Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Placa-mãe MSI MEG X570 GODLIKE

       
 9.829 Visualizações    Primeiras Impressões  
 15 comentários

A MSI MEG X570 GODLIKE é uma placa-mãe soquete AM4 topo de linha baseada no novo chipset X570. Vamos ver o que ela oferece.

Placa-mãe MSI MEG X570 GODLIKE
Produto Recomendado

Produto Recomendado

Introdução

Analisamos a MSI MEG X570 GODLIKE, placa-mãe topo de linha soquete AM4 baseada no novo chipset X570, com interfaces de rede de 1 Gbps, 2,5 Gbps, 10 Gbps e Wi-Fi 6; cinco slots M.2; tela com informações; e vários outros recursos. Confira!

O AMD X570 é o mais recente chipset topo de linha para o soquete AM4, lançado juntamente com os processadores Ryzen de terceira geração. Ele traz algumas diferenças em relação ao seu antecessor, o X470 (que, por sua vez, era praticamente idêntico ao X370): a presença de oito portas USB 3.2 Gen 2 (o X470 tinha apenas duas) e suporte a oito pistas PCI Express 4.0 para uso por slots de expansão e mais oito pistas PCI Express 4.0 para uso por periféricos.

Estas oito pistas PCI Express 4.0 para periféricos são divididas em dois grupos de quatro pistas. Em cada grupo, o fabricante da placa-mãe pode escolher entre ter uma interface PCI Express 4.0 x4, duas interfaces PCI Express 4.0 x2, quatro interfaces PCI Express 4.0 x1 ou quatro portas SATA-600. Além disto, o chipset tem quatro portas SATA-600 "fixas".

A comunicação entre o processador e o chipset se dá por uma interface PCI Express 4.0 x4, mas obviamente apenas se o processador for um Ryzen de terceira geração; se for um modelo anterior, essa comunicação utilizará o padrão PCI Express 3.0 x4.

As pistas PCI Express para conexão com placas de vídeo são controladas pelo processador, e não pelo chipset. Assim, se você utilizar um processador Ryzen de terceira geração, terá conexão PCI Express 4.0 disponível para placas de vídeo, mas 3.0 se utilizar processadores Ryzen de segunda geração.

Embora até a geração anterior todas as placas-mãe soquete AM4 fossem compatíveis com todos os processadores, isso muda um pouco nesta nova geração. Segundo a AMD, as placas-mãe baseadas no novo chipset X570 não são compatíveis com processadores Ryzen de primeira geração. Além disso, os processadores Ryzen de terceira geração só têm garantia de compatibilidade com as placas-mãe que utilizam chipsets B450, X470 ou X570. Placas baseadas nos chipsets da série 300 podem ou não ser compatíveis com processadores Ryzen de terceira geração, dependendo do modelo e da versão de BIOS utilizada.

Você pode conferir a placa-mãe MSI MEG X570 GODLIKE na Figura 1. Ela usa o padrão E-ATX, medindo 305 x 272 mm.

MSIMEGX570GL-01.jpg

Figura 1: placa-mãe MSI MEG X570 GODLIKE

Compartilhar

  • Curtir 9
  • Amei 1


  Denunciar Artigo

Artigos similares


Comentários de usuários


Me pareceu uma boa placa. Legal ver a utilização desse tipo de CI, e mais ainda o tradicional VRM, sem os dobradores de fase.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Nossa só olhando a 1º imagem imagino uma facada de mais de 2 mil na minha carteira, vou continuar lendo, mas parece ser linda e bem feita, olha as fases.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Só faltou mesmo a placa ter sistema para watercooler nativo. Seria muito interessante ver uma concorrente das waterforce da Gigabyte.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Rafael CoelhoNa pág sobre o VRM você diz MSI ROG Strix, me bugou o cérebro aqui.... hahahahha
Placa maravilinda, quem tem grana pra torrar tá aí a oportunidade.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

No caso quais os Doublers(diplicadores) que ela utiliza no circuito do VRM? @Rafael Coelho

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

com essa placa da para montar e um servidor de médio porte ou uma estação de trabalho para edição de video  e com um ótimo desempenho 

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A placa é muito bonita e com alta qualidade de construção, mas algo que nunca compraria pelo simples motivo, poucas portas satas e usb para muitos é o suficiente, mas para que armazena os seus trabalhos, principalmente os de vídeo é pouco. O painel traseiro é bem dimensionado mas falta portas usb, para uma placa que é a top da MSI, parece com a maioria dos gabinetes full tower de hoje em dia, em que só cabe a mesma coisa que um mid tower... placa-mãe deste nível não pode faltar recursos.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

gostei da 2@ placa de audio, audiophilo specs !

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Em 07/08/2019 às 12:59, GabrielLP14 disse:

No caso quais os Doublers(diplicadores) que ela utiliza no circuito do VRM? @Rafael Coelho

Este é o chip duplicador.

godlike.jpg

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Citação

Os processadores AMD têm um controlador de memória embutido, o que significa que é o processador, e não o chipset, que define que tecnologia e qual a quantidade máxima de memória que pode ser instalada.

Essa frase está em praticamento dos os testes de placa-mãe.

Daqui a alguns anos nem o chipset vai ser necessário e tudo virá no processador.

Falando de processador quando os fabricante de processadores conseguirem superar os "nanômetro" o que vem depois dessa unidade de medida?

placa-mãe desse tipo na minha opinião só vale a pena se a pessoa for usar pelo menos 60% do que ela oferece.

Alguém sabe se a AMD ou Intel vai fazer um novo padrão de soquete?

Usando essa placa com dois slots M.2 PCI Express 4.0 x4 extras, a placa de vídeo vai operar em 8X, e isso vai significar quantos porcento de perda de desempenho na placa de vídeo?

As placas de vídeo estão conseguindo usar tudo o que o slot PCI-E 16x tem a oferecer?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Edvaldo J. Frederico disse:

Falando de processador quando os fabricante de processadores conseguirem superar os "nanômetro" o que vem depois dessa unidade de medida?

placa-mãe desse tipo na minha opinião só vale a pena se a pessoa for usar pelo menos 60% do que ela oferece.

 

Abaixo dos nanômetros, temos os picometros. Mas provavelmente nunca teremos processo de fabricação da ordem dos picometros, pois daí já estamos na ordem de tamanho de uma única molécula.

 

 

1 hora atrás, Edvaldo J. Frederico disse:

Usando essa placa com dois slots M.2 PCI Express 4.0 x4 extras, a placa de vídeo vai operar em 8X, e isso vai significar quantos porcento de perda de desempenho na placa de vídeo?

As placas de vídeo estão conseguindo usar tudo o que o slot PCI-E 16x tem a oferecer?

Pretendemos fazer um teste para verificar isso.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Figura 5: fala em 8 portas SATA, mas são 6.

 

P.S. e ainda tem gente que acredita nessas saídas "banhadas a ouro"?

adicionado 27 minutos depois
1 hora atrás, Rafael Coelho disse:

Abaixo dos nanômetros, temos os picometros. Mas provavelmente nunca teremos processo de fabricação da ordem dos picometros, pois daí já estamos na ordem de tamanho de uma única molécula.

 

 

Pretendemos fazer um teste para verificar isso.

Um picômetro é a milésima parte do nanômetro, mas antes temos o Angstron, uma unidade de medida da ordem de grandeza do diâmetro atômico, que é a décima parte de um nanômetro, e equivale ao diâmetro do átomo de hidrogênio. A distância dos átomos de silício em uma rede cristalina é de pouco mais de um Angstron, sendo que um nanômetro é pouco menos de 10 átomos de silício alinhados. Com relação à pergunta do Edivaldo, tanto a Intel quanto a AMD não esperam superar os 4 nanômetros, por limitações do próprio silício.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Sr. Rafael

Mesmo caras, essas placas não são encontradas facilmente, eu estou na eminência de comprar o Ryzen 9 e estou vasculhando a internet a procura de uma de preferência Asus, e são caras, imagine se não fossem.  O que me chamou a atenção foi o conector ao lado das portas Sata, para que serve?

Obs: Dessa ai to fora, vejam o preço na Pichau

 

R$5.169,26 10x de R$516,93 sem juros no cartão

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
7 horas atrás, misterjohn disse:

Sr. Rafael

  O que me chamou a atenção foi o conector ao lado das portas Sata, para que serve?

À esquerda das portas SATA temos um conector para ventoinha, e à direita são dois conectores para portas USB 3.0.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!