Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Johnny Bravoo

Substituir Indutor por Resistor

Recommended Posts

 Bom dia! Entendo que indutores possuem campo magnético, e que são diferentes de um resistor, mas estou com um monitor Samsung crt antigo, cujo possui um indutor de 220uH torrado e não acho em lugar algum para trocar! Poderia utilizar um resistor? Ou um indutor de diferente medida? Obrigado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O problema é: monitor antigo, cliente não sabe se irá reparar! Outro detalhe, o indutor dele é como este da foto: 11.jpeg

adicionado 0 minutos depois

PS: não sei quanto ao funcionamento dele! Se está com tubo cansado, fly ruim, então gostaria de uma forma de fazer um teste antes, entende? Pensei até em enrolar um indutor novo, mas me parece que a quantidade de espiras será grande.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado (editado)

Algumas espiras em núcleo de transformador toko. 

Daí existem algum métodos para acertar a indutâcia. 

Editado por albert_emule

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas estes de 220uH são bem comuns, tem uns mais antigos que vem numa caixinha. 

Se tiver na alimentação de algum ci ou circuito pode por um qualquer pra fazer testes. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Johnny Bravoo ,

 

Eu comprei um kit no Ebay, vieram centenas de indutores desse tipo, 10 de cada valor, e paguei uma bagatela. Pode ser uma boa opção para ter na sua bancada.

 

Paulo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

 @albert_emuleComo seria? Não possuo um indutimetro no momento, há alguma outra forma? Infelizmente não tenho experiência com indutores! Só precisei trocar duas vezes, e de ambas consegui remover de outras sucatas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
42 minutos atrás, Johnny Bravoo disse:

 @albert_emuleComo seria? Não possuo um indutimetro no momento, há alguma outra forma? Infelizmente não tenho experiência com indutores! Só precisei trocar duas vezes, e de ambas consegui remover de outras sucatas.

 

L = R / (2 vezes pi vezes 60000Hz) --> PI = 3.14159265359

Na matemática, o número PI é uma proporção numérica que tem origem na relação entre o perímetro de uma circunferência e seu diâmetro.

 

Segue um exemplo para descobrirmos uma indutância desconhecida:

Um valor de indutância onde a tensão de 6 RMS senoidal com freqüência de 60Khz se dividiu igualmente entre um resistor de 45R e indutor:

L = R / 376991,1184308

L = 45 / 376991,1184308

L = 0.0001193662 H

L em Henrys 

R em Ohms

1000000 vezes 0.0001193662 = 119.3662 uH

 

 

image.png.d2f22b7e25ecb3496a56c2a1a25914bd.png

 

 

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@albert_emule

 

 

Outra forma de mensurar indutâncias, mais indicada na Instrumentação Eletrônica, é a aplicação de uma Ponte de Maxwell F5Rua4D.gif:

 

 

 

611383-18-33IP1.png

 

 

 

Espero ter ajudado GbhmuXl.gif.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Testei com onda quadrada. 

O indutor que medi, deu 6,59mH Mas desconfio. Preciso de um indutor que sirva de padrão, para aferir se dá certo com onda quadrada. 

Medi a tensão com o osciloscópio. 

 

Com este oscilador, fica muito limitado. Abaixo de 1mH não mede

Também não mede acima de 10mH.

É que começa a atingir os extremos da freqüência, na hora de dividir a tensão entre o resistor e o indutor. 

 

Com onda senoidal dá certinho. Mas preciso que indutímetro.   

adicionado 11 minutos depois

Acabei de lembrar que posso usar um simulador de circuitos, o LTspice.

Daí eu posso testar com onda quadrada e ver se também faz dar o valor real.

Vou fazer isso e postar aqui. 

 

Com onda quadrada é mais complicado. Tem que mostrar o valor TRUE RMS já que a onda fica bastante distorcida. 

Acredito que só um osciloscópio dê conta, quando a onda é quadrada. Por causa da freqüência alta que não é senoidal. 

adicionado 48 minutos depois

Já testei.

 

Onda quadrada não dá muito certo.

Deu um erro de 2mH. A indutância no simulador era 6.59 e o resultado foi de 8.24.

 

Mas quando é senoide dá o valor certinho. 

Simulei com senoide e deu certo.

 

Mas tendo um osciloscópio, existem outros métodos que dá certo com pulsos de onda quadrada: 

https://docs.google.com/viewer?a=v&pid=sites&srcid=ZGVmYXVsdGRvbWFpbnxlbGV0cm9udGVjY29tYnJ8Z3g6M2RjZDIwZTY4NDIxODgyNQ

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@albert_emule

 

 

É bem mais complicado querer calcular a indutância através da reatância indutiva quando a entrada é uma onda quadrada.

 

 

 

Nessa situação, as tensões e correntes no circuito são determinadas pelo Teorema da Superposição, considerando a entrada de tensão como várias fontes de tensão em série, cada uma sendo uma frequência harmônica da onda quadrada F5Rua4D.gif !

 

 

 

Toda essa complexidade costuma ser estudada em livros de Eletrônica de Potência. São muitos fatores como: diferença entre reatâncias para cada harmônica, mudança de formas de onda no circuito, propriedades da média quadrática (valor RMS) etc.

 

 

 

Espero ter ajudado GbhmuXl.gif.

  • Obrigado 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×