Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Visitante

[Resolvido] Polarização do transistor Zona ativa?

Recommended Posts

Visitante

:muro::bravo::ahh:

Considerando o circuito da figura em que o transístor bipolar NPN é caracterizado por β=100 (ganho)

funcionamento_npn.jpg

pergunta simples,desta vez ,uma pergunta de cada vez valeu!

1)O correto de um transistor é fazer ele trabalhar sempre na região Ativa ???

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
:muro::bravo::ahh:

Considerando o circuito da figura em que o transístor bipolar NPN é caracterizado por β=100 (ganho)

funcionamento_npn.jpg

pergunta simples,desta vez ,uma pergunta de cada vez valeu!

1)O correto de um transistor é fazer ele trabalhar sempre na região Ativa ???

Esse site tem um monte de resposta para suas perguntas.

http://bit.ly/1iqOB5B

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Charlesfrances,

Mais uma vez, um simples desenho como esse não ilustra o contexto do circuito.

Esse circuito pode ser tanto de chaveamento, como de um amplificador de sinais, precisa sempre saber o que que está ligado nele, tanto na entrada ( base ) como na saída ( coletor ). Ou seja, o contexto !

Se for para chaveamento, ele vai trabalhar na zona de corte e na zona de saturação.

Se for amplificador de sinais, vai trabalhar na zona ativa.

Paulo

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  •    1
    Visitante

    1)Se for para chaveamento, ele vai trabalhar na zona de corte e na zona de saturação.

    2)Se for amplificador de sinais, vai trabalhar na zona ativa.

    1)Tipo ele esquenta se algunha coisa em sua saida adptada for errada

    2)Zona ativa zona normal de trabalho isso garante que ele dure por muitos anos e não queime? acertei?!

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    1)Se for para chaveamento, ele vai trabalhar na zona de corte e na zona de saturação.

    2)Se for amplificador de sinais, vai trabalhar na zona ativa.

    1)Tipo ele esquenta se algunha coisa em sua saida adptada for errada

    2)Zona ativa zona normal de trabalho isso garante que ele dure por muitos anos e não queime? acertei?!

    Zona ativa= igual amplificador

    Zona corte e saturação = Chave

    O que vai dizer se ele vai durar por muitos anos se chama DATASHEET, respeite ele e você será feliz.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  •    1
    Visitante
    É normal que o transistor possa trabalhar nas 3 zonas:

    Zona de corte, zona ativa e saturação.

    http://www.feng.pucrs.br/~fdosreis/ftp/elobasicem/Aulas%202006%20II/Aula10/Transistor.pdf

    EXCELENTE ARQUIVO:eek::zoio::aplausos:

    Zona ativa= igual amplificador

    Zona corte e saturação = Chave

    O que vai dizer se ele vai durar por muitos anos se chama DATASHEET, respeite ele e você será feliz.

    Correto, então minha intenção é usar sua capacidade o minimo possivel para que não eleve sua temperatura mesmo tendo que gastar um pouco mais componen-_-(_(te

    CARAMBA aquilo parece um virus :D:D

    Em baixa freqüência o capacitor atua como um circuito aberto eita ?

    Em alta freqüência o capacitor conduz, deixando passando a

    componente alternada do sinal (CA)

    mais espera ai ele fica aberto com sinal DC agora fiquei confuso:confused:

    e se for sinal (CA) em baixa frequencia ele fica aberto? é uma pergunta à toa!!!

    Em baixa freqüência o capacitor atua como um circuito aberto eita ?

    Em alta freqüência o capacitor conduz, deixando passando a

    componente alternada do sinal (CA)

    mais espera ai ele fica aberto com sinal DC agora fiquei confuso

    e se for sinal (CA) em baixa frequencia ele fica aberto? é uma pergunta à toa!!!

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    EXCELENTE ARQUIVO:eek::zoio::aplausos:

    Correto, então minha intenção é usar sua capacidade o minimo possivel para que não eleve sua temperatura mesmo tendo que gastar um pouco mais componen-_-(_(te

    CARAMBA aquilo parece um virus :D:D

    Em baixa freqüência o capacitor atua como um circuito aberto eita ?

    Em alta freqüência o capacitor conduz, deixando passando a

    componente alternada do sinal (CA)

    mais espera ai ele fica aberto com sinal DC agora fiquei confuso:confused:

    e se for sinal (CA) em baixa frequencia ele fica aberto? é uma pergunta à toa!!!

    Em baixa freqüência o capacitor atua como um circuito aberto eita ?

    Em alta freqüência o capacitor conduz, deixando passando a

    componente alternada do sinal (CA)

    mais espera ai ele fica aberto com sinal DC agora fiquei confuso

    e se for sinal (CA) em baixa frequencia ele fica aberto? é uma pergunta à toa!!!

    Um sinal ele é composto por vários outros sinais e o capacitor vai atuar de uma maneira pra cada um deles.

    O calculo de impedância do capacitor é 1/XC.

    Em corrente continua a frequência é igual a 0, logo 1/X0 tende ao infinito. Então não passa nada.

    Em corrente alternada seja a frequência baixa ou alta vai dependendo de como o capacitor está posicionado o AC "passa", estude sobre filtros-passa baixa, passa-alta, passa-faixa e rejeita-faixa.

    Senoide é uma onda pura, dada por Vp.sen(wt)

    Uma senoide deslocada é dada por DC + Vp.sen(wt)

    Uma onda quadrada é composta por infinitas ondas senoidais.

    • Curtir 2

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    O que vai dizer se ele vai durar por muitos anos se chama DATASHEET, respeite ele e você será feliz.

    Ótima observação, Felipefpt !

    Porém, hoje em dia, ainda tem de verificar se o seu transistor é original, ou é remarcado... Existe um mercado negro gigantesco de remarcação, principalmente quando é vendido para nós, meros consumidores....

    Faça uma experiência : vá até a Santa Ifigenia, procure pelo BC547A , e vai reparar que voce vai encontrar uns 10 tipos diferentes , em várias lojas, físicamente um pouco diferentes um do outro e cada um escrito BC547A de uma maneira diferente do outro.... Agora, ponha em um traçador de curvas, e verifique a qualidade delas..... Cada um dos modelos vai ser bem diferente, e em vez de ter as curvas paralelas, elas vão se abrir que nem um leque....

    A maioria quando a tensão de VCE chegar perto de 40 volts, já vai abrir a curva que nem um zener kkkkkkk !

    Agora, compre da Toshiba diretamente um transistor tipo 2SB ou 2SD, e coloque no traçador, vai ver que diferença absurda.... eles se comportam EXATAMENTE como diz o datasheet, e as curvas são todas paralelas. voce ajusta IB=1mA, depois 2mA, 3ma, 4mA, e aparecem quatro curvas igualmente espaçadas, todas bem paralelas ao eixo x, é exatamente igual à teoria que a gente aprende....

    Como eles são pouco usados no nosso mercado, nem compensa remarcarem, então a chance de ter um remarcado é quase zero, todos são originais.

    Eu, quando uso algum transistor em áudio para meu uso, só uso transistores japoneses, das famílias 2S qualquer coisa. Muito mais pureza, linearidade e baixíssima distorção.

    Paulo

    • Curtir 2

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    :muro::bravo::ahh:

    Considerando o circuito da figura em que o transístor bipolar NPN é caracterizado por β=100 (ganho)

    funcionamento_npn.jpg

    pergunta simples,desta vez ,uma pergunta de cada vez valeu!

    1)O correto de um transistor é fazer ele trabalhar sempre na região Ativa ???

    Consdiderando tão somente o que está desenhado e o hfe de 100 se tem

    Ib = (Vcc-Vbe)/Rb = (10-0,6)/220000 = 43 uA

    Se HFE = 100 IC = 100 x Ib = 4,3 mA

    Queda sobre RC = 0,0043 x 1000 = 4,3 Volts ===> O transistor está na região de condução, na sua região ativa pois você = 10-4,3 = 5,7 Volts

    Mas isso não significa que o correto é sempre ele trabalhar nessa região.. Vai depender do que se deseja com ele..

    • Curtir 2

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Consdiderando tão somente o que está desenhado e o hfe de 100 se tem

    Ib = (Vcc-Vbe)/Rb = (10-0,6)/220000 = 43 uA

    Se HFE = 100 IC = 100 x Ib = 4,3 mA

    Queda sobre RC = 0,0043 x 1000 = 4,3 Volts ===> O transistor está na região de condução, na sua região ativa pois você = 10-4,3 = 5,7 Volts

    Mas isso não significa que o correto é sempre ele trabalhar nessa região.. Vai depender do que se deseja com ele..

    Charles ...

    É por isso que se evita considerar o hfe com valor conhecido. Deve-se sempre aplicar alguma realimentação negativa na polarização, para que as tensões no transistor fiquem como esperado no projeto.

    Como está, seu transistor pode estar saturado ou tendendo ao corte, já que projetar com o parâmetro do transistor, como fator dominante, é não ter certeza de onde vai ficar a polarização.

    Mesmo que se ajuste o resistor para que a polarização fique como desejada, nada impede que ela venha a se alterar com o tempo, com a temperatura, com a tensão de Vcc, etc.

    MOR_AL

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  •    1
    Visitante

    dizem que o circuito divisor de tensão é o mais estavel de todos, se é mais estavel é o melhor,ainda acho que mesmo eles tendo capacitancias parasitas diferentes e não sendo originais

    creio que na região ativa demorem a se deteriorar!! sei la!!

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Pior ainda :

    Olhe no datasheet do transistor, voce vai ver que tem algo assim :

    Hfe Minimo : 30

    Hfe medio : 100

    Hfe Maximo : 300

    Ou seja, que garantia que voce tem que vai comprar um transistor e ele tem mesmo o ganho de 100 ????

    Paulo

    • Curtir 2

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  •    1
    Visitante

    ENTÂO È POR isso que se usa o hfe o minimo possivel e eu não estava entendendo!!

    aha!! agora esta ficando fácil:D

    por isso que se usa o hfe minimo pareci que os projetista ficam com medo de queimar o componente !!kkkkkk

    sem saber se realmente o transistor tem o hfe de 100!

    AGORA, vamos a outra questão :huh: kkkk!

    3)sinceramente ,estou me esforçando o maximo possivel para entender,só ainda não tenho o calculo do capacitor de realimentação coletor -emissor, e o capacitor do emissor dizem que tirando ele o ganho cai , realmente o assunto é bem complexo! alguém?:wacko:

    que

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Até agora, neste tópico, falamos de polarização em DC.

    O que voce quer não tem nada a ver com isso, e sim condição para sustentar a oscilação.

    Já te passei os links que tem essa informação no tópico anterior sobre osciladores, e como voce mesmo viu, não é nada fácil....

    O único capacitor de emissor que podemos te explicar é no caso de circuitos de baixo sinal, ganho em AC, mas não se refere ao esquema que voce postou aqui.

    Paulo

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  •    1
    Visitante

    :DCalma vou realmente dizer uma coisa grandioza que estou fazendo quando chegar ao final

    pessoal então vamos continuar kkkkkkkkkkk

    la vai mais pergunta !! VCC=10v e IC=40mA RC= 220 ohms VCE=VCC-IC RC fiz esse calculo na calculadora... rsrsr e deu no final

    2191.2 coisa de louco!! era para dar 1.2v

    foi mal me atrapalhei esta certo ´digitei errado é 1.2v mesmo

    na verdade pretendo estudar RF e fazer um drone por isso que estou tentando

    aprender o maximo possivel , depois tenho que fazer um oscilador de alta tensão

    para poder com que a faisca ou centelha ,tipo arma de choque ,os transistores não queime desta vez!! estou fazendo um propulssor!!-_-(_(:unsure:

    é como se eu tivesse que fazer todo o sistema de injeção eletronica ,por isso estudei tambem microcontroladores!!!

    e garanto que ja estou perto!! mais gostaria de entender bem estes transistores para que eles naõ võe para o espaço!!

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    ENTÂO È POR isso ...

    3)sinceramente ,estou me esforçando o maximo possivel para entender... e o capacitor do emissor dizem que tirando ele o ganho cai , realmente o assunto é bem complexo! alguém?:wacko:

    que

    O ganho do circuito com reistor de emissor fica:

    G = hfe * Rc /[hie + (hfe + 1) * Re]

    Onde:

    Rc - Resistência de coletor sem mais nada conectado a ele.

    hie - resistência de entrada do transistor

    Re - Resistor de emissor

    Essa equação é válida para pequenos sinais e representam o circuito equivalente do transistor para os parâmetros h modelo híbrido pi.

    Se souber escolher direito os valores de Rc e de Re, os outros parâmetros h (hoe e hre) podem ser também descartados.

    Observe que se Re fosse zero (sem resistor de emissor), o denominador seria menor. Isso aumenta o ganho G, mas torna as tensões de coletor, emissor e base mais imprevisíveis, de acordo com o projeto.

    Colocando o resistor Re o denominador aumenta, diminuindo o valor de G.

    Essa é uma típica realimentação negativa, pois:

    Normalmente (hfe + 1) * Re é muito maior que hie, podendo-se aproximar o denominador para (hfe + 1) * Re (pouco (hie) mais muito ((hfe + 1) * Re), vale quase muito ((hfe + 1) * Re)).

    Então aproxima-se a fórmula de G para:

    G (aprox.) = hfe * Rc /[(hfe + 1) * Re]

    Mas hfe + 1 vale aproximadamente hfe, então aproxima-se a fórmula para:

    G = hfe * Rc /(hfe * Re)

    Aí, com hfe no numerador e no denominador, cancelam.

    G = Rc / Re

    Veja que com o resistor de emissor Re, o ganho fica quase que independente dos parâmetros do transistor, que são hie e hfe.

    Se você quiser estabilidade em cc, mas muito ganho em ca, coloque um capacitor em paralelo com Re, para formar um curto em ca.

    Aí o ganho passa a valer:

    G = hfe * Rc /[hie + (hfe + 1) * 0]

    G = hfe * Rc /(hie).

    Isso aumenta o ganho ca e é muito utilizado quando o nível do sinal for muito pequeno.

    Espero ter lhe transmitido algo.

    MOR_AL

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  •    1
    Visitante

    VALEU MOR ajudou sim!! :bandeira:

    vou ate salvar a explicação!!

    se não seguir essa regra ai existe a chance dos transistores ir para o espaço?

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    VALEU MOR ajudou sim!! :bandeira:

    vou ate salvar a explicação!!

    se não seguir essa regra ai existe a chance dos transistores ir para o espaço?

    Qual transistor você está usando? Entre no datasheet dele e olhe o absolute maximum rates, nesses parâmetros o transistor vai trabalhar no limite dele, então considere esse valor uns 20% para baixo por segurança e não ultrapasse esse valor na alimentação, como por exemplo, não coloque 50V no coletor se o transistor só aguenta 30V e ETC. Sua configuração não vai mudar o tempo de vida do componente se esses valores forem respeitados.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  •    1
    Visitante

    existe algum calculo que vocês conheça para colocar este capacitor entre emissor - coletor? oscilador_UHF.jpg

    e pra acabar com toda a minha duvida,

    Solução:

    Adotando VE = 0,1VCC, VCE = 0,5VCC e VRC = 0,4VCC, temos:

    VE = VRE = 1,2V

    VCE = 6V

    VRC = 4,8V

    em circuito divisor resistivo de tensão com os quatros resistores r1 r2,r3 r4

    por que ele adotou VRE = 1,2V sendo VCE =6V e VRC = 4,6V ? alguem pode me dizer quanto de tensão vai sair com essa configuração na saida do coletor?? que loucura como é que pode VRE = 1,2V ser tão baixo e dar na saida do coletor 6V ou 4,6V fiquei atrapalhado agora alguem sabe?

    download_2.jpg

    Essa é minha duvida final pessoal!!!

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Caso o autor necessite, o mesmo será reaberto, para isso deverá entrar em contato com a moderação solicitando o desbloqueio.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Visitante
    Este tópico está impedido de receber novos posts.
    Entre para seguir isso  





    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×