Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
André Luiz 78

Chuveiro com disjuntor 50A

Recommended Posts

Bom dia!

Minha dúvida é a seguinte:

Minha rede é 110V e meu chuveiro é de 4600 watts e usa um disjuntor de 40A normal. Funciona pefeitamente bem.

 

Meu disjuntor principal ou geral, da casa, usa um disjuntor de 40A.

Acontece que estou querendo colocar um chuveiro um pouco mais potente que requer um disjuntor de 50A e gostaria de saber se devo trocar apenas o disjuntor do chuveiro atual de 40A pelo de 50A , sem trocar o disjuntor geral de 40A ou se devo trocar os 2 disjuntores colocando ambos de 50A ou do chuveiro de 50A e o geral de outra corrente maior de 50A ? Tem algum problema ou algum perigo ?

Lembrando que minha rede é 110 V.

 

Uma vez eu coloquei um de 50A apenas no geral e deixei o do chuveiro de 40A com o mesmo chuveiro e ele só aguentava alguns poucos minutos ligado e depois a energia da casa toda acabava pois o disjuntor geral desarmava.

Recoloquei o de 40A e tudo voltou ao normal, sem problemas.

.

Obs.: Sei que pra disjuntor de 50 é necessária fiação de 10mm.

 

Desde já agradeço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá amigo, primeira coisa, ao tentar mudar o chuveiro você tera que fazer um cálculo para saber qual vai ser o diâmetro do fio se o seu fio não tiver o diâmetro necessario não adianta você trocar apenas o disjuntor terá que trocar a afiação do chuveiro, e esse é o grande problema em usar 127V para chuveiro. Se os calculos do diâmetro do fio der certo mude apenas o disjuntor.

 

Obs: usar 127V para chuveiro acaba gastando mais em fiação apenas, ja que a afiação com diâmetro maior é mais caro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Se o disjuntor de 50 desarmava, e o de 40 não desarmava, isso significa duas coisas:

  • O disjuntor de 40 está com defeito, pois a corrente já está ultrapassando 50 A e ele não está atuando;
  • A corrente da casa toda já ultrapassa os 50 A, e você não está atentando para isso. O disjuntor geral deve ter uma folga de 30% da corrente real. ou seja, talvez o ideal seria um disjuntor de 100 A, e você está com um de 40 A defeituoso.  

Amigo, é altamente recomendado ter um projeto elétrico para este tipo de coisa, pois são muitos detalhes que as pessoas não levam em consideração.

 

O disjuntor geral é calculado em cima da demanda da casa toda. Então não dá pra afirmar com certeza qual a corrente ideal do disjuntor geral sem saber quais os equipamentos você tem em casa. E por mais que eu queira te ajudar, qualquer informação que te der será um mero "chute".

 

Ou seja, sem o cálculo de demanda, você terá que ficar experimentando disjuntores de amperagens diferente até achar um que não desarme toda hora...

 

Esta apostila ensina de forma sucinta como dimensionar corretamente sua instalação, tem poucas páginas e muitas figuras... sugiro dar uma lida: 

 

br.prysmiangroup.com/br/files/manual_instalacao.pdf

 

 

 

 

  •  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma curiosidade: qual o valor do disjuntor que está no relógio da concessionária? Me lembro vagamente que pra 127 era 50A no máximo. Na minha casa 220 é 60, tenho 3 chuveiros pedi pra aumentar mas a concessionária fdpmente não deixou e não quis trocar pra trifásico por ser zona urbana. Pra aumentar pra 100A só com trafo de a.t. próprio. ou algo assim.

No seu caso, veja 1º o disjuntor do seu padrão de luz pois não vai adiantar nada você aumentar dele pra frente. A não ser que seja gato

E claro, fiação exclusiva pro chuveiro

off-on-topic

Neste inverno quem tem chuveiro 110 sofre um pouco. Abre muito, água esfria, abre pouco, fica caçando os pingos.. aff. O ideal é ter um aquecedor solar mas muitos não tem acesso a isso.

Uma alternativa cuirosa é o tal chuveiro eficiente que faz a água recircular

trocador+de+calor+pra+chuveiro+ribeirao+

 

Outra, ainda é um conceito (meu) que consisten em ... segredo kk

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa tarde, galera!

Gostaria de agradecer a todos vocês pela força!

Coloquei um disjuntor de 50 pro chuveiro e está funcionando sem problemas.

Obrigado pela ajuda!


 

Se o disjuntor de 50 desarmava, e o de 40 não desarmava, isso significa duas coisas:

  • O disjuntor de 40 está com defeito, pois a corrente já está ultrapassando 50 A e ele não está atuando;
  • A corrente da casa toda já ultrapassa os 50 A, e você não está atentando para isso. O disjuntor geral deve ter uma folga de 30% da corrente real. ou seja, talvez o ideal seria um disjuntor de 100 A, e você está com um de 40 A defeituoso.  

Amigo, é altamente recomendado ter um projeto elétrico para este tipo de coisa, pois são muitos detalhes que as pessoas não levam em consideração.

 

O disjuntor geral é calculado em cima da demanda da casa toda. Então não dá pra afirmar com certeza qual a corrente ideal do disjuntor geral sem saber quais os equipamentos você tem em casa. E por mais que eu queira te ajudar, qualquer informação que te der será um mero "chute".

 

Ou seja, sem o cálculo de demanda, você terá que ficar experimentando disjuntores de amperagens diferente até achar um que não desarme toda hora...

 

Esta apostila ensina de forma sucinta como dimensionar corretamente sua instalação, tem poucas páginas e muitas figuras... sugiro dar uma lida: 

 

br.prysmiangroup.com/br/files/manual_instalacao.pdf

 

 

 

 

  •  

 

 

 

Olá amigo, primeira coisa, ao tentar mudar o chuveiro você tera que fazer um cálculo para saber qual vai ser o diâmetro do fio se o seu fio não tiver o diâmetro necessario não adianta você trocar apenas o disjuntor terá que trocar a afiação do chuveiro, e esse é o grande problema em usar 127V para chuveiro. Se os calculos do diâmetro do fio der certo mude apenas o disjuntor.

 

Obs: usar 127V para chuveiro acaba gastando mais em fiação apenas, ja que a afiação com diâmetro maior é mais caro.

 

 

Uma curiosidade: qual o valor do disjuntor que está no relógio da concessionária? Me lembro vagamente que pra 127 era 50A no máximo. Na minha casa 220 é 60, tenho 3 chuveiros pedi pra aumentar mas a concessionária fdpmente não deixou e não quis trocar pra trifásico por ser zona urbana. Pra aumentar pra 100A só com trafo de a.t. próprio. ou algo assim.

No seu caso, veja 1º o disjuntor do seu padrão de luz pois não vai adiantar nada você aumentar dele pra frente. A não ser que seja gato

E claro, fiação exclusiva pro chuveiro

off-on-topic

Neste inverno quem tem chuveiro 110 sofre um pouco. Abre muito, água esfria, abre pouco, fica caçando os pingos.. aff. O ideal é ter um aquecedor solar mas muitos não tem acesso a isso.

Uma alternativa cuirosa é o tal chuveiro eficiente que faz a água recircular

trocador+de+calor+pra+chuveiro+ribeirao+

 

Outra, ainda é um conceito (meu) que consisten em ... segredo kk

 

Boa tarde, galera!

 

Gostaria de agradecer a vocês 3 pela força!

Coloquei um disjuntor de 50 pro chuveiro e está funcionando sem problemas.

Obrigado pela ajuda!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa tarde, galera!

Gostaria de agradecer a todos vocês pela força!

Coloquei um disjuntor de 50 pro chuveiro e está funcionando sem problemas.

Obrigado pela ajuda!

 

 

 

 

 

Boa tarde, galera!

 

Gostaria de agradecer a vocês 3 pela força!

Coloquei um disjuntor de 50 pro chuveiro e está funcionando sem problemas.

Obrigado pela ajuda!

Se voce colocou um disjuntor de 50A para o chuveiro, mas manteve o geral com 40A e funciona bem, então o disjuntor de 50A nunca vai desarmar, a não ser que voce faça isso manualmente.

 

Se acontecer do disjuntor de 50A se auto-desarmar antes do disjuntor de 40A, um dos dois está com problema.

 

E, se ambos estiverem OK, o certo seria o de 50A estar na entrada e o de 40A no chuveiro.

 

Cuidado ao mexer com instalação elétrica sem ter conhecimentos de eletricidade, porque algum detalhe pode passar desapercebido e causar um acidente!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Se voce colocou um disjuntor de 50A para o chuveiro, mas manteve o geral com 40A e funciona bem, então o disjuntor de 50A nunca vai desarmar, a não ser que voce faça isso manualmente.

 

Se acontecer do disjuntor de 50A se auto-desarmar antes do disjuntor de 40A, um dos dois está com problema.

 

E, se ambos estiverem OK, o certo seria o de 50A estar na entrada e o de 40A no chuveiro.

 

Cuidado ao mexer com instalação elétrica sem ter conhecimentos de eletricidade, porque algum detalhe pode passar desapercebido e causar um acidente!

 

Até o momento nenhum dos 2 disjuntores desarmou

.

Já coloquei o de 50A como geral e o de 40A no chuveiro e o geral sempre desarmava após alguns minutos com o chuveiro ligado. Só voltou ao normal quando recoloquei o de 40A de volta no geral.

Isso faz algum tempo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eeeeeeepa, qual a marca dos dois? O de 40 é lorenzetti ou soprano?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aí é que está: um dos dois disjuntores deve estar com defeito, pois, pela lógica, deveria ser o contrário, salvo alguma condição especial, como exemplifico a seguir:

Digamos que o seu chuveiro puxe 39 A da rede. O disjuntor de 40 A está "aguentando". Aí, na hora que voce está tomando banho, alguém vai e liga o forno de micro-ondas, que puxa 12 A da rede. Seria normal o disjuntor de entrada desarmar, porque 39A + 12A = 51A e o disjuntor é de 50A. Até aí nenhuma novidade.

Agora, pense nos disjuntores trocados: voce está tomando banho, está passando 39 A no disjuntor geral e 39 A no disjuntor do circuito do chuveiro, porque ninguém está usando mais nenhum aparelho elétrico. Até aí está tudo ok.

Aí, alguém chega e liga o forno de micro-ondas. O total de consumo da residencia sobe para 52 A.

Como pode o disjuntor de 40A que você colocou na entrada, não desarmar?

Só se ele estiver com defeito.

Já o disjuntor de 50A do chuveiro não desarma nunca, porque o chuveiro só puxa 40 A.

Então, o que acontece?

O circuito principal fica desprotegido.

Quem garante que o disjuntor de 40A,que não desarmou com 52A, vai desarmar com 60 ou com com 100A?

Com certeza tem alguma coisa errada, pode até não ser exatamente no disjuntor de 40A.

Mas se voce testou os disjuntores trocados, nas mesmas condições, um dos dois não está atuando como deveria.

Ou o de 40A não está desarmando com 40A ou o de 50A está desarmando com menos de 40A.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eu citei marcas porque esses dois são "incaíveis"

Pasquale.jpg

 

Desculpa professor

 

MAs isso mesmo. essas duas marcas, em testes que fiz não desarmam nem que tu queiras. Por isso que aqui em casa uso só siemens e pial. não caem... no setor num outro apartamento que morei, trifásico, naquele setor (cozinha) tinha um disjuntor de 20A. eu larguei 30A, dentre forno, secador, torneira quente.... e caiu o geral e não o do setor, já viu né

 

Outra, os disjuntores não são apenas para sobrecorrente. Alguns casos, eles podem cair por surtos, e dizem, diiiiiizem (nunca presenciei) que os siemens caem até por calor nos condutores... sinceramente nunca presenciei, e dos "entendidos" nunca me confirmaram... então, não vou afirmar....

 

Dê uma checada aí.. o chuveiro tem uma potência, e por conseguinte, uma corrente. Essa corrente é de pico... o disjuntor deve ser preparado para esta corrente!

 

Outra coisa a verificar... esse "outro' disjuntor já desarmou algum dia? eu diria que ele é disjuntor no nome apenas...... porque nessa situação... se tu trocou 'de setor' naquele setor fez a função correta, e esse aí não.. o problema na verdade é bem outro e não o disjuntor que cai, que está fazendo seu serviço bem feito

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estranho. Aqui não posso ficar trocando disjuntor geral não.

Aqui em casa é bifasico e uma vez uma das fases estragou.

Tive que chamar a CEMIG para trocar. Acabou que comprei com eles mesmo um de 60A novo e cobraram na conta de luz.

O relógio aqui é lacrado. Por isso não posso abrir e trocar a bel prazer.

Falou

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas não é o disjuntor da entrada padrão, é o disjuntor geral do quadro de disjuntores, tem um geral e tem os disjuntores de cada circuito.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante

Amigos,

 

Para cada região do país há uma concessionária de energia, com regras especificas sobre o padrão de alimentação para baixa tensão residencial. Como regra geral, eles autorizam uma instalação nova baseada no consumo declarado pelo proprietário/morador. Portanto, ao adquirir novos equipamentos elétricos após isso, sejam da potência que forem, deve ser comunicado à concessionária, que em tese, avaliaria a nova carga e determinaria algum ajuste, caso fosse preciso. Via de regra, quando o consumo fica muito acima da primeira demanda declarada, o caminho correto é pedir aumento de carga, fato que implicará na reforma ou ajuste do padrão, dependendo dessa diferença. No caso do amigo @. algo muito errado e grave está acontecendo, pois o correto não está sendo feito. Como não conheço as regras da sua concessionária, citarei as daqui, porém, com tensão maior (220 V).

 

Nas regiões atendidas à 127 V, o DSJ começa em 50 A para monofásicas. Dependendo da carga, o ideal é pleitear bi ou trifásica. No caso do @, deveria pedir bi, fato que, aparentemente, forçaria a reforma do padrão, acrescentando um fio a mais e levando a possibilidade de utilizar-se de tensão maior (220 V), algo que resolveria seus problemas de fiação e DSJ (maior tensão, menor corrente, menor bitola de fios e cabos). Então, o certo a fazer, seria substituir os condutores, em particular o circuito do chuveiro, por cabos flexíveis de 10 mm² ou 16 mm² de sessão, com diâmetros idênticos ou maiores desde o padrão (conforme for o utilizado ou autorizado pela concessionaria) e utilizar-se de IDR ou DR, separadamente por circuito, com disjuntores bobinados com curva B, substituir a resistência do chuveiro por outra de 220 V (sim, dá para fazer, já que a corrente cairá) e desfrutar do chuveiro com segurança.

 

Bem, talvez a dica acima fique fora da expectativa do nobre amigo @, mas não dá para concordar com que fizestes. Esse jogo de troca de DSJ, que já está desarmando, significa que coisas piores podem ocorrer. O que põe fogo numa casa não é curto circuito, como geralmente afirmam os bombeiros, e sim, o superaquecimento inicial da fiação que incendeia materiais combustíveis ao redor (madeira, tinta, materiais secos inflamáveis, etc.), que após esse superaquecimento, derrete a isolação do fio/cabo, por conseguinte, fechando o famoso curto (que no final recebe a fama!) e levando à graves conseqüências.

 

Sr. @, chame um eletricista competente. Uma economia agora vai lhe trazer maiores custos no futuro, desde maior consumo de energia por perda térmica (fios/cabos aquecendo por mau dimensionamento) até casos graves de perda de equipamentos e outras tragédias. Reavalie suas instalações.

 

http://www.portaleletricista.com.br/chuveiro-eletrico/

http://professorpetry.com.br/Ensino/Repositorio/Docencia_UFSC/Materiais_EEL_7051/Experiencia01.pdf

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Amigos,

 

Para cada região do país há uma concessionária de energia, com regras especificas sobre o padrão de alimentação para baixa tensão residencial. Como regra geral, eles autorizam uma instalação nova baseada no consumo declarado pelo proprietário/morador. Portanto, ao adquirir novos equipamentos elétricos após isso, sejam da potência que forem, deve ser comunicado à concessionária, que em tese, avaliaria a nova carga e determinaria algum ajuste, caso fosse preciso. Via de regra, quando o consumo fica muito acima da primeira demanda declarada, o caminho correto é pedir aumento de carga, fato que implicará na reforma ou ajuste do padrão, dependendo dessa diferença. No caso do amigo @. algo muito errado e grave está acontecendo, pois o correto não está sendo feito. Como não conheço as regras da sua concessionária, citarei as daqui, porém, com tensão maior (220 V).

 

Nas regiões atendidas à 127 V, o DSJ começa em 50 A para monofásicas. Dependendo da carga, o ideal é pleitear bi ou trifásica. No caso do @, deveria pedir bi, fato que, aparentemente, forçaria a reforma do padrão, acrescentando um fio a mais e levando a possibilidade de utilizar-se de tensão maior (220 V), algo que resolveria seus problemas de fiação e DSJ (maior tensão, menor corrente, menor bitola de fios e cabos). Então, o certo a fazer, seria substituir os condutores, em particular o circuito do chuveiro, por cabos flexíveis de 10 mm² ou 16 mm² de sessão, com diâmetros idênticos ou maiores desde o padrão (conforme for o utilizado ou autorizado pela concessionaria) e utilizar-se de IDR ou DR, separadamente por circuito, com disjuntores bobinados com curva B, substituir a resistência do chuveiro por outra de 220 V (sim, dá para fazer, já que a corrente cairá) e desfrutar do chuveiro com segurança.

 

Bem, talvez a dica acima fique fora da expectativa do nobre amigo @, mas não dá para concordar com que fizestes. Esse jogo de troca de DSJ, que já está desarmando, significa que coisas piores podem ocorrer. O que põe fogo numa casa não é curto circuito, como geralmente afirmam os bombeiros, e sim, o superaquecimento inicial da fiação que incendeia materiais combustíveis ao redor (madeira, tinta, materiais secos inflamáveis, etc.), que após esse superaquecimento, derrete a isolação do fio/cabo, por conseguinte, fechando o famoso curto (que no final recebe a fama!) e levando à graves conseqüências.

 

Sr. @, chame um eletricista competente. Uma economia agora vai lhe trazer maiores custos no futuro, desde maior consumo de energia por perda térmica (fios/cabos aquecendo por mau dimensionamento) até casos graves de perda de equipamentos e outras tragédias. Reavalie suas instalações.

 

http://www.portaleletricista.com.br/chuveiro-eletrico/

http://professorpetry.com.br/Ensino/Repositorio/Docencia_UFSC/Materiais_EEL_7051/Experiencia01.pdf

Concordo em genero, numero e grau.

Já vi principios de incendio acontecerem e não foi por curto circuito, foi por aquecimento de fiação antiga e/ou subdimensionada e também pontos quentes gerados por mau contato em chaves, disjuntores vagabundos, gambiarras em fusíveis de entrada, etc.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eeeeeeepa, qual a marca dos dois? O de 40 é lorenzetti ou soprano?

 

O de 40A a marca era Lorenzetti a de 50A é uma marca desconhecida.

Pode ser que esteja acontecendo o que disseram, ou seja, algum dos disjuntores estarem com defeito.

A melhor coisa a fazer é chamar um eletricista mesmo!

 

Mais uma vez, agradeço à todos vocês pela ajuda, opinião, dicas e vídeos.

 

Obrigado à todos!

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aí é que está: um dos dois disjuntores deve estar com defeito, pois, pela lógica, deveria ser o contrário, salvo alguma condição especial, como exemplifico a seguir:

Digamos que o seu chuveiro puxe 39 A da rede. O disjuntor de 40 A está "aguentando". Aí, na hora que voce está tomando banho, alguém vai e liga o forno de micro-ondas, que puxa 12 A da rede. Seria normal o disjuntor de entrada desarmar, porque 39A + 12A = 51A e o disjuntor é de 50A. Até aí nenhuma novidade.

Agora, pense nos disjuntores trocados: voce está tomando banho, está passando 39 A no disjuntor geral e 39 A no disjuntor do circuito do chuveiro, porque ninguém está usando mais nenhum aparelho elétrico. Até aí está tudo ok.

Aí, alguém chega e liga o forno de micro-ondas. O total de consumo da residencia sobe para 52 A.

Como pode o disjuntor de 40A que você colocou na entrada, não desarmar?

Só se ele estiver com defeito.

Já o disjuntor de 50A do chuveiro não desarma nunca, porque o chuveiro só puxa 40 A.

Então, o que acontece?

O circuito principal fica desprotegido.

Quem garante que o disjuntor de 40A,que não desarmou com 52A, vai desarmar com 60 ou com com 100A?

Com certeza tem alguma coisa errada, pode até não ser exatamente no disjuntor de 40A.

Mas se voce testou os disjuntores trocados, nas mesmas condições, um dos dois não está atuando como deveria.

Ou o de 40A não está desarmando com 40A ou o de 50A está desarmando com menos de 40A.

Foi isso que eu tentei explicar... 

O de 40A provavelmente não desarma nunca...

Não sei a marca, mas tem um disjuntor preto bem baratinho que não desarma nem com um raio em cima dele... já vi motor torrar e esse disjuntor não desarmar.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Foi isso que eu tentei explicar... 

O de 40A provavelmente não desarma nunca...

Não sei a marca, mas tem um disjuntor preto bem baratinho que não desarma nem com um raio em cima dele... já vi motor torrar e esse disjuntor não desarmar.

É como eu falei antes: tem disjuntor que está mais para chave seca.

Coitado de quem compra essas porcarias, achando que vai proteger alguma coisa!

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estes dois que "nomeei" os bois eu lhes afirmo, não caem..... e tu fizer o teste tradicional, de bater ele na mão... cai... ou seja.. complementando o que o @Wal SJC falou, são chave seca, que caem só a "coice" mesmo.

 

off topic, pode ser coisa de lingua portuguesa.. o carinha que desenhou eles desenhou pra quando 'caisse um curto' neles... daí ele desarma!!! :P

 

A parte elétrica até esse setor não tem problemas @?  Foi revisada? porque o disjuntor pode estar te avisando de algo

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Interessante, ninguém perguntou qual a potência do chuveiro a ser instalado, todos preocupados com fiação, marcas, bitola de fio, disjuntor de entrada e proteção, e nem sabemos qual a características do chuveiro a ser instalado.

Por favor, nos diga qual a potência e tensão do sujeito.

Fica mais fácil de dimensionar a proteção, sem especulações.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Interessante, ninguém perguntou qual a potência do chuveiro a ser instalado, todos preocupados com fiação, marcas, bitola de fio, disjuntor de entrada e proteção, e nem sabemos qual a características do chuveiro a ser instalado.

Por favor, nos diga qual a potência e tensão do sujeito.

Fica mais fácil de dimensionar a proteção, sem especulações.

voce pegou o bonde andando, leia o post desde o início!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

voce pegou o bonde andando, leia o post desde o início!

Contínua minha pergunta, qual a potência do chuveiro a ser instalado, ele cita a potência do chuveiro antigo 4600 W.

Leia a pergunta do autor do tópico.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante

Interessante, ninguém perguntou qual a potência do chuveiro a ser instalado, todos preocupados com fiação, marcas, bitola de fio, disjuntor de entrada e proteção, e nem sabemos qual a características do chuveiro a ser instalado.

Por favor, nos diga qual a potência e tensão do sujeito.

Fica mais fácil de dimensionar a proteção, sem especulações.

 

Bom dia!

Minha dúvida é a seguinte:

Minha rede é 110V e meu chuveiro é de 4600 watts e usa um disjuntor de 40A normal. Funciona pefeitamente bem.

 

Meu disjuntor principal ou geral, da casa, usa um disjuntor de 40A.

Acontece que estou querendo colocar um chuveiro um pouco mais potente que requer um disjuntor de 50A e gostaria de saber se devo trocar apenas o disjuntor do chuveiro atual de 40A pelo de 50A , sem trocar o disjuntor geral de 40A ou se devo trocar os 2 disjuntores colocando ambos de 50A ou do chuveiro de 50A e o geral de outra corrente maior de 50A ? Tem algum problema ou algum perigo ?

Lembrando que minha rede é 110 V.

 

Uma vez eu coloquei um de 50A apenas no geral e deixei o do chuveiro de 40A com o mesmo chuveiro e ele só aguentava alguns poucos minutos ligado e depois a energia da casa toda acabava pois o disjuntor geral desarmava.

Recoloquei o de 40A e tudo voltou ao normal, sem problemas.

.

Obs.: Sei que pra disjuntor de 50 é necessária fiação de 10mm.

 

Desde já agradeço!

 

@Pinhed, foi informado sim. Basta ler todos os posts, o 1º inclusive.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Contínua minha pergunta, qual a potência do chuveiro a ser instalado, ele cita a potência do chuveiro antigo 4600 W.

Leia a pergunta do autor do tópico.

Eu li a pergunta do Andrei e concluí que ele tem conhecimentos elementares de eletricidade.

 

Ele falou que o novo chuveiro exige disjuntor de 50A.

 

Então a potencia deve ser algo em torno de 5000 a 5500 W.

 

Se alguem disser que o chuveiro tem 5500W, voce vai calcular 5500 / 110 e vai dizer que o disjuntor precisa ser de 60A, porque a corrente de trabalho será de 50A.

 

Isso funciona na aula de Física do ensino fundamental, mas na vida real a teoria tem que ser complementada pela prática e por conhecimentos teóricos adicionais.

 

A fiação está dimensionada para 60A?

 

Qualquer disjuntor de 60A, desarma com exatamente 60A ?

 

E o circuito principal, segura a carga do chuveiro, mais o aparelho de ar condicionado, a geladeira duplex, o forno de microndas e o aspirador de pó de 1600W, se todos estiverem ligados ao mesmo tempo?

 

A entrada de energia da concessionária está dimensionada para isso?

 

A entrada em 110V monofásico é a melhor opção?

 

O que voce me diz do efeito Joule?

 

Se o Andrei fizer serviço pela metade e alguma coisa der errada, quem assume o prejuízo?

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu li a pergunta do Andrei e concluí que ele tem conhecimentos elementares de eletricidade.

 

Ele falou que o novo chuveiro exige disjuntor de 50A.

 

Então a potencia deve ser algo em torno de 5000 a 5500 W.

 

Se alguem disser que o chuveiro tem 5500W, voce vai calcular 5500 / 110 e vai dizer que o disjuntor precisa ser de 60A, porque a corrente de trabalho será de 50A.

 

Isso funciona na aula de Física do ensino fundamental, mas na vida real a teoria tem que ser complementada pela prática e por conhecimentos teóricos adicionais.

 

A fiação está dimensionada para 60A?

 

Qualquer disjuntor de 60A, desarma com exatamente 60A ?

 

E o circuito principal, segura a carga do chuveiro, mais o aparelho de ar condicionado, a geladeira duplex, o forno de microndas e o aspirador de pó de 1600W, se todos estiverem ligados ao mesmo tempo?

 

A entrada de energia da concessionária está dimensionada para isso?

 

A entrada em 110V monofásico é a melhor opção?

 

O que voce me diz do efeito Joule?

 

Se o Andrei fizer serviço pela metade e alguma coisa der errada, quem assume o prejuízo?

Galera.

 

No início da discussão eu disse que sem um projeto elétrico, qualquer argumento seria um mero chute. Justamente por não sabermos estas informações citadas por @Wal SJC.

 

Então porque ainda estamos discutindo isto? Acho que a melhor resposta que podemos dar ao nosso amigo Andrei é esta: Procure um profissional qualificado para dimensionar sua instalação.

 

Todos dizem amém?

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×