possuem um CI TL494, ou seu equivalente (algo como qualquer coisa 500), que é compatível pino a pino com o TL494.

 

MOR_AL

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!