Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Pincipi

Contratando loja ecomerce pelo otimonegocio.com.br

Posts recomendados

Minha esposa resolveu montar uma loja na internet para revender roupas, eu não entendo do assunto e peguei orientações no site portaldoempreendedor.gov.br, consegui fazer o cadastro dela de Micro Empreendedor e na parte de registrar domínio, ela resolveu contratar a empresa otimonegocio.com.br por conta de conhecer o gerente de lá. Disse que pagaria R$ 2.000,00 em até seis vezes e depois uma mensalidade de R$ 100,00. Desta forma ela se preocuparia em vender e a empresa em cuidar dos detalhes da loja virtual.

Eu fiquei desconfiado e fiz algumas pesquisas na internet que me remeteram a uma outra empresa com um nome diferente funcionando no mesmo endereço, de qualquer forma não encontrei registro na junta comercial das duas. Achei também algumas reclamações respondidas no reclame aqui,

Fui com ela lá e reclamei da falta de alvará de funcionamento da prefeitura e auto de vistoria do corpo de bombeiros, junto com a documentação da empresa, os quais acredito que deveriam estar em local visível na entrada, o Rogério, que se apresentou como gerente (conhecido de minha esposa) pediu desculpas por isso e disse que a documentação estava em outra sala e que iria me mostrar mas, pedi para ele me enviar junto com o contrato, ele também explicou sobre os nomes fantasia que aparecem na internet. Também não se opôs e de forma alguma em eu comentar aqui no Clube do Hardware.

Enquanto ele expunha os detalhes do plano on-platinum, eu dei uma olhada nas estações de trabalho vazias e vi marcas diferentes de computadores, alguns novos em folha, com o alumínio brilhando e outros sem brilho, com aparência de velhos e com poeira nos ventiladores, havia também um equipamento que parecia ser um servidor.

Todos os funcionários aparentavam ser jovens e se mostraram muito simpáticos, cumprimentando e conversando, enfim, tudo demonstrava ser um ótimo ambiente de trabalho, muito parecido com o que se vê na televisão ou em filmes, no centro do ambiente tem uma mesa de sinuca e em uma das estações de trabalho havia uma moça sentada em almofadas.

Estou aguardando o envio do contrato para análise e quem sabe prosseguir na contratação.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito provável que vão usar um serviço de terceiro para hospedar a loja de sua esposa.

Com isso, os R$2 mil ficariam para pagamento da configuração da loja, os R$100 eles vão gastar com o plano de hospedagem.
 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sim, ouvi uma parte da conversa, e deu a entender que os dois mil iniciais seriam para despesas com terceiros e eles só lucrariam na mensalidade a partir do segundo ano e talvez sobre uma porcentagem das vendas, não entendi muito bem os detalhes.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Pincipi Que isso? Lê o contrato. Lucrar com as vendas da loja é meio estranho.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu não contrataria uma plataforma de vendas que cobra percentual sobre vendas. É extorsivo. O cara quer ser sócio do seu negócio sem fazer nada. É complicado, pois muita gente quer ganhar em cima do desconhecimento alheio. Mas também estou por fora de qual plataforma ela poderia usar.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tentando me explicar melhor; eu pensava inicialmente que eles estariam ganhando uma percentagem dos lucros da loja, pelo que minha esposa disse, ela entendeu que não tem porcentagem de vendas, o que pode ocorrer é se as vendas atingirem uma quantidade maior que a delimitação do plano, automaticamente vai para o próximo plano que é mais caro.

Recebi a documentação para ser assinada, eu removi as páginas 1 e 7 que tem os dados pessoais:

1.zip.pdf

Quem tiver maior interesse dê uma lida, parece que mostra as plataformas que serão utilizadas. Caso eu esteja revelando algum segredo comercial, por favor me avisem para que remova o conteúdo.

Na página 1 vem escrito:

Logo ótimo negócio

proposta de prestação de serviços

Dados pessoais da minha esposa

Empresa:

Santo André - São Paulo

Razão Social: Solução TI Treinamentos e Produtos de Informática LTDA

Nome Fantasia: Ótimo Negócio

CPNJ.: 10.831.650/0001-32

Rua Catequese, 1095 - Vila Guiomar - Santo André.

CEP.: 09090-401

Telefone: (11) 4901-8000 | 0800 008 1010

E na página 7 vem os nomes e local para assinar.

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Pincipi eu não entendo quase nada disso, mas andei passeando muito pela internet nas últimas semanas porque vou montar uma lojinha no site da ONG de que eu participo. Nada a ver com sua necessidade, vai ser tudo eu mesmo fazendo, usando o plugin do woocommerce, mas pude observar algumas coisas que talvez possam te orientar.

Existem várias plataformas de e-commerce no mercado, algumas brasileiras. Muitas permitem fazer um teste grátis de um mês. Eu entendi que sua esposa não quer se preocupar com os detalhes, mas ela precisa saber quais são os detalhes que ela não quer se preocupar. Falo isso porque comecei do zero a montar o site da nossa ONG (desemprego tem a vantagem de dar um mooonte de tempo livre rsss) e percebi mais ou menos rapidamente que a ideia que eu fazia do que eu precisava ou não, do que era responsabilidade do provedor e do que era minha, mais um monte de coisas não tinha nada a ver com a realidade.

Então, por exemplo, se entre os detalhes que ela não quer se preocupar está a montagem da estrutura de pagamento da loja (pra mim, uma das coisas mais complicadas), eu entendi que as grandes plataformas de e-commerce têm essa parte organizada. Também têm montes de modelos para seguir, etc.

Todo esse rolo pra dizer que a orientação mais comum nos sites que andei navegando é que a pessoa evite fazer investimentos muitos grandes logo no início. A sugestão é que a pressoa reserve um tempo e faça uns test drives grátis antes. Assim, ela vai entender muito melhor o que ela quer que esteja no contrato.

 

Eu li o pdf que você mandou e, francamente, não me agradou. Eles usam a plataforma Magento. você e sua esposa já entraram no site da Magento para ver o que eles oferecem diretamente, sem intermediário? Fiquei com a sensação de que toda a infraestrutura oferecida é a da magento mesmo? As soluções de marketing já não sei.

Enfim, eu pesquisaria mais a fundo antes de fechar!

 

abs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Arutha Muito obrigado, é isso mesmo que ouvi, a base principal é a plataforma magento e pelo que entendi tem mais uma de reserva para o caso desta sair do ar, tem estrutura de propaganda, de pagamento e mais alguma coisa que não me lembro. Eu já disse não a minha esposa e mesmo assim, ela está decidida e já assinou, também já pagou o domínio e fez a logomarca, só falta agora encaminhar o contrato assinado e pagar os 2mil.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Pincipi Bom, nesse caso, o que podemos fazer é torcer para o feeling da sua esposa estar certo! 😀

Boa sorte para ela e para a loja!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Depois de entregar a proposta assinada, voltou dizendo que foi retirado o Skyhub devido a não atender ao Brasil, agora só falta assinar a página 5 e mandar de novo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Pincipi como estou pesquisando isso de loja, achei um youtube que dá umas orientações bem legais, não da parte técnica, mas de como pensar uma loja pra começar. Aí resolvi te passar!

https://www.youtube.com/watch?v=6B9d1MfjHkY

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Arutha  Sensacional! Muito do que ele falou no vídeo eu pude ouvir na conversa de apresentação, basicamente o gerente do ótimo negócio falou que não sabem vender roupa mas sabem expor o produto e integrar plataformas, como por exemplo não depender unicamente do correio para entrega, pois em caso de greve a loja para, ou então servidores diferentes para o caso de um cair continuar com o outro e ainda esta parte de análise de público alvo, além de outras coisas que ouvi e não tenho a menor noção mas, que deu a entender que é uma contínua análise e tomada de medidas para efetivar as vendas. Valeu pela dica.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Que bom que gostou! Eu também achei muito instrutivo, principalmente aquela parte de faça uma lista do que você precisa antes de se empolgar rssss

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!