Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste dos Processadores Athlon II X4 635 e Phenom II X2 555

       
 189.934 Visualizações    Testes  
 35 comentários

Vamos ver o desempenho dos novos processadores Athlon II X4 635 (2,9 GHz) e Phenom II X2 555 (3,2 GHz) da AMD.

Teste dos Processadores Athlon II X4 635 e Phenom II X2 555
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

Hoje nós analisaremos o desempenho de dois novos processadores da AMD, o Athlon II X4 635 (2,9 GHz) e o Phenom II X2 555 (3,2 GHz), e compará-lo-emos a outros modelos da AMD e concorrentes da Intel.

Na linha de produtos da AMD a nomenclatura “X2” significa que o processador tem dois núcleos de processamento, a nomenclatura “X3” significa que o processador tem três núcleos de processamento e a nomenclatura “X4” significa que o processador tem quatro núcleos de processamento.

A principal diferença entre o Athlon II e o Phenom II é a presença de um cache de memória L3 neste último, o que faz com que o seu desempenho seja maior do que o Athlon II de mesmo clock e com a mesma quantidade de núcleos de processamento. Tanto o Athlon II quanto o Phenom II são processadores soquete AM3, o que significa que eles podem ser instalados em placas-mães soquete AM2+ ou soquete AM3, dependendo se você for instalar memórias DDR2 ou DDR3, respectivamente.

O novo Phenom II X2 555 (3,2 GHz) vem com um preço bastante atrativo de US$ 99 (nos EUA) para um processador com esta frequencia de operação. Na verdade ele custa exatamente a mesma coisa do Athlon II X4 620 (2,6 GHz), um processador que já testamos e provou oferecer uma boa relação custo/benefício. Portanto nós compararemos esses dois processadores para responder à seguinte questão: já que os dois processadores custam a mesma coisa, qual deles é o melhor? O processador com clock maior e um cache de memória L3, mas com apenas dois núcleos, ou o processador sem cache de memória L3 e clock menor, mas com quatro núcleos de processamento?

Como concorrente para esses dois processadores nós escolhemos o Pentium E6300, que custa nos EUA US$ 80. Como placas-mães para processadores Intel são tradicionalmente mais caras do que as placas-mães para processadores AMD e a diferença de preço entre as placas-mães que usamos no teste era de exatamente US$ 20, nós acabamos com sistemas com exatamente o mesmo preço.

Frequentemente nós vemos outros sites publicarem comparações equivocadas. Por exemplo, teste de processadores com preços diferentes (por exemplo, comparando esses processadores da AMD com os modelos Core i3 ou Core i5 da Intel). Mesmo quando você compara processadores com a mesma faixa de preço a comparação é equivocada, já que você tem que incluir o custo da placa-mãe na equação, pois você deve comparar o preço do sistema como um todo e não apenas o preço individual do processador.

O segundo processador da AMD que testaremos é o Athlon II X4 635 (2,9 GHz), que é vendido por um preço maior (US$ 126, nos EUA). A Intel não tem um competidor “exato” para este processador, por isso nós decidimos escolher como o seu concorrente o Core 2 Duo E7500 (2,93 GHz), que custa em torno de US$ 116, nos EUA. Esta comparação deve ser realmente interessante porque ambos os processadores trabalham com praticamente o mesmo clock, mas o processador da AMD tem como vantagem o fato de ter quatro núcleos de processamento, enquanto que o processador da Intel tem como vantagem o fato de ter instruções SSE4.

AMD está recomendando a instalação desses processadores em placas-mães com vídeo integrado baseadas no chipset AMD785G. Por essa razão nós tivemos de escolher uma placa-mãe com vídeo integrado para a plataforma Intel (Intel G45). Claro que vários usuários instalarão os processadores que selecionamos para este teste em micros sem vídeo on-board. Por isso conduziremos dois testes com cada processador: primeiro com o vídeo on-board e depois com uma GeForce 9600 GT instalada.

Antes de irmos para os resultados, vamos comparar as principais especificações dos processadores incluídos neste teste.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Artigos similares


Comentários de usuários




Na minha opiniao deveria receber o selo recomendado, pois é um otimo processador, consome pouco, pois a tecnologia da amd Cool and quit mantem o processador bem fresco e com consumo modera.

O que complica aqui no Brasil, e a falta da compreensao das montadoras de computadores em manterem a mentalidade em sempre oferecer soluçoes somente Intel.

Isso faz passa em sacanagem, pois deixa o cliente sem opção de compra.

Vejo a Via com o C7 ficando disisperado para nao se quebrar frente a esse mercado de enganaçao ao cliente.

" voce deve tar se perguntando o que o C7 da via tem haver nessa historia"

Ele é muito mais muito superior ao ATOM da Intel, possui preço atrativo, ate o ponto que a intel venha a oferecer venda casada com o seu chipset e acabe com o preço.

Queria ver um processador desse naipe num micro da Positivo.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

"enquanto que o processador da Intel tem como vantagem o fato de ter um cache de memória L3 e instruções SSE4."

Os Core 2 Duo não tem cache L3,tem?

Gosto muito desses Athlons to doido pra acabar de juntar dinheiro pra acabar de montar meu computador com AMD,será que eles não chegam com um preço bom aqui no Brasil :P

Editado por _Chief_

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Dá para entender perfeitamente porque as montadoras de microcomputadores "populares" não usam plataforma AMD...$$$$$...

Os Core 2 Duo não possuem L3.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Viva a concorrência que a AMD continue trazendo bons processadores para igualar essa briga.

Bem detalhado o teste muito bom.

falou ae.PANAO.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
"enquanto que o processador da Intel tem como vantagem o fato de ter um cache de memória L3 e instruções SSE4."

Os Core 2 Duo não tem cache L3,tem?

Ops. Erro grosseiro, corrigido, obrigado por avisar!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Só acho que comparar processadores recém lançados com os que já se encontram no mercado há algum tempo é injusto. Tipo, a AMD teve tempoo de reparar possíveis falhas na engenharia e arquitetura do processador, fazendo com que, comparado a versões antigas da intel, seus processadores tivessem melhor desempenho.

Mas, meus parabéns à AMD pelos processadores, e ao CDH pelo teste.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom o teste está ótimo!

Fontes, coolers, gabinetes entre outros teste estão muito bons, mas estou sentido falta de teste das placas de video e dos cooler para elas também.

Não vejo a hora de terminar o up do meu pc acredito que os ultimos itens serão processador e placa mãe. ( Um amd deste já tava de bom tamanho).

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom, a AMD tá vindo com os Athlons e Phenoms novos, a intel, com o i3. Nos próximos meses (e anos) será uma boa briga. É bom ver a AMD voltar a cena com ótimos processadores. O monopólio da Intel já estava ficando chato. Como, ao contrário dos fanboys, a maioria dos usuários quer mesmo é boas soluções, espero que a AMD volte a crescer consideravelmente.

Parabéns ao CHD pelo excelente teste!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Outro excelente teste, mas ficou uma dúvida, apesar de ser lol end estes processadores vocês da equipe do CDH poderiam ter colocado o CoreI3 no teste, mesmo que seja o mais simples, e nos processadores AMD colocado uma placa de vídeo que se equiparace ao do CoreI3 para ver o desempenho em jogos e em outro aplicativos para ver seus reais desempenhos, lembrando que o CoreI3 veio com a "intenção" de ser um processador popular.

Abraços :cool:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bem interessante os modelos comparados (45nm), senti falta de um i3 530 ou Pentium G6950 que tem praticamente o mesmo preço.

Um software pra tratamento de imagem tão velho conhecido ainda continua tão clock maniaco.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom teste, a escolha do win 7 foi perfeita, ele é o melhor termometro para se medir a performance deste procesadores.

Quando se fala low end, depende da aplicação, pois percebe-se por ex, que para jogos o PH X2 estaria de bom tamanho, bem como os athlons X4, alias com um bom over eles chegariam bem proximos de processadres mais caros ....

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Realmente, os atuais são poucos, mas os que estão vindo de agora em diante usam multi-core numa boa.

Gostei do teste, muito bem elaborado, o pessoal está cada vez melhor!!!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Esses OEMs nacionais são todos uns safhados sem excessões.

porque os maiores deles Positivo/Novadata/Kennex e vários outros não usam soluções da AMD?

Porque O Brasil é o País perfeito para os monopolios...

Que diga a Intel com seus Atom IGPs e chipset embutidos

Agora que enfiaram um igp no mesmo die os famosos descontinhos fazem a festa.

Eu fico indignado com isso, Ver a AMD que tem um excelente produto melhor e mais barato, que nas prateleiras das lojas não existem.

E não existe porque os fabricantes nacionais são todos pau-mandado da Intel.

E o nosso governo que deixa fonte sucateada do primeiro mundo entrar aqui sem restrição nada faz.

cade a concorrência? Não somos um país democrata?

Todos não temos direitos iguais.

Não defendo empresas defendo o meu direito de ter acesso ao produto seja ele de qual marca for.

O que isso implica no desenvolvimento de um cidadão?

Simples, ganhe dinheiro a qualquer custa e dane-se os outros,

pois é so isso que interessa.

Um cidadão que hoje se chama EMPRESÁRIO BRASILEIRO.

desabafo off.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É claro que é uma loteria, mas vocês poderiam ter ligado o ACC desta mother biostar e liberado os núcleos escondidos destes athlons e phenons e adicionado no teste so pra gente ter uma ideia...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Gostei muito do teste no setor de baixo e médio desempenho à AMD dá um caldo na Intel e seu monopólio. Vocês poderiam ter colocado o Core i3 e o Pentium G pois esses processadores estão na faixa de 300 à 400 reais o que é a mesma dos Atlhons II X4 e Phenon II X2.

Os jogos já estão otimizados para vários núcleos tanto é que em outros sites o Althon II X4 ganhou do Phenon II X2 e do Core i3, vocês poderia trocar o Half-life e Fallout 3 por jogos atuais como Dirt 2 (DX11), Left for Dead 2 (DX10.1) e Batman Asylum Arkahan (DX10.1).

Eu considero o Althon II X4 e o Phenon II X2 processadores de médio desempenho (para os americanizados mid-low) mais na boa se eu tivesse grana para montar um PC eu levaria o Atlhon II X4 pelo excelente custo x beneficio.

O Monopolio da Intel domina quase todo o mercado brasileiro um exemplo são os computadores mais baratos da Positivo,Dell,CCE,Intelbras etc que usam o Celeron 450 2.2Ghz e não o Sempron 140 2.7Ghz que custa 40 reais à menos.

A Falta das Intruções SSE 4.1 e 4.2 é problema para os processadores da AMD eu gostaria de saber porque à Intel ainda não liberou essas instruções para a AMD pelo menos à 4.1 que é mais antiga. AMD esta desenvolvendo à SSE5 que terá mais de 170 instruções mais será aplicado nos Bulldozer (sucessor do K10).

Editado por needphael

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Faltou testar os jogos com outras resoluções, e tambem avaliar o gasto de energia, pra ver qual cpu é mais ecologicamente correta.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

acho que vocês estão exigindo demais, acredito que futuramente vai ser feito um teste mais preciso, alem de que isso leva tempo.

Infelizmente por aqui só consigo AMD em são paulo, em nenhum outro lugar acho, tem até i7 mas não consigo nem um misero X2.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

As lojas de varejo aqui no Brasil quase não vendem computadores com solução AMD. Uma pena! É só Intel, Intel, Intel, o cliente fica sem opção.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Para quem queria ver os Core I3 no páreo, lembrem que as mobos para eles são bem mais caras, o que tornaria a comparação desproporcional.

Como a faixa de mercado que mais vende é justamente esta dos processadores testados, fica claro quem tem o melhor produto: AMD::cool:.

Como colocado pelos colegas, realmente é uma sacanagem esses fabricantes brasileiros, e mesmo os lojistas que vendem peças avulsas nos privar da opção de escolha, ofertando somente produtos Intel, ridículo, mais um bônus que pagamos por sermos brasileiros...:mad:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Sou adepto da AMD, mais ja trabalhei no mercado de informatica em uma grande empresa da região de florianopolis, o maior muro que a AMD tem de derrubar é uma sina do consumidor leigo que "intel" é melhor, é algo que esta intrinsico no sub-consciente de muitos consumidores que não teem intimidade com informatica, alem de serem influenciados por vendedores que não sabem a diferença entre um processador e uma memoria ram, chegam a dizer que "celeron´s" são melhores que Athlon´s e phenons, o que faz com que o consumo destas marcas sejam maiores, falta uma propaganda da AMD em meios de comunicação, mais sejamos sinceros em 2007 o dinheiro investido em pesquisa pela intel era igual ao valor da companhia AMD, sera que a AMD tem recursos para fazer uma campanha de marketing para desbancar a INTEL? Nunca vi propaganda da AMD em revistas, ou tv. Mesmo assim estou super contente com meu Athlon x2 BE 7750.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Sempre gostei da AMD e sempre tive pcs com AMD e nunca tive problemas.

Mas, como dessa vez precisava de um pc com bom desempenho na conversão de vídeos, fui de core i7... não tem AMD com mesmo desempenho que ele pra converter vídeos. Fui muito feliz jogando com meu antigo Athlon XP 2400+, mas pra converter videos ele sempre foi lento.

Agora, concordo plenamente com o pessoal ai de cima que faltam essas grandes montadoras de pcs oferecem plataforma AMD, eles são bem mais baratos nessa faixa de pcs que essas empresas costumam trabalhar.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Gostei muito do teste no setor de baixo e médio desempenho à AMD dá um caldo na Intel e seu monopólio. Vocês poderiam ter colocado o Core i3 e o Pentium G pois esses processadores estão na faixa de 300 à 400 reais o que é a mesma dos Atlhons II X4 e Phenon II X2.

Os jogos já estão otimizados para vários núcleos tanto é que em outros sites o Althon II X4 ganhou do Phenon II X2 e do Core i3, vocês poderia trocar o Half-life e Fallout 3 por jogos atuais como Dirt 2 (DX11), Left for Dead 2 (DX10.1) e Batman Asylum Arkahan (DX10.1).

Eu considero o Althon II X4 e o Phenon II X2 processadores de médio desempenho (para os americanizados mid-low) mais na boa se eu tivesse grana para montar um PC eu levaria o Atlhon II X4 pelo excelente custo x beneficio.

O Monopolio da Intel domina quase todo o mercado brasileiro um exemplo são os computadores mais baratos da Positivo,Dell,CCE,Intelbras etc que usam o Celeron 450 2.2Ghz e não o Sempron 140 2.7Ghz que custa 40 reais à menos.

A Falta das Intruções SSE 4.1 e 4.2 é problema para os processadores da AMD eu gostaria de saber porque à Intel ainda não liberou essas instruções para a AMD pelo menos à 4.1 que é mais antiga. AMD esta desenvolvendo à SSE5 que terá mais de 170 instruções mais será aplicado nos Bulldozer (sucessor do K10).

eu li em algum site uma vez, uma resposta da intel sobre isso.......diziam que as instruções eram totalmente liberadas para que a AMD pudessem usa-las em seus processadores, porém nada fizeram!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×